18 julho 2007

A segurança é por nossa conta

O 2º Batalhão de Choque da PM está passando dos limites. Nunca houve tanta má vontade em relação ao Palestra Itália, o mais seguro estádio desta metrópole caótica. Nem nos tempos do major/ coronel Marinho ou mesmo do Rego.

O tal Armando Tadeu Camargo, que responde agora por esta corporação da PM, insiste em dizer que o Parque Antártica não oferece segurança para um clássico, mesmo um pequeno como este (os santistas serão 3 mil). E faz um alerta que soa como ameaça.
Entre as atrocidades cometidas pela língua do tal major despontam pérolas como esta de dizer que a Vila Belmiro oferece mais condições do que o Parque. Só pode estar de brincadeira!

Sei que já escrevi sobre tudo isso aqui, aqui e aqui, mas deixo novamente os links porque espero que o maior número de pessoas se conscientize de toda essa perseguição.

E acrescento agora mais alguns argumentos, retirados na íntegra do comentário do palestrino Marco neste post do Observatório Verde:


1. Não existe divisão de torcida nos jogos do Palestra, o visitante tem direito apenas a 10% dos ingressos. São Paulo e Santos estão na mesma condição de Flamengo e Vasco. Além disso, os clássicos no Morumbi não tem tido um público maior do que 30 mil pessoas. A maioria deles é para 20 mil pessoas, ou menos.

2. O Palmeiras já implantou um novo sistema de entrada de público. Essa providência foi parte de um conjunto de ações, solicitadas pela própria PM. Todas as modificações solicitadas pela PM, ao Palmeiras, foram feitas. Qual o motivo do estádio não apresentar condições, agora? Falta apenas o completar o cadastramento dos torcedores organizados. Isso deveria ter sido feito pela FPF e não pelos clubes. Não foi feito, ainda, pela Federação.

3. O sistema de proteção ao gramado é por fosso. Trata-se do melhor e mais eficiente sistema de isolamento dos gramados em estádios.

4. Não existem registros de invasões ao gramado do Palestra Itália, como já aconteceu diversas vezes no Morumbi e no Pacaembu. O Palmeiras, por exemplo, perdeu um mando de jogo em 2005 (contra o Atlético PR) e teve que jogar no Pacaembu. Essa perda de mando foi devido a uma invasão de torcedor, no MORUMBI.

5. O Palestra Itália, também não registra apedrejamento de ônibus de time visitantes, como aconteceu com o River, no Morumbi.

6. A torcida adversária é separada por grade de proteção, em local isolado do estádio, onde seus torcedores não têm condições de acesso aos outros setores.

7. A entrada dos visitantes é por portão isolado, feita por uma rua onde pode ser feito um isolamento de área para proteção.

8. Lembrar sempre que os problemas têm acontecido longe dos estádios e, nesse caso, todos os locais estão em iguais condições. Lembrar que a proteção externa deve ser feita pela PM, independentemente do local do jogo.

9. O Palestra Itália não possui anel superior. Com isso, a torcida local não fica instalada sobre a torcida visitante, como acontece na Vila Belmiro e no MORUMBI. A torcida visitante não se torna alvo de objetos e de urina dos torcedores locais (como observamos em alguns jogos).

10. O jogo Palmeiras x São Paulo, pelo segundo turno, esta marcado para o Pacaembu. Uma discussão desse tipo, sobre o local de Palmeiras x Santos pode ser um indício da intenção para não permitir que o Palmeiras exerça seu direito de atuar em seu estádio, nesse jogo do segundo turno.

11. Caso a preocupação seja realmente de segurança em clássicos, não importa qual seja o local. Os problemas têm acontecido longe dos estádios. Nessa situação, deveria ser analisada a proposta de clássicos com público somente do mandante.

12. A imprensa não está (e nunca esteve) preocupada com a segurança de ninguém. Ela quer apenas ficar em estádio onde tenha mordomias. Usam esse discurso da segurança para desviar o foco.



Com tudo isso, gostaria muito de saber quais são os argumentos do major e do 2º BP Choque. O que existe por trás de toda essa perseguição? É só a reconhecida incompetência da PM ou há forças ocultas agindo pelos bastidores?

É bom estarmos preparados amanhã.

Toda e qualquer ocorrência dentro e fora do estádio servirá apenas e tão somente aos interesses da PM.

Atentem para isso: a Polícia Militar é a maior interessada em brigas e/ou confusões no clássico de amanhã.

A segurança, ao menos por uma noite, fica por nossa conta!

20 comentários:

luigi sep 1914 disse...

Acho que esse merda de major nunca esteve num estádio de futebol.
Ele não lembra que por dois anos seguidos, na Libertadores, os bambis fizeram praticamente uma escursão até o Parque, escoltados pela policia, isolados na Padre Antonio, enquanto isso, no jd. leonor, tivemos que passar no meio delas, entrar por portões usados por elas também, ficamos em setores do estádios que ficam embaixo de setores da torcida local... E isso é segurança?
Ultimo classico no pacaembu, sabemos como foi, com os gambás indo pra cima da policia e invadindo o campo...
Agora, qual foi o ultimo acidente no Parque? Todo ano temos jogos contra os caiçaras e nada, tivemos libertadores e nada...
Então, pm, VAI TOMAR no CU!!!
vcs tão é com medo de apanhar da MANCHA de novo, isso sim!!!

Vão prender estudantes vagabundos e bandidos, seus filhos da puta!

luigi sep 1914 disse...

E, como eu já disse e repito, os bambis com certeza devem pagar a pm, o mp, a fpf pra tentar levar os clássicos pro jd. leonor.
Já que não tem outro motivo para que, as vespera de qq clássico, devemos escutar sempre essas merdas sobre o Parque...

Vão trabalhar, vagabundos!
Vão prender quem deve ser preso e não encher o saco de quem quer apenas ver o seu time jogar...

Campeão do Século, da América e do Mundo

Rodrigo disse...

Os senhores andam muito nervosos.

Daniel disse...

cara, disse tudo... tava lendo os blogs do verdao por ai e vi que mta gente ta atenta pra isso.... se depender da PM amanha, a coisa vai ficar feia... vamos fazer a nossa parte pelo mnenos pra evitar o pior! abs

mancha z/s disse...

CHUPA GAMBA

CHUPA BICHARADA


5 mil torcedores no jogo dos bichas!!

Craudio disse...

Quanta incoerência, quanta incoerência...

Você fica falando de mando de campo e ataca incessantemente e injustamente os jogos na altitude. Barneschi, pare com dois pesos e duas medidas.

Viva Bolívia! Viva o rato! Fora Luydy!

P.S.: e todos silenciaram com relação ao namorico sob o placar. Estão com medo do novo Juca Kfouri do jornalismo esportivo? Cagalhões!!!

Barneschi disse...

Japonês,

Defendo o mando de campo desde que haja condições para a sobrevivência da vida humana.

Ao que me consta, o Palestra Itália ocupa uma região em que o oxigênio não é artigo de luxo.

CHUPA, BOLÍVIA!

VAI TRABALHAR, JAPONÊS!

vitor disse...

ngm nunca morreu jogando na Bolívia!!!!

Craudio disse...

Boa, Vitor!

Barneschi disse...

Quem aqui falou em morte? Eu tô falando de queda brutal no desempenho por falta de oxigênio. Isso é incontestável, e torna imprópria a realização de jogos na altitude!

Ademais, dá pra confiar num cidadão que devora 43 pedaços de pizza em uma única noite???

Craudio disse...

O cara é um glutão, porém teve um segundo de sensatez.

E você, Barneschi, se complica a cada novo argumento...

Você escreveu: "que haja condições para a sobrevivência da vida humana."

O contrário disso - pra mim está claro como um dia de sol - é a morte.

Barneschi disse...

Você é cabo eleitoral do Evo Morales? Pô, não entendo toda essa preocupação com a Bolívia...

Se você pegar toda a América do Sul, a Bolívia só é mais importante que aqueles três países (Suriname e Guianas) que só existem mesmo no mapa.

De resto, é um país insignificante. Deveria se portar como tal.

Craudio disse...

Tão insignificante que você se presta a odiá-lo.

VIVA BOLÍVIA!

Seu Hitler!

Barneschi disse...

Cara, eu não odeio a Bolívia, tanto é que eu nunca escrevi nada sobre isso no blog. Você que veio com esse assunto, e eu coloquei a minha opinião. Simples assim...

Ah, CHUPA, BOLÍVIA!

Rodrigo disse...

Para provar a inutilidade boliviana, reitero meu compromisso de, caso algum índio desse país conquiste uma medalha no Pan, pagar 5 cervejas ao embaixador boliviano no Brasil, no caso o Cráudio.

E, como dito anteriormente, para isso acontecer só se tivesse arremesso de tacape como prova do Pan.

CHUPA, BOLÍVIA

Rodrigo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Barneschi disse...

Ainda acho que São Vicente e Granadinas está mais próxima de chegar à primeira medalha...

Craudio disse...

Vocês vão todos para o inferno...

Barneschi disse...

Neste caso, preciso ressaltar que o Vitor é um hipócrita. Diga aí, Vitor, qual é a sua opinião sobre os bolivianos, amigos do japonês?

Rodrigo disse...

Aliás, Ilhas Cayman conseguiu sua primeira medalha.

CHUPA, BOLÍVIA!