22 agosto 2011

O país do futebol? (31)

O maldito "futebol moderno" avança por todos os flancos, e a resistência é cada vez mais necessária. Mas aqui, no dito "país do futebol", a alienação prevalece; o exército de João Sorrisão ganha adeptos a cada dia, com imbecis de todos os tipos, e cabe ao torcedor de verdade a tarefa de combatê-los.

O capítulo 30 foi um dos mais necessários desta série "O país do futebol?" porque mostrou exemplos de resistência pelo mundo. Vieram mais sugestões pontuais e alguns episódios recentes mostraram que é preciso ser ainda mais incisivo nesta guerra.

Se por aqui nego se submete ao marketing predatório (notem que a justificativa da Geração Winning Eleven para "escolher" seus times do exterior tem a ver sempre com jogadores e nunca com a torcida) e faz gracinha para aparecer na TV em vez de protestar contra ela, lá fora os protestos são constantes, bem organizados e bem executados. Se necessário for, podem ser até truculentos.

Este capítulo será diferente de todos os outros. Depois de alguns vídeos, vou abrir uma exceção e colocar fotos que são importantes para entender a diferença de mentalidade entre os brasileirinhos e os torcedores de países onde efetivamente vive o futebol.

Vídeo 1: Os velhotes da Uefa não devem ter gostado da mensagem da torcida do pequeno Viktoria Plzeň, da República Tcheca, visitante no jogo contra o Copenhagen, pela fase preliminar da Uefa Champions League 2011/2012.


Vídeo 2: No Brasil, um imbecil como Arnaldo Tirone se vende pelas migalhas de um vilarejo do Mato Grosso do Sul e a coisa fica por isso mesmo. Na Lituânia, a torcida do FBK Kaunas, da cidade de Kaunas, não aceitou que a diretoria do clube fizesse o mesmo. Vale conferir aqui a história toda; seria um bom modelo a ser seguido por aqui.


Vídeo 3: Sei que este vídeo é muito parecido com os que apareceram no capítulo anterior, mas estamos em guerra, e não dá para esmorecer. É como diz uma faixa comum entre os ultras italianos: "Tolleranza Zero Al Calcio Moderno".


Vídeo 4: A torcida do Liverpool, comprado por um grupo de investidores americanos, também faz a sua parte:


###

Foto 1: Protesto da torcida do Milan contra o futebol moderno.


Foto 2: A torcida do Acadêmica de Coimbra, de Portugal, protesta contra os horários absurdos impostos pela TV. A faixa no alto ilustra bem a presença de alguns torcedores no sofá, logo abaixo.


Foto 3: Eles não resistiram e foram ao jogo. Mas o recado ficou.


Foto 4: Na Italia, resolveram marcar jogos no horário do almoço. Logo na Italia, vejam que absurdo! A torcida do Bologna deixou o seu recado: "O futebol moderno envenena também o almoço".


Foto 5: A torcida do Genoa também se manifesta contra as partidas na hora do almoço. Notem o prato e os talheres, além da faixa logo acima: "Querem famílias e crianças no estádio? Que pena... neste momento eles estão comendo"

Não dá pra ler na foto, mas uma das faixas da parte inferior traz a seguinte mensagem: "O futebol moderno deveria aprender os bons modos: não se come vendo TV"

Foto 6:
Os ultras do Avellino, um dos poucos times de verde da Italia, protestam contra as partidas aos sábados:


Foto 7: Se aqui no Brasil os poucos jogos da seleção local são um evento social para que alienados apareçam na TV, lá na Italia o amor à pátria ainda prevalece. Eis uma boa imagem de protesto contra o futebol moderno antes de partida disputada em Genova:


Fotos 8, 9, 10 e 11: Se o problema aqui é a Rede Globo, lá na Italia é a Sky. E aí todas as próximas fotos fazem referência à Sky, com trocadilhos diversos.

Foto 8: Torcida da Internazionale. Schifo = nojo.


Foto 9:
Catania, na Sicilia. A mesma mensagem.


Foto 10: Mais uma do Avellino, agora contra a Sky.


Foto 11:
Ultras da Roma no Olimpico. Agora o trocadilho envolve a palavra "schiavi" ("escravo").


###

_Este capítulo só foi possível graças às colaborações enviadas pelo Gabriel Manetta Marquezin. Os méritos são dele.

11 comentários:

Ricardo disse...

puta merda, que post foda!

depois de ver manifestacoes tao contundentes e memoráveis, o nojo cresce ainda mais quando lembro de todos alienados e vagabundos aqui no brasil com placas pedindo pro maldito narrador do canal lobotomia "filmar nois"!

excelente post, obrigado Gabriel e Barneschi!

Luiz disse...

Muito bom!

Gabriel Manetta Marquezin disse...

Obrigado!

mais uma vez, digo que, é muito bom colaborar com este blog!

eu sempre achei curioso o fato do Avellino ser praticamente o único time de ver na na Italia, e comecei a reparar que eu toda a Europa os times de verde são poucos....aqui na América que temos mais, principalmente no Brasil...muito curioso...



Barneschi, como você vai para PP? caravana? van? conhece algum grupo que esteja indo por conta própria e esteja precisando de mais gente?? a caravana é prática e segura, mas muito demorada...da última vez foram quase 10h de viagem na volta, após um empate debaixo de um sol infernal...

Forza Palestra disse...

Gabriel,
Valeu pela ajuda! Este capítulo só possível pelas suas colaborações.
Sobre Prudente/MS: me mande um email (forza.palestra@yahoo.com.br) para falarmos.
Abraços

Anônimo disse...

Mais um belo capitulo, como sempre...gostei quando vc diz q os alienados escolhem o time pelos jogadores e ñ pela torcida...
Pois comigo foi totalmente o oposto se gosto de ver os jogos do Liverpool foi tão somente pela torcida, me lembro até hj do primeiro jogo que eu vi pela ESPN do Liverpool, aquela torcida cantando YNWA foi inesqucivel (vc até já citou em um dos capitulos essa musica), agora o cara usando uma camisa do Chelsea da vontade de dar uma surra de gato morto até o gato miar...

Ódio ao futebol moderno...sempre

gregorio disse...

Essa serie tambem é baita vou começar a ler do numero 1 depois faço um comentário mais amplo

FabioTremems disse...

Será que é muita utopia achar que um dia no Brasil ainda veremos manifestações deste tipo?
Seria mais utopia ainda, acreditar que as torcidas de diferentes clubes pudessem se unir em protesto ao futebol moderno no país e principalmente contra a Globo?
Vi uma vez um vídeo (acho até que foi aqui mesmo) que mostrava várias hinchadas argentinas protestando juntas em frente a AFA contra o preço abusivo dos ingresso, e me perguntei quando é que teremos organização e senso de coletividade suficientes para promover um ato assim.

gregorio disse...

Lendo todos os posts do "país do futebol" e "geração winning eleven" entendi melhor seu ponto de vista, e concordo em muito no que diz, principalmente no comodismo do povo brasileiro, e realmente até o Chipre ama mais o futebol que nós.
Mas este tipo de futebol mais legal igual dos teus videos nunca deixará de existir, embora a existencia do futebol geração winning eleven tende a crescer vide thiagos leifert, mas nao concordo que só tenha acefalos do lado de lá, tem vida inteligente, só que as pessoas de la veem o futebol como entretenimento e não como um fenomeno social que é.

continue na sua luta, tens meu apoio, e divulgação junto aos meus alunos adolescentes, embora serdes palmeirense,ehehheh

um abraço

Anônimo disse...

bela serie!!!!!!

Anônimo disse...

Sinceramente, tenho pouca esperança no povo brasileiro em geral. Veja a questão do "Não ao futebol moderno". Eu talvez tenha sido uma das primeiras pessoas a tomar contato com essa idéia, por intermédio de amigos meus. Na época, todo mundo sabia do que se tratava e falava mais ou menos a mesma lingua.

EU VIVI a transformação do futebol brasileiro. Vi as bandeiras serem tiradas das arquibancadas paulistas, a merda de Lei Pelé que jogou um monte de time tradicional no esgoto, fui obrigado a ir assistir jogo as 11 da manha de domingo ou 19:00 de terça pq a TV queria assim...

mas a idéia se perdeu... hj vc ve um mauro cezar pereira, empregado de esportes de tv a cabo, ou seja, um pilar da modernizacao do futebol, bradando essa frase... ou um cara que fundou torcida brasileira de clube ingles (!!!) gritando seu "ódio contra a modernidade do futebol"...

P.S. Arsenal tomando de 7, hj vai ter suicidio virtual coletivo da "firma brasileira" kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Joao Felipe disse...

Caraca que post foda!! Melhor post que eu ja li sobre futebol, cara, muito bom, està de parabéns! Continue sempre com esse blog, eu sou Vascaino, mas teu blog é muito foda vei!! Força Palmeiras, estamos juntos! FJV-Mancha Verde-Galoucura