14 maio 2010

O Vasco, São Januário e o Palestra

Domingo, Rio de Janeiro, retorno caseiro do Vasco à Série A. Nada melhor que um jogo entre irmãos; nada melhor que a nossa visita ao lugar onde nos sentimos em casa fora de casa. Vamos ao Rio para iniciar mais uma temporada de viagens neste já interminável Campeonato Brasileiro. A visita a São Januário, estádio tradicional e que preserva muitas de suas características originais, vai inevitavelmente despertar a sensação de perda pelo fim iminente da nossa casa. Será a última vez que voltaremos de uma viagem pelo Palmeiras com o nosso estádio ainda de pé. Será a última vez que voltaremos para casa, tendo verdadeiramente uma casa a nos esperar. Da próxima vez que voltarmos de São Januário, já não teremos mais estádio.

***

*Como é bom poder olhar pra tabela e encontrar o Vasco e não mais algumas tranqueiras que abandonaram a Série A no ano passado.

*Só o que não ajuda é o horário: 18h30 no domingo é pra acabar com a vontade de qualquer um.

***

"Febre de bola", página 112:

"Em maio de 1989, exatamente uma década depois da final da taça contra o Manchester United, eu estava esperando notícias a respeito de um roteiro que eu escrevera, e na mesma época a melhor chance que o Arsenal já tivera de ganhar o campeonato em 18 anos parecia estar rapidamente se desmanchando. O roteiro, um piloto para um seriado em gestação, progredira mais do que o normal; houvera umas reuniões entusiasmadas com o pessoal do Channel 4 e as coisas pareciam estar indo bem. No entanto, desesperado após um resultado ruim - uma derrota em casa para o Derby no último sábado da temporada - ofertei meu trabalho (cuja aceitação teria salvo uma carreira e uma auto-estima que estavam em pleno ocaso) numa espécie de altar de sacrifício pessoal: se ganhássemos a Liga, não me importaria com o bilhete de rejeição. O bilhete de rejeição veio no devido prazo, e doeu para cacete durante meses; mas o campeonato também veio, e hoje, dois anos depois, quando a decepção já se desfez mas a emoção do gol de Michael Thomas ainda me deixa arrepiado quando o recordo, sei que fiz um bom negócio."

6 comentários:

Anônimo disse...

mano vc fica soh falando de saudade agoira????? muda o disco

Forza Palestra disse...

Se você tiver algum assunto mais interessante, sinta-se à vontade para escrever.

Anônimo disse...

diego souza????? nao vai falar sobre o q disse a trafic????

JoãoP disse...

Quem são DS e Trafic perto de nossa casa, meu velho?

A meu ver, o assunto do post não poderia ser mais pertinente.

Forza Palestra disse...

Aqui, ó: http://forzapalestra.blogspot.com/2010/05/o-monstro-e-o-animal.html

Foi a última coisa que eu escrevi sobre isso. Chega.

Anônimo disse...

que bela apresentação de nossa equipe ontem hein....qnt raça....qnt vontade de ganhar o jogo.....tá certo, o esquema ajudou muito tb....mas a determinação dos jogadores foi sensacional !!!!
ts,tsc...assim tá complicado
porcocareca