25 maio 2011

Geração Winning Eleven (4)

A sugestão partiu do leitor Paulo Fontes, via Twitter, e me pareceu válida para dar sequência a esta não tão profícua série. Confiram na imagem abaixo a classificação final da temporada 2010/2011 do Campeonato Espanhol:



O que temos em jogo lá na Espanha, entre Barcelona e Real Madrid, pode ser muita coisa, mas não é futebol. Porque não dá para levar a sério uma disputa que, apesar de oficialmente contar com 20 times, está ao alcance dos mesmos dois clubes a cada ano. Se fosse uma vez ou outra, seria aceitável. Mas não é o caso.

Não dá para aceitar uma competição em que o líder enfia 25 pontos de vantagem sobre o terceiro colocado e exatos 38 sobre o quinto colocado, o primeiro fora da zona da Champions League. Vejam, senhores: foram 38 pontos a mais depois de 38 rodadas. Significa que o campeão fez, em média, um ponto a mais por rodada que o quinto classificado. Para efeito de comparação, a diferença aqui no Brasil fica entre quatro e seis pontos. Uma aberração!

Aberração também é o saldo de gols dos dois primeiros (o Barcelona tem quase 2 gols de saldo por partida!) e também o fato de apenas sete clubes finalizarem a temporada com saldo positivo (ficou tudo concentrado com Real e Barcelona, sendo que este último supera com sobras a soma de todos os times entre o 3º e o 7º lugar).

Conseguiram acabar até com a rivalidade histórica entre Real Madrid e Atletico de Madrid. Lá se vão 12 anos desde a última vitória do Atletico sobre o Real. Deixou de ser clássico.

É tudo, menos futebol. Ponto para a Geração Winning Eleven.

14 comentários:

Luiz Fabiano disse...

Eu falava que o Espanhol não era parâmetro de nada pela distância de Real e Barça frente ao resto, mas agora que vejo os números... até a comparação que eu fazia com o Campeonato Mineiro foi pro espaço, nem nos estaduais brasileiros dá pra conseguir um saldo de quase cem gols (SALDO, não gols pró)

Gabriel Manetta Marquezin disse...

acho que é o PVC que diz "o Campeonato Espanhol é o melhor Campeonato Gaúcho do Mundo"

Forza Palestra disse...

É bem pior que o Gaúcho ou qualquer outro. Os estaduais de 2 times aqui do Brasil têm pelo menos partidas finais e aí você tem a chance de uma surpresa, de um time vencendo o outro em uma partida atípica.

O que acontece na Espanha é uma aberração. É qualquer coisa, menos futebol.

Fábio disse...

Até no campeonato baiano, que tinha trocentos Ba-Vi por temporada pra tentar animar a disputa teve surpresa este ano. Gostaria de fazer uma sugestão aos "jornalistas" que defendem o fim dos regionais e babam ovo pro futebol europeu: lancem uma campanha pelo fim dos campeonatos nacionais na Europa (que em termos de previsibilidade de resultados são iguais ou piores que os regionais, como já citei acima) e transformem a UCL (to parecendo os caras da ESPN) num Campeonato da Comunidade Européia em pontos roubados, digo, corridos, como eles tanto adoram...

Anônimo disse...

mudando um pouco de assunto....e o documentário sobre o palestra, já viram? dá uma saudade...
http://www.youtube.com/watch?v=knrtZb6_GPU&feature=player_embedded
PorcoCAreca!

Forza Palestra disse...

Porco Careca,

Já tenho um post pronto para a divulgação desse documentário.

Abraços

vitor disse...

será q a geração we ficou feliz com a bela campanha do gigante athletic bilbao?
será q eles se atentaram a isso?
será q eles consideram um 5º lugar, obtendo vaga novamente na copa da uefa, uma boa colocação?
será q eles sabem de onde é o athletic bilbao?

Forza Palestra disse...

Boa observação, Vitor. Eles certamente não sabem.

Mario disse...

Aqui na Itália é a mesma babaquice.

Em Genova os torcedores do Genoa celebraram como nunca o rebaixamento da Sampdoria, uma coisa até bacana pela rivalidade que existe.

Agora, sem o rival na mesma divisão, quais são as expectativas para a próxima temporada? O mais do mesmo, como sempre...

Luiz disse...

Querem fazer isso com o Brasil... vão monopolizar as transmissões e a grana vai ficar cada vez mais concentrada.

Paulo Fontes disse...

Legal saber que estou colaborando com o blog.

Achei bem pertinente para mostrar como é chato e sem graça esses campeonatos europeus, onde cresce a cada temporada o abismo entre esses grandes clubes para os menores. Fica impossível acontecer alguma surpresa e os outros times acabam disputando apenas a UCL, enquanto o título fica entre Real e Barcelona.

Melhor ainda que você colocou alguns pontos que eu ainda não tinha percebido nessa tabela.

Abraço.

Thales disse...

E ainda há quem diga que é "o melhor futebol do mundo"...

Anônimo disse...

Meu amigo, e qual o problema em que o Barcelona e o Real Madrid tirem 10, 20 ou 50 pontos de vantagem nas outras equipes do futebol espanhol? Isso é mérito do Barcelona...isso é mérito do Real Madrid...se o Almeria tivesse o dinheiro que tem o Real, estaria ali brigando nas primeiras posições, e essa de que:

"Conseguiram acabar até com a rivalidade histórica entre Real Madrid e Atletico de Madrid",

Que eu saiba essa rivalidade dura até hoje, basta somente assistir a um clássico para se dar conta disso, a paixão com a qual é disputado é imensa. Mas voltando ao tema do Real e Barça...estas equipes tem dinheiro, contratam mais e vencem mais, pronto acabou e doa a quem doer. E se essas equipes tem mais dinheiro do que as outras, é porque souberam gerar lucro com vitórias e boas administrações desde a sua fundação, então é um campeonato igual para todos. Se os outros times perdem é porque são ruins. E isso faz parte de um processo histórico, porque no começo todas as equipes começam com pouco dinheiro e sem nenhum título, ou por acaso disseram na fundação do Real "faça-se o Real Madrid!! apareça Cristiano Ronaldo! ou apareçam milhões de Euros!", isso tudo foi-se conquistando, não caiu do céu nem para o Real, nem para o Barça, nem para nenhuma equipe do planeta, ao menos que o Bill Gates resolva fundar um time de futebol, aí é outra história.

"O que temos em jogo lá na Espanha, entre Barcelona e Real Madrid, pode ser muita coisa, mas não é futebol"

WTF meu amigo???? acho que foi uma afirmação meio que espontânea.

"Aberração também é o saldo de gols dos dois primeiros (o Barcelona tem quase 2 gols de saldo por partida!) e também o fato de apenas sete clubes finalizarem a temporada com saldo positivo (ficou tudo concentrado com Real e Barcelona, sendo que este último supera com sobras a soma de todos os times entre o 3º e o 7º lugar)."

Qual o problema disto???? Paciência meu amigo, isso mostra que essas equipes são excelentes times de futebol. Se os outros times da Espanha são ruins, o Real e o Barça não tem culpa, é a mesma coisa numa sala de aula, sempre vai ter alguém que vai tirar as melhores notas, e outros que são os burros, e claro! a tendência disto é repetir-se e repetir-se e repetir-se, isto é chato? SIM, mas não é um problema. Não entendo onde está o problema em tudo isso...esses times são verdadeiros esquadrões do futebol mundial, e não porque tem muito dinheiro, se não porque possuem muitos títulos. O Barcelona por exemplo, é uma equipe que 90% de seu time é formado na própria catalunha...o que me diz disto?? onde está o futebol globalizado aí? Eles mantém a própria cultura catalã, e conseguiram vencer mesmo sem contratar craques internacionais, e se contrataram algum, pode ter certeza de que este eram 1 ou 2 no máximo. Isso é a realidade, então meu amigo, sem choro nem vela, nem fita amarela.

Forza Palestra disse...

Percebo que sua alienação não permite que você entenda o que está por trás da diferença de pontos entre a dupla Barcelona/Real e os demais, né? Já que é assim, não posso fazer nada. Continue com sua alienação e com seu apoio ao futebol moderno.