21 fevereiro 2010

Dentro de campo

Daí que o alienado foi terminar a semana passada, para nós tão conturbada, com o discurso padrão: “O que você vai fazer lá? Ver o seu time perder de novo? Enquanto você estiver sofrendo no estádio e passando calor, eu vou estar em casa, tomando todas e vendo a vitória do meu time pelo PPV.”

A resposta que eu deixei com o canalha oportunista deve ficar registrada aqui, mais ainda depois de uma vitória que só parecia inesperada para imbecis como ele e os da sua corja: “Eu não vou ao estádio pra ver meu time vencer. Eu vou para levar o meu time à vitória. E se o resultado não vier, eu quero estar ao lado do meu time especialmente nessa hora.”

Vejam que eu até poupei o imbecil de insultos mais fortes, aqueles todos que seriam merecidos por quem decide seguir o caminho do oportunismo barato. No fundo, ele já sabia. Afinal, ele se deixa levar pela postura covarde e fraca de dirigentes que, com o seu time no campo de batalha, preferem ficar escondidos no vestiário.

É que o futebol se decide dentro de campo, e isso não muda nunca. Estávamos em uma situação desfavorável e tudo conspirava para o pior, é verdade. Mas é futebol e, de tempos em tempos, o gigante Palmeiras precisa encarar o seu inimigo mortal de cima para baixo e, como fez hoje, colocá-lo no seu devido lugar.

***

Nosso amigo, o promotor

O senhor doutor Paulo Castilho enfrentou o calor da zona oeste com um belo terno, condizente com o papel por ele desejado, o de xerife do futebol paulista. Como se estivesse em campanha eleitoral – e não está? –, desfilou pelas alamedas do clube, depois pelo estádio e, claro, subiu ao campo de jogo. Lá ficou por alguns minutos, gesticulando ao lado dos comandantes do policiamento. Não ajudou em nada. Depois, ao final do jogo, foi ao encontro dos microfones para lamentar as brigas do lado de fora do estádio. Como se elas não tivessem sido causadas por incompetência do próprio 2º Batalhão de Choque da Polícia Militar, que novamente proibiu a venda de ingressos antes do jogo, deixando muita gente do lado de fora.

Belo terno, senhor Castilho...

***

Notas soltas

*JJ, Leco, Jesus Lopes, anão de jardim: que tal o nosso vestiário?

*Vocês viram a defesa de costas do goleiro leonor? Que arrojo, que pioneirismo, que modernidade...

*O prometido post do Avanti, mais um, ficou para esta semana. É mais fácil escrever depois de ouvir, a caminho do Palestra, a constrangedora entrevista do senhor Mauro Zucatto.

***

"Febre de bola", páginas 229 e 230:

"Nenhum dos momentos que as pessoas descrevem como os melhores de suas vidas me parece análogo. O nascimento de um filho deve ser extraordinariamente emocionante, mas na verdade não tem o elemento crucial da surpresa, e de qualquer forma demora demais; a realização de ambições pessoais - promoções, prêmios e coisa que o valha - não tem o fator temporal do último minuto, e tampouco o elemento de impotência que senti naquela noite. E o que mais existe que possa propiciar a mesma subitaneidade? Um prêmio enorme na loteria, talvez, mas o ato de ganhar grandes quantias de dinheiro afeta uma parte da psique totalmente diferente, e não tem nada do êxtase comunitário do futebol.
Portanto, não existe literalmente nada para descrever isso. Já exauri todas as opções disponíveis. Não me recordo de mais nada que eu tenha desejado por duas décadas (o que mais pode com sensatez ser desejado por tanto tempo?), e tampouco recordo-me de algo que tenha desejado ainda garoto e já homem feito. Portanto, sejam tolerantes com aqueles que descrevem um momento esportivo como o melhor de suas vidas. Não carecemos de imaginação, e tampouco levamos vidas tristes e áridas; apenas a vida real é mais pálida e mais chata, e contém menos potencial para o delírio inesperado."

23 comentários:

Marco Túlio disse...

Chupa Bambi! Que delícia de vitoria...
Mas achei totalmente inoportunos os protestos da Mancha antes do jogo. Principalmente aqueles que diziam: 'Ei Cipullo, vai tomar no c*!'. Isso minutos antes do jogo é um tiro no pé, nao acha?!
************
"*OBRIGADO, OLIMPIA/PAR! Nem vocês sabem o bem que fizeram ao futebol oito anos atrás."
Desculpa pelo atraso, mas do que vc estava falando? Nao lembro...
Abs

Anônimo disse...

Belo post! Amigos, rola no site da Veja.com uma lista "alternativa" para a Copa, boa idéia dos caras. Na posição goleiro, inacreditavelmente, Rogério Cena está na frente. Vamos corrigir o erro e votar Santo, CX10 e DS7...

Rafael disse...

Fala pilantra!

eu ia te falar da entrevista do Mauro Zucato para o Mirtão...foi de doer..."nós lançamos o programa sem que estivesse completamente estruturado"...porra, pq lançou entao???

sobre ontem, vc esqueceu de falar que a borboleta monarca esperou ver se El Matador Robert faria o gol pra dps reclamar do toque de mão...detalhe que nem os zagueiros que estavam na jogada reclamaram....só ela!

essa meninada alegre do jd. leonor ta fogo viu?

abs

Daniel disse...

CHUPAAAAA BAMBI!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Barneschi, na estrada para o interior, depois do jogo, 1 palmeirense foi morto com um tiro na boca. Briga de torcidas organizadas. Em SP, que se sabe, aconteceram brigas no ABC, na porta do estádio e duas na zona leste. Em todos os casos foram apreendidos paus, barras de ferro e pedras. 1 torcedor tbm perdeu a mão com uma bomba. Fica a pergunta: A culpa é da polícia?

Forza Palestra disse...

Anônimo,

Veja que meu texto fala em "brigas do lado de fora do estádio". Eu não fiz referência às demais, seja no ABC, na zona norte, na leste ou no interior. Só vi hoje as notícias sobre o que aconteceu no interior. Lamento profundamente.

Estas brigas, é evidente, nada têm a ver com a ação da PM. Mas os homens do 2º BP Choque são responsáveis diretos pelo confronto do lado de fora do estádio. Afinal, isso só aconteceu porque eles, incompetentes que são, proíbem a venda de ingressos antes do jogo. Muita gente fica sem ingresso e aí temos o confronto. Simples assim.

Mas tem gente que parece fazer questão de ver as brigas acontecerem. Tem gente que só mantém o emprego enquanto houver violência.

Forza Palestra disse...

Marco Túlio,

O Olimpia, em 2002, pegou o São Caetano na final da Libertadores. Sei lá como o Azulinho chegou até lá, mas chegou. E aí veio o Olimpia e, nos pênaltis, evitou que o pior acontecesse.

Anônimo disse...

Começou o projeto Abu Dhabi! Rsrsrs. Abs

Rafael disse...

the million dollar question:

Teve o Zago, com 9 meses na profissão, mais colhões em sua estréia no Palmeiras, que o murici, com anos de carreira??

Pedro disse...

Pilantragem das bixas aqui no posto... Pelo menos uns 4 armados, sairam dano tiro pra tudo quanto é lado e na mão não aguentaram

Bandeira disse...

Barneschi,
o promotor mostrou mais uma vez o quão ocupado está e o tanto que se empenha para que nós possamos ir aos estádios com segurança.
Afinal, ele tb poderia estar de bermuda e camiseta ou com sua família num domingo ensolarado, mas por preferir nos servir sem ganhar um tostão a mais(diga-se), ele lá estava contribuindo para o bom andamento do espetáculo.
Foi de chorar, acredite!!!

Mas que o terno era bonito, isso era!!!

abs

Ulisses disse...

E o cenário não muda...

Acordei de manhã e decidi ler o jornal, lá constava a vitória do Palmeiras como se tivesse ocorrido sobre o Mirassol.

Nenhum texto denegrindo a imagem do lixo do Jd. Leonor.

Nenhum jornal afirmando o que qualquer idiota consegue ver, que as reclamações são infundadas. Muito pelo contrário, alguns foram a caça de pêlo em ovo e conseguiram concordar com os argumentos da escória.

Se tivesse a vitória ido para o lado oposto, nós seríamos obrigados a ler coisas do tipo:
- Nem mudança de técnico salva Palmeiras de vexame
- São Paulo cala o Palestra
- Deu o que tinha que dar
- Vitória da Organização
E por aí vai...

Mas nesse caso, elas buscam evitar o nome dos bambis o máximo possível.

Um time que disputou 3 clássicos e perdeu os 3, um time que apresenta um futebol ridiculo desde o inicio do ano, um time que investiu pesado em contratações que não estão vingando... Mas ácima de tudo, um time a prova de crises... um time que tem escudo... Um time nojento!

Vejam no globo.bom os melhores momentos.. Observem a falta que o tal Xandão faz... Lembra da imagem que ele está puxando o Eduardo? Pois é, ela foi cortada... deram um zoom para que parecesse simulação... Tal zoom foi dado anos atrás em um lance inesquecivel sobre o Junior, mas no caso o penalti foi dado aos bambis e o zoom para que parecesse falta...

Ahhh...

E para o FDP do Neto o gol ainda foi de mão... PUTA QUE PARIU VTNC!!

Salve PAlestra!! Grande vitória!!

Abs!

Myself disse...

Palavras do promotor desocupado, segundo a gambazeta:

Segundo Paulo Castilho, muitos torcedores foram ao Palestra Itália com o objetivo apenas de brigar.

"Aqueles que estavam sem ingressos realmente não tinham boa intenção hoje. Vimos atos de violência, infelizmente é um crime comum", reforçou o promotor

------------

Esse promotor eh um fanfarrão, pelo amor.

Anônimo disse...

Ouvi dizer que o Fred será contratado. É verdade?

Anônimo disse...

Parabéns!
Porcada imunda. Levaram a vitória no apito mais uma vez! Coloca isso no seu dossiê ridículo, bando de porquinhas. Só assim mesmo!
Valentes são vocês, 50 imundos atacando covardemente um torcedor do São Paulo.
Turminha da pipoca, cornetaram antes..e depois louvaram o novo técnico.
CHUPA PORCADA! A gente se encontra na libertadores!
CHUPA PORCADA! Olhem a tabela!

João disse...

Anônimo,

Não sou o dono do blog, de modo que o que você por aqui diz não me diz respeito. Ainda assim, na condição de palmeirense, tomo a liberdade de mandar você à merda.

Até.

João disse...

Cara, faz tempo que adio a leitura desse livro, o "Febre de Bola". Esses trechos que você tem publicado foram o estímulo que me faltava. Bela iniciativa.

Sobre ontem, e sobre os bambis, uma coisa me chamou a atenção. Ontem, por volta das 14h, eu tava na República, almoçando em uma churrascaria, quando passou um grupo da principal organizada deles. O curioso é que, de cerca de 200 membros, 5 no máximo vestiam a camisa do SPFW ou de alguma organizada. Os demais, à paisana. Só os identifiquei pelos gritos.

Deprimente, não?

Abraço.

Adão disse...

e a roubada monumental do juiz, vai entrar no dossiê?

Anônimo disse...

Uma pessoa que se chama Adão deveria ser proibida de escrever alguma coisa que nome mais ridículo. Ae Adão cade a Eva seu alienado de merda.

Forza Verde disse...

O vagabundo do apito apitou o tempo inteiro a favor do NAZI-CLUB e esses ALIENADOS DEMERDA vem chorar que foram prejudicados?

É mta BANDIDAGEM e DESCARAMENTO mesmo pra essa CORJA CANALHA. Se bem que vindo da onde vem não é de se admirar, afinal se vangloriam de serem a ESCÓRIA DA HUMINDADE...

maradona disse...

kakakakaka !!!
eva e adão ou melhor
éviadão.
nome escroto.

XUPA BICHARADA !!!

Forza Palestra disse...

Porra, ouvir bambi reclamando de arbitragem é de foder...

A resposta está no post de cima.

Anônimo disse...

Acontece sr. chorão, que ambas as faltas foram sem critérios. A começar com lances piores que os jogadores disso que vc chama de time fizeram. Você estava no estádio e viu tanto quanto eu.

o cara que se chama maradona vem cornetar oq? hahahahahahahaha
paga pau de um argentino..ridículo. Fica quieto na próxima!

coloca aí no seu dossiê ridículo chorão, todas as vantagens da porcada na era parmalat, preciso procurar pra você? ah..mas você deve saber. Ou outros lances durente todos esse anos. Acontece que os outro torcedores não são tão 'pipocas' quanto vocês e tão chorões..só lamento!