03 fevereiro 2009

A imprensa e o monstro leonor

Colegas da imprensa,

Vocês criaram o monstro. Agora têm de agüentar.

Vocês criaram o monstro ao contribuir para o estelionato bambi e ao impor uma lógica em que a geração vitrine fica à vontade para propagar sua alienação. Acontece que o monstro só cresce a cada manchete distorcida, a cada tentativa de construir um mundo cor-de-rosa no Jd. Leonor, a cada vez que os veículos de comunicação se submetem ao marqueteiro do mal.

Isso tudo é uma alegoria, claro, mas o monstro tem muitas caras. O monstro está em cada imbecil que faz parte da sub-raça alienada e vomita arrogância sem qualquer esforço. O monstro está nos dirigentes leonores e em suas declarações sem propósito. O monstro está nas seguidas tentativas de tomar o dinheiro público e na falta de limites para apropriar-se do que existe primeiro na casa dos outros. O monstro está na farsa do gás, no caso Madonna e no surto heróico-oportunista do anão de jardim. E também na incapacidade de admitir as derrotas dentro de campo, tal qual um moleque mimado. O monstro não tem limites, pois foi assim que vocês, jornalistas, o criaram.

O comportamento de Muricy Ramalho é reflexo de tudo isso. Talvez nem seja por mal, mas ele, possivelmente um cidadão honesto, se deixou influenciar por esse monstro. Vocês deveriam saber que tem gente que se deixa envolver facilmente pelo ambiente.

Afinal, não foram vocês que passaram os últimos anos dizendo que Muricy era folclórico? Não foram vocês que transformaram má educação em autenticidade? “Luxemburgo é mascarado e Muricy é autêntico”: era assim o discurso, não? Houve até quem transformasse declarações raivosas em divertidas reportagens de TV. E houve quem quisesse transformar em (anti-)marketing pessoal o temperamento irascível do técnico leonor. Vocês até enalteceram o “jeito zangado do Muricy”, como se ele fosse um cachorrinho genioso, de quem se aprecia um latido aqui e outro acolá.

Pois é, Muricy Ramalho acreditou nisso tudo e resolveu atacar. A culpa é toda de vocês, colegas da imprensa vendida. E não adianta reclamar.

19 comentários:

Suardi disse...

Barneschi, muito boa sua análise. O Raphael, postou algo parecido no Cruz.

Claudio Yida Jr disse...

Repito o que disse no Cruz: imaginem se Mano Menezes ou Madureira tivessem o mesmo comportamento do Muricy? Seriam folclóricos ex-treinadores de suas respectivas equipes...

cruzdesavoia disse...

hehehe... Barneschi, cada vez mais escrevo sem ler a MP de antemão - inclusive a maioria dos meus posts são agendados. Às vezes o seu sai antes, às vezes depois, mas fico até contente quando acontece tal coicidência com o Forza - sinal que ainda ando pelas linhas certas do raciocínio.

Abraços!

Filipe disse...

A abutraiada precisa de carniça, e o viadinho do marquetim quer dar essa carniça pra ela.

O alienadinho que segue à risca o release da madame deve estar meio perdidinho, tentando encaixar em sua cabeça vazia alguma rejeição ao muriçoca. Sinais trocados de uma imprença vendida. Abutraiada de merda.

Alesqui disse...

Pois é Barneschi, agora a ESPN que o trajano é diretor de jornalismo disse que não vai mais às coletivas de imprensa do SPFW.

Cria cobra e não quer ser mordido.

Nicola disse...

O Muricy é um bosta. Não só pelas atitudes dele, mas também por ele ter se identificado com a escória e muitas vezes fazer o joguinho deles.

Pra mim elas tão dando chilique muito cedo. A dúvida é: Vão voltar direto pro seu ostracismo ou levar um pau do Palmeiras em alguma decisão?

Anônimo disse...

Barneschi,

Confesso que tinha imensa curiosidade em saber sua opinião sobre o Muricy, seria uma pergunta que lhe faria em breve: O que realmente vc acha do Muricy Ramalho? Iguala ele a "escória" como vc diz ou o vê de maneira diferente? E se vc o acha um bom técnico.
Acho que, depois desse post, minhas perguntas ficariam sem nenhum sentido né? Se tiver algo mais a acrescentar sobre o que pensa a respeito, gostaria de saber, apenas a título de curiosidade.

Continuo acompanhando o blog diariamente.

Abraço

RP

Forza Palestra disse...

RP,

Obrigado.

Muricy Ramalho é um puta de um técnico. Competente ao extremo, e isso não se nega.

Mas está se deixando influenciar por esse clima todo e passou a acreditar que pode tudo e que não pode ser questionado.

Deu no que deu...

Abraço

Anônimo disse...

eu acho que ele esta doente. e serio!
quem nunca encontrou um velhinho assim igual ele por ai.

nao sei se e depressao, se toma muito remedio, mas acho que ele tem algum disturbio sim.

marcelo c lopes

trocolor disse...

O problema do Muricy é que ele.......ele........ééééé......hummmmm....ah deixa pra lá


Só sei que o spfc é o meljhpr

Forza Verde disse...

Pessoal, deêm uma olha nisso:

http://observatorioalviverde.blogspot.com/2009/02/luciana-gimenes-indignada-e-desesperada.html

Hahaha...

Como são ridículos, medíocres e patéticos.

Anônimo disse...

É impressão minha ou esse ressentimento exacerbado contra a grande imprensa tem a ver com o fato de alguns de vocês, jornalistas formados, não conseguirem entrar no mercado, ficando esquecidos no limbo das assessorias de imprensa?

Paulo D. Prado

Alessandro disse...

Amigos palmeirenses inveja mata vius, só por que o Sao Paulo tens mais
estrutura que seus time?????Torco pro Beluzo por que ele é uma pessoa seria e eficas.Por que essa persiguicao infame e tortuosa?????Até poucos tempo o alvo era o Corintians, que o Corintians era isso e aquilo ,e claro o Sao Paulo estava digamo, em ''segundo plano'',agora só por que o Sao Paulo ganhos titulo e mais titulo atras do outro voces fica falando que o Sao Paulo é isso e é aquilo,que ganha campeonato robado, que compra juizes e quetais dos quais nao fica aquém de pronunciar.Melhor voces cuidarem dos seu times do que cuidar dos time dos outro.

Nao quero parecer advogado de ninguem,mas quero ser verdadero no que quero diser,nao quero que ninguem me leve a mal, desculpem-me

Forza Palestra disse...

Aos bambis, um a um:

Trocolor:
Não é por nada não, cara, mas você poderia aprender a escrever o próprio nick antes de querer emitir opinião. Por sinal, quando fizer isso, tente não passar vergonha como fez agora.

Paulo D. Prado:
Pois é, logo se vê que você não entende nada do mercado de comunicação no Brasil.

Alessandro:
Não tenha pressa: eu prometo que espero você aprender a escrever para iniciar uma discussão em pé de igualdade.

Anônimo disse...

Não entendo de remunerações e oferta de trabalho, mas não é preciso saber muito para perceber que, para o sujeito formado em jornalismo, trabalhar num órgão de imprensa é intelectualmente mais satisfatório do que ser porta-voz de empresas, ainda que ganhando menos.

Manter blogs seria uma forma de exercer o jornalismo aprendido na faculdade, compensando assim a frustação com o trabalho de assessor de imprensa?

Paulo D. Prado

periquito verde e branco disse...

porra, é um bambi pior que outro

expurga esses caras

melhor um rockwood do que esses inaptos

Forza Palestra disse...

Paulo,
É tão difícil assim você entender o que motiva a existência deste blog? Parece que sim, pois ainda não conseguiu entender que isso aqui é um projeto claramente pessoal, sem qualquer vínculo com trabalho. De qualquer forma, a minha visão do que é o “trabalho” passa bem longe da sua visão simplista e equivocada, de tal modo que o que você escreve não faz o menor sentido.

Nicola disse...

Barneschi, da uma olhada nisso aqui...

http://www.sempreverde10.blogspot.com/2009/02/imprensa-e-o-monstro-leonor.html

Forza Palestra disse...

Valeu, Nicola! O Raphaello tinha me avisado. Vou deixar um comentário lá.
Abraços