11 setembro 2013

Marasmo

Nem adianta esperar algo diferente: até o final de novembro, não vamos ter nada além do que vivemos na noite de ontem na cancha municipal. Refiro-me não só ao marasmo dentro de campo (nem mesmo um pênalti perdido com 0-0 no placar chega a incomodar), mas ao que tivemos do lado de fora também. Porque, ao contrário de 2003, não há agora o efeito "vamos levar o Palmeiras de volta". Porque, com os modorrentos pontos corridos e com quatro vagas em disputa, o Palmeiras já estava de volta antes mesmo de começar o campeonato. E aí, meus caros, o desinteresse dos historicamente menos presentes é inevitável, não faz muito sentido pagar R$ 40 para um jogo da Série B, os horários não ajudam... e um público de 9 mil pagantes é mais ou menos o que se pode esperar.

Alguém poderá dizer: "mas o Avanti agora tem um ranking para privilegiar os torcedores mais assíduos e isso estimula a presença em todas as partidas". Menos, menos... porque os que vamos a todos os jogos somos os mesmos de sempre. Já nos reconhecemos de longe e tal situação só pode mudar se tivermos um time bom e que esteja disputando decisões atrás de decisões. Mas...

Mas o Palmeiras/2013 abdicou de tudo o que poderia disputar e, com isso, já comprometeu mesmo o ano seguinte. Enquanto se comportar a gestão atual como se fosse a direção de um banco e enquanto pensarem os nobres dirigentes que vitórias e títulos pertencem ao terreno do "imponderável", nada disso vai mudar.

Acostumem-se, portanto, nos oito jogos que nos restam como mandantes até o fim do ano, a chegar ao Pacaembu meio que para cumprir obrigação e às vezes sem nem saber o nome do adversário (que diferença faz?). Preparem-se para ver um time que vai lá cometer seus erros e que talvez nem jogue bem, mas que invariavelmente vai chegar à vitória (foram 15 em 21 jogos no total, 7 em 8 no Pacaembu). Aí uma meia dúzia vai gritar o nome de chileno vagabundo daqui, a Mancha vai xingar uns e outros dali, e, bem ou mal, sobreviveremos todos a esse marasmo insuportável.

Faltam 17.

24 comentários:

Bruno Ricardo SEP disse...

Tanto marasmo que no meio do segundo tempo a Mancha fez "disputa de coreografia", nas músicas.

Sinceramente, mais interessante qe o jogo.

17...

Lucas disse...

Pior q o sentimento é esse msm.Um sentimento recorrente nos jogos no Pacaembu é:Não importa o q aconteça,a gente vai ganhar o jogo d algum jeito.Tanto é q nem fiquei puto qndo perdeu o penalti,pq dificilmente a gente perderia aquele jogo de ontem. Tirando aquele jogo contra o Paysandu e vá lá contra o Paraná, todo o resto c meio q ja tem a certeza do resultado e vai pro Pacaembu pq vc sabe q vc tem q estar lá independente de tdo.

Mirandolla disse...

A pesar quanto à essa questão do ranking do Avanti, divulgaram sem que estivesse tudo pronto, não estão contando os tais pontos para quem tem ido aos jogos, nem estão dando preferência ainda na pré venda, para quem foi aos últimos.

acreano disse...

marasmo total.
mas um ponto positivo... que festa da mancha! não parou um minuto!


tenho medo do que pode vir a acontecer com os preços do novo palestra.

Antonio Previato disse...

Agora era hora do presidente abaixar o ingresso e convocar a torcida. Precisamos do apoio da torcida, dessa vez, apenas pelo lado financeiro.

Anônimo disse...

Você tem razão, Barneschi, mas ainda assim não podemos nos dispersar. É preciso manter acesa a chama...Faço a conta de que faltam mais 6 vitórias para abandonarmos esse calvário da série B! Depois, vou relaxar pois enquanto não chegarmos ao número de pontos necessários para o acesso, não consigo ver nada como garantido, pois já vimos e vivemos muito em futebol... Precisamos continuar alertas para o Ano do Centenário, pois esse marasmo pode contaminar os espíritos mais fracos e fazer desandar a grande comemoração que, juntos, devemos fazer! Fé no futuro! Ânimo, galera! Não há mal que sempre dure! Também depende de nós que somos a alma e o coração do time! Avanti! Forza, Palestra!

Frederico disse...

Placa da porta do Palestra: "FECHADO PARA BALANÇO. ABRIREMOS EM 2014"

É com esse pensamento que estamos sendo conduzidos. Obrigado Tirone, Frizzo, Paulo Nobre e José Carlos Brunoro!!

Miguel Vieira de Lima disse...

Barneschi, vc não acha que esta "divisão" recente da torcida mereceria uma reflexão, em que pese talvez um processo de mudança do perfil da torcida já em curso com o avanço do ST e a futura arena como horizonte. creio que é possível ter como hipótese um processo de enfraquecimento das organizadas, pelo menos nas arquibancadas.não me lembro de ter visto nenhuma outra situação parecida, pelo menos com a SEP, aliás a unica torcida que eu acompanho.

Léo Souza disse...

Barneschi, vc sabe como funcionará a questão do ranking?
No site do Avanti eles colocam tudo na mesma leva.. em um jogo vc ganha no máximo 15 pontos (5 por reservar e mais 10 por girar a catraca), mas tem sites em que cada real gasto em compras equivale a dois pontos.
Ou seja, vc vai em 15 jogos, mas o boy que comprou alguma merda cara em um dos sites parceiros vai ter o dobro de pontos que eu e com isso prioridade na compra de ingresso...
É isso mesmo??

Anônimo disse...

porra cara vc só reclama

pronto.....faz o seguinte, não va mais ao jogo

o Palmeiras nem sabe que voce existe mesmo

Felipe Teodoro da Silva disse...

Com essa diretoria só vejo o futuro obscuro para nossa S.E.P. Podendo nos tornar um Arsenal da vida, contudo ele tem a seu favor os turistas que visitam Londres e o campeonato que leva mais turistas do que torcedores nacionais em alguns jogos.
ESPERO QUE EU ERRE. Torço para que o Nobre se ajuste e que o MUMU morra só assim poderemos ter um salto de qualidade internamente.


PALMEIRAS, Minha minha vida é você!!!

Raul Martins Dias disse...

1. Barneschi, eu entendo suas críticas aos pontos corridos e ao marasmo que já se tornou essa série B, mas me permita abrir um parêntese. Já que só nos resta a Série B, então até o fim do ano não faço questão nenhuma de ter emoção. Quero é sair logo desse inferno, e voltar para o lugar de onde dirigentes medíocres nos tiraram. O resto, agora, é detalhe.

2. Li por aí que o Palmeiras está "quase sem visibilidade" na Série B. Não lembro quem disse isso, mas é brincadeira, né? Um time do tamanho do Palmeiras, com a torcida que tem, teria visibilidade até mesmo na segunda divisão paulista (aquela que vem depois da A1, A2 e A3). Milhões de palmeirenses seguindo o time - e, sim, rivais dando uma secada, por mais que neguem -, não tem como o Palmeiras não ter visibilidade. Isso é desculpa, e desculpa fraca, ainda por cima.

Raul Martins Dias disse...

Quanto à questão do imponderável, vou citar aqui novamente a frase que eu escrevi no ano passado, quando ainda brigávamos para não cair: se o Palmeiras terminar em 16º (última posição fora do rebaixamento), não terá feito mais que a obrigação. Aliás, terá feito 15 posições a menos que a obrigação.

Um clube como o Palmeiras não pode ficar se contentando em comemorar "3º lugar e vaga na Libertadores". O único objetivo tem que ser o título. Todo o resto não serve. Não ganharemos todos, mas temos que brigar por todos até o fim.

Felipe Teodoro da Silva disse...

Foda é você ler em um site palmeirense que defende ingresso de graça para a corja de conselheiros e pior a babacas que defendem. Barneschi, estou contigo contra essa diretoria que prega austeridade no futebol para gastar com executivos que não mostraram resultados até agora!!!!

É sempre o mesmo perfil de pessoas que defendem essa diretoria - Classe B para A, mora em bairro nobre. Nunca frequentou a periferia e se pudesse tornaria o Palmeiras igual ao time da Moóca. Time de bairro!

César SEP disse...

Fala Barneschi! prazer falar com você ontem. Foi o que eu te disse, eu sabia que iria ter jogo dia 21, mas nem sabia contra quem era rs. Esses times da série B são patéticos, é mais do que obrigação ganhar de 3 gols por diferença. Em relação ao público, é o que vamos ter até o final do ano; mas no jogo em que for levantar a taça, o pessoal vai resolver deixar o sofá. Doamos o Barcos, que na época era o melhor centroavante do Brasil em troca de 5 pernas de pau, sendo que nenhum vai ficar no Palmeiras quando acabar o ano, ou alguém acha que o Nobre vai pagar 5 milhões de dólares no Leandro? Política do "bom e barato", esse é o lema da pífia gestão.
Parabéns pelo blog cara, mais uma vez!

Abraço

lucas disse...

Barneschi tenho até medo que esse time seja mantido , acho que se não se reforçar poderá acontecer outra tragédia no próximo ano .

andresouza36 disse...

17 e contando!

BrunoBatera disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
BrunoBatera disse...

O Palmeiras começou cedo a pré-temporada de 2014

Anônimo disse...

Ao Cesar SEP...cara eu nao podia deixar de comentar seu post. Ow vc disse tudo meu irmao time da politica do bom e barato kkk vdd absoluta esta eh a politicaa do time que age exatamente do tamnho da força da torcida Palmeirense"baixa, pequena, e sem dinheiro" isto msm!!! ta se perguntando pq?? Somos a torcida que perde em media de publico para sport, nao temos um terço dos socios do Inter, nao aguentamos pagar ingresso mais que 10 reais, perdemos em audiencia Disparado em relaçao aos gamba, e queremos ter time com grandes jogadores? Hahahaha esse time dai Cesar ta melhor do que essa nossa torcida vale ....isso que eh a vdd.

Anônimo disse...

Caro Barneshi, eu nao tw conheço, e a unica coisa que sei que vc eh Palmeirense igual a mim, e aqui eu neste post eu queria te perguntar, a vc que escreve super bem, vejo que tem uma cultura e inteligencia acima da maioria, me dissesse como nos declarados. uma naçao muito acima das outras torcidas...podemos reclamar tanto, fazer tanto quebra pau se nos quase nao contribuimos para um Palmeiras melhor?? Me diga isso?? Como reclamar se qdo o Palmeiras esta mais precisando da torcida somos os primeiros a meter o pau...acho que se estivessemos um time melhor poderiamos exigir mais...poderiamos brigar, chingar, mas olha nossos jogadores somente uns tres salva!!! acredito que os gamba podem exigir mais pois eles tem um time muito forte e competitivo, e elrs enchem os estadios, compram produtos feitos loucos, conseguem dar muito ao clube e por isso querem o retorno e nao eh esta a maneira que deveriamos nos postar...dando muito ao clube para podermos cobrar...mais olha direito nossa torcida...olha com atençao!!! veja que nao temos mais socios que um mero inter...que eh uma bosta de clube comparado a gente...olha o gremio, me diz a onde eu estou errado...pois acho um discaramento exigir tanto do Palmeiras sem dar em troca...enquanto nao nos organizarmos e sermos um grande rendimento ao clube como eh os gamba talvez nao tenhamos o direito de exigit tanto, e sempre me refiro aos gambas pq eles sempre vao ser mossos maiores rivais, mais que de 94 pra ca onde eramos quase o mesmo numero de torcedores e ver agora que ele tem quase o dobro da gente eh foda e ver que como os cara reclama em gastar 20 reais pra ser socio do.clube do coraçao me revolta.

Anônimo disse...

Eu ganho RS1200,00 reais mensais...tenho familia pra sustentar...nao posso ir ao estadio porque moro muito longe...mais este eh meu sonho que ainda vou realizar...e mesmo assim me tornei socio do palmeiras minha vida eh vc simplesmente para ajudar...sei que consigo um pouco do retorno nos mercados Extras aqui da regiao mais este nunca foi meu intuito...de ser socio pra ter coisa em troca...sempre quis msm eh ver meu amado Pal
eiras bem...mesmo ainda pagando esta mensalidade escindida da mulher rsrsrs mais faço... ai vejo um monte de cara playboyzinho reclamando do time e nao tem coragem de ser socio pq 10 reais vai fazer falta ... FILHA DA PUTA pq reclama tanto entao disgraçado. Isso eh foda mais o pior eh ver os milhoes de torcedores que temos na capital e somente 30 mil socios....vao tudo se fuder !!!! Ver um pacaembu com 8 mil torcedores e vir reclamar ... tinha que reclamar se tivessem ido 32 mil ai simm teriam direito...

cristiano disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Barneschi disse...

Tem um Cristiano aí que andou surtando aqui e no outro post. Deletei os comentários lá e aqui.

Tem outros que eu vou até deixar.

De resto, admito estar sem a menor paciência para entrar em ainda mais debates que não vão levar a lugar algum. Acredito que cada um fala por si; as atitudes dizem mais do que as palavras.

Abraços