05 junho 2013

Chega de austeridade

Como se não bastasse o sacrifício de pegar a estrada para ver esse pretenso time que temos mandado a campo, ainda me sinto no dever de pensar no que escrever sobre o festival de erros que tivemos nesses dois últimos jogos em Itu. E então, senhores, como não há inspiração que resista a tamanha ruindade, não vou abordar nada relacionado a arquibancada, tampouco vou destacar quaisquer detalhes relacionados à torcida, ao estádio ou ao ambiente – nem há muito a ser dito. Um breve parágrafo cumpre o propósito de resumir o que vivemos em Itu nas duas últimas vezes em que a camisa verde (ou branca) foi a campo:

Em respeito a 99 anos de história, à tradição alviverde e ao seu torcedor, a Sociedade Esportiva Palmeiras não pode ser representada por um time tão grotesco e débil quanto este que aí está. Os dirigentes do clube têm o dever de abandonar as frases de efeito (não venham falar em austeridade!) para evitar que o nome do Campeão do Século XX seja desrespeitado jogo após jogo.

###

Viajo sexta para Recife. Provavelmente só volto a escrever na volta.

22 comentários:

Anônimo disse...

Boa tarde a todos, é impossível qualquer torcedor do Palmeiras ter em sã consciência que este plantel , tenha a possibilidade de tentar algo a não ser o acesso com muito sofrimento para a serie A, o atual presidente é uma figura com retorica já desgastada, em todos os sentidos, pois o profissionalismo, que seria implantado , não passa de mera conversa mole, pois sou sócio é conheço um pouco da politica suja do clube, pois Paulo Nobre sem o apoio de MUMU, o maldito , não seria eleito, muito menos os quatro vices, que hoje ostentam cargos sem que tenhamos uma resposta real de uma realidade bem distante das expectativas criadas por muitos , destruída por iniciais ações sem uma resposta efetiva do CEO Brunoro, que ate o momento não convence ninguém já que ser coadjuvante não é o DNA do Palmeiras, mas sim dos que militam na corja politica alviverde.
Claudio Longo FASMIGLIA PALESTRA!

Yuri Bassichetto Tambucci disse...

depois do bom e barato veio isso: o #SangueNaVeia e barato

Anônimo disse...



Vão levar uma "escovada" violenta do Sport...


Matheus Trunk disse...

Prezado amigo anônimo, com o maior respeito ao Sport e ao povo pernambucano, quem é o Sport no cenário do futebol brasileiro? Não sei se você sabe, mas o Palmeiras é bem maior, tem mais títulos e história.

Barneschi disse...

Matheus,
Permita-me fazer um aparte e uma retificação.
É o seguinte:
O Ixpót é um time de merda, irrelevante, desprezível e, acima de tudo, pequeno. Merece ser tratado como tal.
Sua torcida é de uma estupidez atroz e, o pior, racista.
Abraços

Anônimo disse...

Tem que montar um time bom para disputar a copa do Brasil para ter uma chance de ser campeão da libertadores no ano do centenário

Unknown disse...

Concordo com muitos pontos da linha editorial deste blog, mas dentro da mediocredade do futebolzinho brasileiro, gostaria de sugestões de nones à serem contratados que qualificariam de imediato, sem appstas, nosso time.
Abraços
Luiz

Anônimo disse...

Barneschi,

Nunca fui a Recife ver jogo com a BOSTA do Ixpóti, mas pq vc são racistas?

Abs,

Biaggi

Barneschi disse...

Eu não sou nada. Eles são.

Anônimo disse...

Barneschi,

Escrevi com pressa e saiu errado. Pq você diz q eles são racistas?

Abs,

Barneschi disse...

Os paraibanos podem responder isso com enorme desenvoltura.

Gente que trava uma guerra contra gente de outros estados simplesmente por serem de outros estados não merece meu respeito.

Em 2009 demos a resposta dentro de campo - e fora também. E isso vai acontecer sempre, porque torcemos para um gigante enquanto eles torcem para um time pequeno de merda.

Anônimo disse...

Esse site é um dos melhores, se não o melhor site Palmeirenses. Verdazzo é lixo comparado a esse.

Leonardo disse...

Concordo plenamente. Chega de discursos vazios!

Anônimo disse...

Meu caro Barneschi, seu texto é, como sempre, de extrema lucidez. É urgente que montemos um time compatível com a história, as tradições, o gigantismo do Palmeiras e que tenhamos um técnico corajoso e inteligente a comandá-lo! Nós, palmeirenses apaixonados, estamos sempre dispostos a todos os sacrifícios pelo clube, mas não se pode sacrificar tanto uma torcida como a nossa tem sido! Não podemos nos acostumar com a mediocridade, não podemos aceitar a burrice, a pequenez, a humilhação! Nunca! O Palmeiras é símbolo, história, pioneirismo, grandeza e merece ocupar o topo! Vamos lutar sempre para que assim seja! Ninguém apequena o Palmeiras! Forza, avanti Palestra!

Ettore disse...

A torcida do sport ainda usa aqueles "temidos" apitos de criança?

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Gilson Kleina até agora no Palmeiras Comandou o Palmeiras em 47 jogos Com 19 vitórias com 16 derrotas com 11 empates seu ataque marcou 65 sua defesa tomou 56 È pouco MUITO POUCO pela grandeza da S.E.P....

Anônimo disse...

Gilson Kleina é muito ruim, mas boa parte da torcida não aceita que se discuta o treinador pois acham que ele é omenos culpado devido ao plantel ruim que tem nas mãos. Eu tenho convicção que um treinador um pouco melhor e com mais personalidade pelo menos daria algum padrão de jogo ao time que não tem nenhum desde que o GK assumiu! Desde um jogo contra o SPFW, ainda na série A, que levamos de 3 ficou constatado que ele fez uma escalação desastrosa e que foi o principal responsável pela derrota. Na minha modesta opinião o GK escala mal, substitui mal, não tem boa leitura de jogo, é covarde, inventa demais, não sabe aproveitar as melhoras características de cada jogador, treina mal o time (não acertam nem cobrança de lateral), não prevê jogadas ensaidas, nunca se sabe qual é o esquema tático que está usando e vai por ai...Acho que o time é medíocre e o treinador também! Se ele foi contratado para evitar o rebaixamento e não evitou, que fosse demitido e que se começasse tudo do zero em 2013. Mas, o pessoal insiste com GK. Não entendo. Tem mais, ele não é nada barato. 250 mil por mês é muita grana por esse aproveitamento ruim que ele apresenta! Até quando? Para mim, ele é tão ruim como o Estevam Soares e outras lepréias que inventaram como técnico, não está à altura do grandeza do gigante Palmeiras! Eu não aguento mais vez GK como treinador do Palmeiras, mas parte da torcida o defende com garras e dentes! Difícil!

Anônimo disse...

cuidado com a Chapecoense ein...

César SEP disse...


Anônimo - 11:47

O elenco do Palmeiras é muito ruim, você poderia colocar o Mourinho, Felipão, Guardiola, desenterrar Telê que NINGUÉM vai dar jeito nesse time. Ninguém vai ensinar a esses caras jogarem bola. Não dá pra culpar o Kleina. Um time que tem erros primários, de marcação, passe, chute, tática não vai pra frente. É culpa do Kleina os laterais não acertarem um cruzamento sequer? é culpa do Kleina os caras errarem passes de 2 metros? é culpa do Kleina o Valdívia sair na noite invés de estar tratando a "lesão"?
Cara, tem muita gente na Copa Kaiser que é melhor que certos jogadores que estão ai no Palmeiras, vai por mim. Esse elenco atual é um lixo, os caras treinam a semana inteira (ou fingem que treinam) e na hora do jogo parecem barata tonta correndo. Nos últimos anos já passaram pela SEP: Muricy, Luxemburgo, Felipão, Jorginho... Nenhum desses deu certo. Será que o problema é o técnico mesmo? ou é a diretoria que não se esforça para trazer jogadores de qualidade, contratando atletas (ruins) em esquemas corruptos (igual ao caso com o São Caetano), visando benefícios próprios? Veio, SEM JOGADOR, NÃO VAMOS A LUGAR ALGUM. O técnico não vai entrar em campo e jogar. Desse elenco ai, só um ou dois tem a condição de vestir a camisa (pesada) do Palmeiras.

Abs

Anônimo disse...

Meu caro César SEP, Você tem razão quando diz que os "melhores técnicos do Brasil" passaram pela SEP, tinham elencos melhores em mãos e não resolveram. Talvez eles já estivessem iniciando sua trajetória de decadência pois verifica-se que não realizaram grandes trabalhos, desde aquela época, pelos clubes onde passaram, além é claro de serem prejudicados pela terrível política interna da SEP, com grupos jogando contra boicotes, traições e tudo o mais que estamos cansados de saber. Mas, o caso do GK me parece diferente. Parece-me, olhando de fora, é claro, que ele tem o apoio da diretoria, tem tem o mérito de unir o elenco, que parece bom caráter, que entende alguma coisa de futebol, mas ainda não é um bom técnico. Ele me parece perdido e inseguro e nunca passa confiança nas escalações medrosas que faz. Acho que o elenco não é bom, é muito heterogêneo, parece desanimado de jogar a série B (fazer o quê? é nossa realidade atual), mas o técnico, infelizmente, não é melhor do que a equipe que ele dirige. Concordo contigo que sem jogador não vamos a lugar algum e que é obrigação da diretoria montar um time mais qualificado e compatível com as tradições do gigante Palmeiras. Mas, eu não acredito que se colocarmos 11 bons jogadores nas mãos do GK ele vá apresentar um trabalho melhor. Eu, sinceramente, gostaria de ter a visão de que ele é o menos culpado, mas a cada jogo me convenço mais de que ele é tão ruim quanto o time! Mas, isso é só uma troca de idéias, não chega nem a ser cornetagem. Sigo apoiando incondicionalmente e tenha certeza que estamos todos do
mesmo lado, unidos pela paixão pelo Verdão! Saudações alvi-esmeraldinas! Forza, avanti Palestra!

César SEP disse...


Anônimo - 09:55

Só lembrando: quando o Muricy saiu do Palmeiras e foi para o Santos, foi campeão da Libertadores, justamente um ano depois. Eu também acho que o GK é um pouco fraco, mas talvez ele seja o menos culpado dessa situação toda, mais um refém, marionete na mão dessa diretoria. Ele até disse no começo do ano - naquela época que o Riquelme estava quase fechado - que não aguentava mais especulação, que precisava de JOGADOR DE FUTEBOL, e não o elenco atual (lixo), com o que tinha em mãos não iria muito longe. Pelo contrário, iria ser sofrível. O Felipão também reclamou, até chegou a inventar aquela história de "camarões". Inclusive foi um dos motivos para ele ter saído, Felipão sabia que ia dar merda, que não tinha mais o que fazer, já tinha tentado de tudo, mas depois daquele jogo contra o Vasco em São Januário, NÃO TINHA MAIS O QUE FAZER, inventar. E por aí vai. Até o Jorginho se deu bem depois que sai da SEP. Mas continuaremos a seguir o Palmeiras, para apoiar e acima de tudo COBRAR.

Abraço