23 julho 2012

O desrespeito em números

Há quem enalteça a campanha do Palmeiras no buraco de Barueri como um fator que justificaria a opção por mandar os jogos naquela cancha perdida. São 13 vitórias, 7 empates e 2 derrotas em 22 jogos. Eu entendo que nem é uma campanha assim tão boa, já que o retrospecto histórico no Palestra sempre foi bastante mais favorável - o índice de vitórias em Barueri, 59%, é apenas razoável e fica muito abaixo do que tínhamos no nosso estádio, perto dos 68%. E então, uma vez que apenas os números dentro em campo têm espaço na mídia, deixo-os com a média de público do Palmeiras no (para boa parte da torcida) inacessível estádio de Barueri:

Público total (desde 2008): 207.346
Jogos: 22
Média: 9.424

É um número irrisório por si só e fica ainda mais vexatório se comparada à média histórica alcançada no Palestra, na casa dos 15,5 mil pagantes por duelo.

Aí vai aparecer alguém e dizer: mas o Palestra não pode ser usado agora e só temos o Pacaembu disponível em SP. Só? Só o Pacaembu, o estádio onde conquistamos a mais expressiva parcela dos nossos títulos? O Pacaembu em que registramos média recente na casa dos 15 mil pagantes e provavelmente próxima dos 20 mil no cenário histórico? O Pacaembu da Arrancada Heróica? Aquele estádio municipal que fica praticamente encravado no centro da metrópole, perto de tudo, com duas linhas de Metrô por perto e centenas de opções de ônibus que vão para todas as regiões da cidade?

Só isso, né?

Ressalto que a média do Palmeiras no Buraco de Barueri é inflada pelos três únicos jogos - em 22 - que tiveram público superior a 13 mil pagantes: foram exatamente os duelos mais agudos que tivemos pela Copa do Brasil, contra Atlético/PR, Grêmio/RS e Coritiba/PR. Se excluirmos os públicos destas partidas (que teriam casa cheia em qualquer estádio e em qualquer horário!), chegaremos a uma média de 7.103 pagantes por jogo.

Não à toa, tivemos 7.407 na tarde deste domingo.

7.407 pagantes em um domingo ensolarado às 16h!

Enquanto os senhores Tirone e Frizzo insistirem com os jogos em Barueri, é melhor nos acostumarmos com este cenário aí. O Palmeiras vai continuar sendo um dos times com pior média de público do Brasileirão e nós é que vamos ouvir merda por causa disso. Teremos o apoio dos mesmos de sempre (aqueles que vamos a todos os jogos e em quaisquer estádios), viveremos sem saber o que é encher uma cancha e, pior, teremos boa parte da torcida alijada do estádio. Por decisão do próprio Palmeiras, o que é pior.

Parece que todo mundo percebe isso. Menos quem deveria perceber.

A torcida não quer Barueri, e a média de público torna isso muito evidente. Os que lá estamos em todos os jogos (e eu sinto que somos sempre os mesmos) fazemos isso por mera obrigação. Mas o pior é a voz silenciosa dos que gostariam de ver o Palmeiras em campo, mas não podem simplesmente porque a nossa direção entende que é o caso de dificultar a ida do palmeirense ao estádio.

Voltamos a campo na próxima quinta-feira contra o Bahia. Seria um jogo para 15 mil no Pacaembu. Mudaram para Barueri? Bom, aí é o caso de nos contentarmos com algo próximo dos 5 mil torcedores. Mais um vexame.

###

Recados para Tirone, Frizzo e demais cúmplices:

_Paguei mais uns R$ 15 de combustível, outros R$ 6,60 de pedágio e R$ 20 para estacionar o carro. São mais de R$ 40 que eu não teria despendido se o jogo acontecesse onde deveria acontecer, ou seja, na cidade em que a Sociedade Esportiva Palmeiras tem sede. São R$ 40 que eu vou pagar sempre, simplesmente porque não consigo deixar de ir atrás do meu time, sejam lá quais foram as dificuldades que vocês resolverem criar. Mas situação financeira, disposição e paciência de boa parte da torcida não são como as minhas, e estas são as pessoas que simplesmente deixam de incentivar o Palmeiras (e pagar ingresso) por decisão de vocês.

_Eu realmente preferia gastar esses R$ 40 em, sei lá, um boné do Palmeiras. Preferia mesmo. Mas vocês me obrigaram a dar esse dinheiro para a ViaOeste, para os Postos Ipiranga e para o moleque cuja garagem tem abrigado o meu carro toda semana. Parabéns a vocês pela inteligência!

###

_Quando o camisa 21 chegou ao Palestra em 2009, eu pensei se tratar de uma piada. Eis que ele veio, honrou a camisa, fez belos e importantes gols e calou a minha boca. Aconteceu aquilo tudo no final do ano e ele ficou longe do time por um tempo. Voltou agora, novamente sob desconfiança de parte da torcida, mas parece igualmente disposto a honrar a camisa. Que seja assim mesmo.

_Grande atuação de todo o time hoje. Segurança na defesa, leveza do meio para a frente, belas tabelas, objetividade nos ataques e um camisa 23 inspirado. Saímos da zona do rebaixamento antes até do esperado. Agora é só manter o ritmo para poder tirar o pé lá no final e aí priorizar só os jogos decisivos da Sul-Americana.

_Se existir realmente a tal oferta de 4 milhões de euros pelo chileno, é o caso de fechar logo essa venda.

64 comentários:

Tito disse...

Camisa #21, Barney!

André / Americana disse...

Infelizmente, segundo o Felipão, a torcida pode xingar quanto quiser, o Palmeiras continuará jogando naquele buraco maldito.

Mas eu tive um problema que me impediu de ir até Barueri e não sei se mais alguém passou por isso. Fiquei, como muitos aqui e o próprio Barneschi, sócio do programa AVANTI. Comprei os ingressos para a final exercendo meu poder de preferência, como todos fizeram. No entanto, ainda não recebi o diploma e o cartão. Além disso, no site meu cadastro consta como BLOQUEADO, não consigo "pegar" meu ingresso que é de direito, sendo que o valor do programa foi debitado no meu cartão de crédito e eu já comprei anteriormente, pras finais. Enviei um e-mail, puto da vida, para o Palmeiras e até agora não responderam. Começou bem o programa!

Sobre o camisa 10: por favor, vá embora! Segue os mesmos passos de um outro vagabundo que vestiu uma camisa 30 anteriormente. Esse filho da puta deu declarações ontem que me deixaram revoltado! "Jogar a libertadores é importante mas a parte financeira é MUITO importante e o Palmeiras precisa de dinheiro". "Tenho propostas de dentro e fora do Brasil" e assim por diante. Que o Palmeiras faça dinheiro logo com esse vagabundo que nunca joga!

Sobre o camisa 21: ele é tipo aquele cara gordinho e tímido quando você vai tirar time na pelada com os amigos. Tipo de cara que ninguém dá nada, que de vez em quando dá uma espanada ou a bola pega no calcanhar mas que de 3, guarda sempre uma. Prefiro jogador que é esforçado e tem vontade do que habilidoso preguiçoso e vagabundo como o 10.

Leonardo disse...

Jogar em Barueri é uma das maiores burrices empreendidas pelo Palmeiras, mas nos parece que nada pode ser feito - jogaremos lá até o tão esperado retorno ao Palestra.

Ah, como o Palestra faz falta.

Raoni Machado disse...

O 16 vem jogando bem tbm já não é de hoje!

Marco¹³ Costenaro¹³ disse...

Verdade, 40 paus que foram engordar a conta de, quem sabe, empresários bambis e gambás e não da SEP. Umas salva de palmas pela inteligência da dupla B1 e B2.

Joab Barros disse...

Valdívia quer ir, se é por falta de adeus...mas que contratem, logo, um jogador do mesmo nível.
Primeira partida do campeonato que
não tomamos gol.

Avanti Palestra!

PALESTRA Imprensa disse...

Tenho certeza de que no Pacaembu mandaríamos de 12 a 16 mil torcedores por jogo.O time está ajudando. Foi como naquele Palmeiras 0 x 0 São Caetano no Pacaembu. Onde o jogo "Não valia nada" e fomos por volta de 23 mil pessoas. A diretoria está vacilando. Pelo menos pra mim Arena Barueri é super contra-mão ainda mais morando na Z. Leste. Aguardando jogos no Pacaembu.

Abs

Danillo Bovi

Unknown disse...

Sobre o 10:
Sinceramente, ainda acho que o cara faz muita diferença. Sempre que está em campo, ainda mais agora pós seqüência de lesões, tem lutado e jogado muito bem.
O histórico recente do jogador faz com que alguns torcedores vejam qualquer declaração dele como mimimi. Talvez seja, talvez não. O fato é que eu gostaria que ele continuasse, pois acho muito difícil encontrarmos um meia com a capacidade de fazer o time jogar como a que ele tem. Bons passes, limpa bem as jogadas e chama a responsabilidade.
Não sou fã do cara, longe disso. O último que achei ser fã (exclusão feita a São Marcos) foi o J30. E deu no que deu.
Enfim, torço pra que o 10 tenha a cabeça no lugar, e que o time continue unido como vem acontecendo há algum tempo. Assim, tenho certeza de que novas alegrias virão.

gregory disse...

Sem contar que mesmo com um público RIDICULO igual ontem teve gente que só entrou no segundo tempo.

Falta de estrutura TOTAL, bilheteria com fila para 7 mil pessoas? BIZARRO.

Agora quero ver quinta pra chegar em casa a tempo. Vai tomar no cu!

André / Americana disse...

Ninguém aí teve problema com o AVANTI, como eu?

gregory disse...

Meu Avanti foi tranquilo, mas o meu brother que tava comigo teve que usar a carteirinha antiga.

Quase que ele não leva hahaha

Manél da Uca disse...

Na boa, o 10 é muito gênio... Mesmo jogando 1 em 15, ele é fora de série. Talvez o último romântico do futebol brasileiro, que tira sarro de time adversário, que já calou bambis e gambás.. É o que tem de melhor no futebol. A irreverência, a irresponsabilidade. Talvez vocês não estejam enxergando, mas é assim, aos poucos, que cedemos ao futebol moderno. Pelamor... sejamos todos mais passionais! FICA JORGE!
(o mais triste é ver "cacaces" da vida - com o poder que exercem na mídia palestrina - jogando contra...)

Marcos Paulo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luiz Fernando Sanchez disse...

Na boa,Fica Jorge é o cacete!

Manél da Uca disse...

ok

Washington Santos Cruz disse...

Arena Barueri é uma merda, muito bom o texto! Concordo com tudo!
Acho ridiculo dizerem que vamos jogar em Barueri, pq os jogadores gostam de lá..
E dai? os jogadores que tem que se adequar ao Palmeiras, e não o contrário...
O Palmeiras é um time de são paulo capital, e tem que jogar aqui. Se os jogadores só se sentem bem jogando em Barueri, estão no time errado, que saiam do Palmeiras então, e vão jogar no Grêmio Barueri.
A segunda casa do Palmeiras sempre foi o Pacaembu. Somos o time que mais ganhou titulos lá dentro...É ridiculo o que a diretoria está fazendo com o torcedor!

Matias disse...

O Mago é mesmo diferenciado, e tem esse lance de tirar sarro dos adversários. Mas já deveria ter aprendido que declarações irresponsáveis podem afetar todo o grupo. E lá estamos todos envolvidos novamente em mais uma novela (seria crise, não fosse o título recente). Quer sair, e tem o direito de querer, organiza as coisas primeiro, vem à público com tudo definido e comunica.

Também sou favorável ao Pacaembu. Que não é nem nunca será a casa dos posseiros da Marginal. Mas um detalhe me alenta: em breve voltaremos a jogar num estádio de ponta e bem localizado; já nossos fregueses vão se eternizar no longínquo Itaquerão. E já tem corinthiano antevendo a época em que raramente irá ao estádio.

Forza Verde disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Forza Verde disse...

Dêem uma olhada nesse video. SENSACIONAL! Não deixem de ver.

http://www.youtube.com/watch?v=9zcIS34fEvg&feature=player_embedded

Washington Santos Cruz disse...

http://www.palmeiras.com.br/noticias/2012/07/17/11h40-id7522-palmeiras+marca+mais+duas+partidas+para+a+arena+barueri.shtml

Paulistão 2008 - Palmeiras 3x1 Sertãozinho (8.020 pagantes)

Paulistão 2008 - Palmeiras 2x2 Mirassol (6.915 pag.)

Paulistão 2008 - Palmeiras 3x0 Barueri (8.713 pag.)

Brasileiro 2009 - Palmeiras 2x2 Barueri (4.960 pag.)

Paulista 2010 - Palmeiras 3x2 Sertãozinho (3.224 pag.)

Brasileiro 2010 - Palmeiras 0x0 Prudente (4.016 pag.)

Brasileiro 2010 - Palmeiras 2x0 Internacional (12.264 pag.)

Brasileiro 2010 - Palmeiras 1x1 Ceará (8.257 pag.)

Sul-Americana 2010 - Palmeiras 3x1 Universitário de Sucre-BOL (10.741 pag.)

Brasileiro 2010 - Palmeiras 3x2 Goiás (5.811 pag.)

Brasileiro 2010 - Palmeiras 1x0 Guarani (3.154 pag.)

Brasileiro 2010 - Palmeiras 1x2 Fluminense (11.291 pag.)

Paulistão 2011 - Palmeiras 3x0 Linense (3.986 pag.)

Brasileiro 2011 - Palmeiras 0x2 Coritiba (7.513 pag.)

Copa do Brasl 2012 – Palmeiras 4x0 Paraná (10.855 pag.)

Copa do Brasil 2012 – Palmeiras 2x0 Atlético-PR (17.574 pag.)

Brasileiro 2012 – Palmeiras 1x1 Vasco (6.651 pag.)

Copa do Brasil 2012 – Palmeiras 1x1 Grêmio (26.225 pag.)

Brasileiro 2012 – Palmeiras 3x1 Figueirense (2.580 pag.)

Copa do Brasil 2012 – Palmeiras 2x0 Coritiba (28.557 pag.)

Brasileiro 2012 - Palmeiras 1x1 São Paulo (8.374 pag.)

Brasileiro 2012 - Palmeiras 3x0 Náutico (7.407 pag.)

15 jogos em 22, com menos de 10 mil pagantes...e Ainda insistem nesse estádio??

Henry Sales disse...

Mas é muito simples:

Quem joga são os jogadores, se eles se sentem melhores e mais confiantes em Barueri, pois que jogue no "buraco" de Barueri.
Enquanto a você e outros torcedores mimados e preguiçosos, aposto que vocês são daqueles que acham que até o Morumbi fica muuuuito longe e não vão (ou raramente vão)aos jogos por lá.

Parem de mimimi

Mais uma vez: Prioridade é jogar onde os jogadores se sentem melhor. O fator confiança é importante (vide a confiança e o desempenho do time após o titulo). E viva os 6 mil que sempre estão com o time. O resto... Larguem de ser preguiçosos. Deixem seus carros no Palestra e pega um trem que vcs chegam rapidinho em Barueri.

Palmeiras vai jogar, eu vou... NÃO IMPORTA ONDE

Henry Sales disse...

Só mais uma coisa... A Mancha disponibiliza caravanas para Barueri por apenas 10 reais...

CIOL, Felipe disse...

Concordo com quem falou que se os jogadores se sentem tão bem em Barueri, que vão jogar no Grêmio Barueri.

Bando de mimados do caralho. E tem gente que defende ainda aquele lixo. O problema é o custo, o acesso, o tempo, tudo... ainda mais pra quem mora a 125km da capital... ta foda de conseguir ir pros jogos.

Barneschi disse...

Henri,

Você pediu e você vai ter a resposta que merece. Vamos lá:

Eu poderia dizer que jogador de futebol é tudo vagabundo, mas aí começaria o texto de maneira um tanto agressiva e quero preservar isso para o momento correto, mais adiante.

Vou dizer então que jogador de futebol, como eles próprios gostam de enaltecer, é um profissional como outro qualquer, a serviço do clube momentaneamente. Isso significa que o sujeito está no Palmeiras hoje, mas amanhã pode estar na Rússia, no Oriente Médio ou mesmo em um dos nossos rivais. É um mero instrumento, porque importantes mesmo são a camisa que vai a campo e a torcida que sustenta isso tudo.

Se você não entende isso, eu só posso lamentar por você. Porque você está invertendo a ordem das coisas de maneira absolutamente vexatória para você.

Veja, meu caro, que os jogadores são pagos (e muito bem pagos, diga-se de passagem) para jogarem futebol. Eles devem entrar em campo e cumprir com o papel deles. E devem fazer isso sem ficar fazendo exigências estapafúrdias e sem que essas exigências venham a prejudicar a torcida e a contrariar a história do clube. Simples assim.

Jogador tem que jogar e os interesses momentâneos de uma meia dúzia jamais podem ser priorizados em detrimento de toda a massa que faz o Palmeiras ser o que é. Se você não entendeu o que está escrito no post e se os números nada dizem para você, eu lamento por você. De novo.

Isso posto, como este blog não é afeito a meias palavras e como aqui não há espaço para gentilezas a quem não as faz por merecer, eu faço questão de mandar você tomar no meio do seu cu.

Porque veja, meu caro, que você provavelmente nunca leu meu blog e veio até ele, não contente com este comentário imbecil e alienado, falar em “torcedores mimados e preguiçosos” e em “mimimi”. Pois falou com a pessoa errada (no meu caso) e com as pessoas erradas (e aí tomo a liberdade de ser a voz de muitos dos bons torcedores que fazem este blog ser o que é. Para o bem e para o mal).

Eu realmente não vou aqui entrar nos detalhes de presença nos jogos do Palmeiras, porque aí seria por demais humilhante para você. Nem preciso disso. O seu comentário alienado, imbecil e escroto fica aí para que você própria exponha o seu nome ao ridículo.

André / Americana disse...

A que ponto chegamos! Os bananas conseguiram transformar parte da torcida em um bando de alienado que se rende a jogador. Não acho que um bando de vagabundo deva ditar onde o meu time joga. Ainda mais quando se desrespeita a história e a tradição.

Não bastassem os problemas com o avanti - eu não vou comprar outro ingresso se eu já tenho direito a um e não recebo - ainda temos que contabilizar os custos de combustível, pedágio, estacionamento...jogar em Barueri onera demais. Mesmo assim a gente sempre faz um esforço. Aí vem um cabaço mandar eu pegar trem, que sou mimado e a puta q pariu? Vá se foder!

Bruno Furlaneto disse...

O Palmeiras precisa voltar à cidade de São Paulo. O Palmeiras precisa voltar ao estádio municipal. Ótimo texto, e ainda melhor a réplica nos comentários. Abraços!

Rafinha! disse...

Jogador se sente melhor recebendo o salário, não escolhendo campo!

Henry Sales disse...

ahuahuahauhau
Adorei a sua prepotência e a sua arrogância. Vamos lá:


“Você pediu e você vai ter a resposta que merece. Vamos lá:
Eu poderia dizer que jogador de futebol é tudo vagabundo, mas aí começaria o texto de maneira um tanto agressiva e quero preservar isso para o momento correto, mais adiante.”

Isso já demonstra bem o quanto que você é mimado.


“Vou dizer então que jogador de futebol, como eles próprios gostam de enaltecer, é um profissional como outro qualquer, a serviço do clube momentaneamente. Isso significa que o sujeito está no Palmeiras hoje, mas amanhã pode estar na Rússia, no Oriente Médio ou mesmo em um dos nossos rivais. É um mero instrumento, porque importantes mesmo são a camisa que vai a campo e a torcida que sustenta isso tudo.”

Sim, os jogadores são profissionais, eles passam e a camisa do Palmeiras fica. Porém a camisa não joga sozinha. Muitos jogadores mercenários passaram pelo Palmeiras, alguns dignos de linchamento de tão mercenários que foram. Assistimos elencos inteiros desrespeitando a história do Verdão. Porém, hoje temos um elenco limitado que se supera na vontade. Na ausência do nosso estádio, os jogadores acreditam que jogar em Barueri seja um fator favorável ao time e o que cabe à direção do clube é propiciar as melhores condições de trabalho possível e isso inclui o ambiente onde esse trabalho será desenvolvido (já ouvistes falar de Psicologia do Esporte? E de Psicologia do Trabalho? Se tu quiseres, eu lhe encaminharei ótimas apostilas. Ou talvez para você isso tudo é bobagem, né?). Obvio que o Pacaembu é um estádio de fácil acesso para grande parte da torcida palestrina (isso inclui a mim também) e as coisas seriam bem mais fáceis e pode ter certeza que eu tomaria bem menos do meu tempo no trajeto casa/estádio. Porém, se é uma decisão do time e da comissão técnica (que são os que jogam e ganham o jogo, e não a torcida que vai para incentivar ou a camisa e toda a sua mistica, como muitos ALIENADOS acreditam) eu vou e assisto lá sim, mesmo preferindo que os jogos fossem no Morumbi, que fica menos de 15 minutos da minha casa. É cansativo para mim? Claro que é? Mas eu fui e vou à todos os jogos do meu clube como mandante por um simples motivo: O Palmeiras é prioridade e eu quero que meu time ganhe e pronto. Somos muito bons para exigir “um pouquinho mais” dos nossos jogadores, porém muitos não se dispõem a fazer “um pouquinho a mais” pelo time, pois alegam que compram camisas oficiais e isso já basta. Reafirmo: Prefiro o Morumbi, mas se é a vontade do meu time, eu vou à Barueri para apoiá-lo (afinal, que saiu de casa aos 16 anos para assistir um jogo do Palmeiras em Goiânia, sem um puto no bolso e na base da carona, ir de trem para Barueri é fácil). Repetindo: Se colocarem os jogos na capital, ótimo, senão, paciência, vou lá em Barueri assistir meu time. Para que gastar energia de mimimi na internet se eu posso gastá-la gritando e cantando durante 90 minutos de um jogo.


“Isso posto, como este blog não é afeito a meias palavras e como aqui não há espaço para gentilezas a quem não as faz por merecer, eu faço questão de mandar você tomar no meio do seu cu.”

Sem comentários...

Henry Sales disse...

“Porque veja, meu caro, que você provavelmente nunca leu meu blog e veio até ele, não contente com este comentário imbecil e alienado, falar em “torcedores mimados e preguiçosos”

Já li seu blog sim e, a despeito desse seu comportamento infantil, já li muita coisa interessante por aqui, porém não concordei em nada com essa ultima postagem. E eu não achei o seu comentário alienado ou imbecil... Agora quanto ao papo de torcedor mimado e preguiçoso, acho mais do que nunca.


“Eu realmente não vou aqui entrar nos detalhes de presença nos jogos do Palmeiras, porque aí seria por demais humilhante para você. Nem preciso disso. “

Também não preciso disso, mas se você quiser...


"O seu comentário alienado, imbecil e escroto fica aí para que você própria exponha o seu nome ao ridículo.”

E você afirmando que meu comentário foi “alienado, imbecil e escroto” (que maduro). VocÊ só fez espernear e tentar me atingir (não conseguiu, lamento). Quanto a você deixar os meus comentário expostos no seu blog para que eu MOOOOOORRA de vergonha (...) obrigado pelo espaço democrático.

Raoni Machado de Souza disse...

Nos dois ultimos jogos a mancha não foi para para Barueri de "caravana"!

Sem comentários pra esse cara aí..

As vezes converso com um camarada que a torcida do Palmeiras tem muito cuzão..
Cada dia a mais vejo que isso é verdade!

Rodrigo Santesso disse...

Esse alienado ja foi de trem pra esse buraco de estadio? o jogo que começa as 21 termina mais ou menos as 23 h, ate conseguir sair do estadio, a caminhada de provavelmente 20 minutos mais os 40 minutos da estação ate a barra funda, chego na barra funda pra lá de meia noite. AGORA ME RESPONDE HENRY COMO VOU FAZER PARA PEGAR O OUTRO TREM SENTIDO MORATO?? e o onibus ate a minha casa?? vc pode me responder? TENHO CERTEZA que vc NUNCA dormiu na estação por causa do PALMEIRAS. Então VAI TOMAR NO SEU CÚ. BARUERI DE CÚ É ROLA

Rodrigo Santesso disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Henry Sales disse...

Nossa...

Rodrigo

Cara, quando o jogo é as 21:45 eu vou de carro. Não tem como

Quanto a dormir na estação de trem, eu nunca dormi em Barueri, porém já dormi na estação de Santo André, no primeiro jogo da Copa do Brasil em que infelizmente fomos eliminados por eles. Assim como já sai na caminhada do palestra até a Cidade Jardim para pegar um Terminal Capelinha 24Hs

Rodrigo Santesso disse...

é isso que eu to falando, e quem não tem carro?? jogo as 21horas eu ja não consigo chegar em casa imagina as 22?? BARUERI não tem como velho é horrivel. Ja se fosse no paca o jogo acabando meia noite ainda tem jeito por conta do metro la perto. PIOR AINDA É SABER QUE O JOGO CONTRA OS GAMBAS VAI SER NO INFERNO DE PRUDENTE com todos aqueles problemas que já sabemos.

anythingpalmeiras.com disse...

Henry: qualquer time de futebol de tradição tem sua origem, sua alma, sua razão de ser NO TORCEDOR. No momento em que O TORCEDOR - e portanto toda a história do clube - é desrespeitado, a diretoria está agindo de forma errada. Simples assim. Por favor não inverte os valores.

Henry Sales disse...

Rodrigo, também acho foda.

Porém entraremos em uma discussão maior, que incluirá a Rede Globo, a CPTM, o METRO, a CBF e muitas outas coisas.

Uma pergunta que eu faço e se os jogadores estão ganhando um centavo a mais para jogarem em Barueri. Eles o querem por sentirem melhores no estádio. Mas quanto aos jogos de 21:50, não é fácil mesmo e nem todos podem ir. Concordo que não é fácil. Não sou um radical como muito. Porém, reafirmo que isso é uma vontade dos jogadores e não do presidente.

O dono do blog falou de varias conquistas do nosso amado time no Pacaembu, porém essas conquistas não foram desse elenco. E venhamos e convenhamos que o nosso aproveitamento nesse estadio nos últimos tempos estava muito ruim.

Agora eu pergunto sobre o jogo dessa tarde ensolarada de domingo... Qual seria a desculpa?

Só corrigindo uma coisa: A Mancha disponibilizou caravana sim contra os Bambis. Já contra o Nautico eu não sei afirmar. E em jogos das 21:50hs ela sempre disponibiliza caravanas.

Barneschi disse...

Uma teoria despretensiosa: todo imbecil que começa uma resposta com “ahuahua” ou “kkkkkk” o faz para comprovar que é um imbecil. No seu caso, também alienado, o que me parece pior até.

Pois bem, você pediu novamente e então eu me sinto obrigado a, uma vez mais, pisar na sua cabeça. Porque os argumentos estão todos aí expostos, mas você, imbecil que é, segue submetendo história e camisa à vontade mesquinha e baixa de vagabundos que estão apenas de passagem pelo Palmeiras. Triste que seja assim, mas cada um faz as opções que o definem.

Deixo-o com o trecho de um post recente do blog: “Coloquem em um campo de futebol 11 jogadores do Coritiba - quaisquer que sejam - e 11 camisas alviverdes com um P no peito, e o Palmeiras não apenas será sempre favorito, como também haverá de prevalecer. Só as camisas em campo, nada mais sendo necessário. Só precisamos delas.”

Talvez você não entenda o peso da camisa do Palmeiras, e por isso desanda a escrever besteiras. Sugiro que você enfie no cu as apostilas de psicologia do esporte e do trabalho. Elas provavelmente serão mais úteis para você desse jeito.

O meu blog fala por mim. O seu comentário fala por você. E é por isso que deixo aí as imbecilidades proferidas por você. Porque você próprio se encarrega de se autodestruir.

Ao inverter os valores e a ordem natural das coisas e querer preservar o interesse de meia dúzia de vagabundos em detrimento de toda a torcida, tudo mais o que você disser deixar de fazer sentido.

E veja, sujeito, que eu vou a simplesmente todos os jogos e não há dificuldade ou exigência financeira que vá me deixar de fora. Minha preocupação não é comigo, mas sim com a massa. A preocupação é com a torcida palmeirense de maneira geral. É com o sujeito que mora na periferia da zona leste ou da zona sul e que está sendo impedido de ver o Palmeiras em campo pela mesquinharia de meia dúzia. Isso eu não aceito.

E não aceito porque o risco decorrente é muito alto. É o risco de se perder a identidade com a massa e com as camadas populares. É um risco que o gigante Palmeiras simplesmente não pode correr.

Por fim, este espaço não é democrático porra nenhuma. Quer um espaço democrático? Pois crie o seu próprio blog e faça com ele o que quiser. Este blog defende o Palmeiras contra tudo e contra todos. E assim será.

E a discussão termina aqui. Enfie a sua alienação em outro lugar.

Henry Sales disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Barneschi disse...

Este foi o último, cara. Leve sua alienação para o Jd. Leonor. Se você só se importa com títulos e vitórias, está torcendo para o time errado. Porque nossa história é muito mais do que isso. Segue sua vida.

Luiz Fernando Sanchez disse...

Até acho que o Barneschi deu uma exagerada na resposta pro camarada aí,mas na essência ele está certo.

Henri vc chegou chamando os palmeirenses que não vão á Barueri de mimados,já comecou errado aí,pra quem mora na ZL,voltar de Barueri de trem(tirando nesse ultimo jogo que foi as 16:00) é bizarramente impossível,a Zona Leste é conhecida por ser a mais mal servida pela sptrans,sem caravana ou sem carro é humanamente impossivel voltar de Barueri depois das 23:30,não é mimimi porra nenhuma,se na moóca já é impossível,imagina Itaquera,Tiradentes e adjacências,antes de meter o pau,amigo,pense nisso.

Manél da Uca disse...

O cara viajou, acontece. Bola pra frente.

gregory disse...

Rodrigo não tá num bom dia, deu uma voadora com os dois pé no peito do caboclo hahahahahahahaha

Entretanto não tiro uma palavra do que ele falou. Pelo menos os jogos durante a semana tinham como obrigação serem no Pacaembu.

Washington Santos Cruz disse...

meu, o que me deixa mais puto é ver torcedor concordando com frescura de jogador e defendendo jogos em barueri, pqp!!!

Washington Santos Cruz disse...

e os 3 times grandes q pegamos esse ano em barueri, nao ganhamos de nenhum..empatamos com gremio, vasco e bambis...só ganhamos de times medianos/pequenos ..náutico, figueirense, paraná, atlético pr e coritiba...times de série b, ou de serie a, mas com cara de b, que ganhariamos no pacaembu, morumbi, canindé, estadio da rua javari....só nao enxerga quem nao quer...larga de ser nerd e achar q a porra do estádio faz o palmeiras ganhar

Papillon disse...

Ótimo post, eu defendo além de usar o Pacaembu, utilizar o fato de estarmos provisoriamente sem estádio para levar o Palmeiras a sua torcida no interior e outros estados, uma ação de marketing que sem dúvida elevaria a média de público além de meio que obrigar a televisão a colocar o jogo (mesmo que no canal pago). Palmeiras e Bahia podia ser jogado no Ceará ou na Paraíba e ter público enorme. Dar a chance do torcedor distante ver o Palmeiras, ainda mais com a oportunidade de desfilar a faixa de campeão do Brasil.

Papillon disse...

Ah Sim, nada me tira da cabeça que alguns dirigentes "negociadores" levam um por fora para decisões nitidamente prejudiciais ao clube/torcedor.

Beto - J.H. Venturini disse...

Sou do interior, Piracicaba, e sempre q podia ia aos jogos no Palestra e Pacaembú. Esse ano, em Baarueri ainda ñ tinha tido a oportunidade por diversos motivos,desde o horário no meio da semana e os jogos lotados das semi e finais da Copa do Brasil.
Fui esse domingo de carro a Barueri e agora entendo pq vc a chama de buraco. Me perdi em Barueri e entrei em um verdadeiro labirinto em um bairro bem humilde p/ chegar ao estádio. Não conheço lá e não sabia se poderia ser hostilizado por estar c/ a camisa do Palmeiras, pois muitos ali no bairro estavam c/ camisas do SCCP. Felizmente nada ocorreu, mas percebi a dificuldade q é chegar a esse estádio.
Pior foi pegar fila e entrar só no segundo tempo, onde depois vi q não havia mais q 7 mil pessoas lá.
Enquanto isso o Pacaembú bem mais perto e acessível, lá, vazio e servindo de pretexto para uma diretoria vagabunda de q lá é casa dos rivais. Desse jeito eles acham q é mesmo e fica assim mesmo, nós palmeirenses sendo prejudicados e lesados no bolso com essa opção da diretoria do Palmeiras. Enquanto isso a gambazada tem acesso fácil p/ fazer o time da marginal ter média de público superior.
Parabéns p/ a esperteza da diretoria do Palmeiras.

Victor disse...

Não entendi o real objetivo do Post amigo. Se você considerar vitória como 3 pontos, 1 ponto pro empate, e 0 pontos pra derrota, o aproveitamento do Palmeiras em Barueri é de 76%... Muita coisa.

O público nas partidas é algo totalmente irrisório na receita do clube, em 2011 foi responsável por apenas 8% da renda total.

O Palmeiras não ganha no Pacaembu. Jogava bem, e tomava no cu, jogava mal, e tomava no cu, jogava medianamente e tomava no cu... Não entendo qual o problema com Barueri, é caro, é ruim, acesso totalmente ridiculo, mas é onde o Palmeiras tem ganhado, e ganhado muito... Não tem porque não continuar jogando lá.

A história recente é clara, o Estádio Municipal, virou um Estádio Gambá. Assim como a Televisão aberta virou uma Rede de Televisão Gambá. Assim como eu parei de assistir televisão aberta, não vejo porque não parar de frequentar o Pacaembu. Prefiro ver o jogo na televisão e ver o Palmeiras Campeão, que ir até o Pacaembu, estacionar com facilidade, entrar com facilidade, e sentar naquelas cadeiras alaranjadas infectadas por gambás e ver meu time tomando no cu.

Posso ser muito supersticioso, mas duvido muito que o Palmeiras tivesse sido Campeão no Pacaembu. As bolas do Coritiba teriam entrado, os gols do Palmeiras quase que espiritas, não teriam saido, e hoje estariamos numa crise sem fim, e sem perspectiva de retorno do fundo do poço, com Valdivia indo embora e com o Felipão afirmando que não renovaria... Cenário bem tenebroso, não trocaria meu conforto pessoal por tanta tragédia.. Só pra aumentar a renda de bilheteria em 2% no total do ano e ter que economizar R$40,00 (a diária do meu carro num estacionamento da Berrini).

Eu considero mesmo que o torcedor que acredita que Barueri é ruim demais, e faz disso uma reclamação sem fim, é na verdade um torcedor egoista. Se ver o recente histórico vai ver, no Pacaembu só nos ferramos, em Barueri sempre nos demos bem... O fim justifica os meios.

Detalhe importante de prestarmos atenção, Barueri é passageiro, a Arena fica pronta em 1 ano e 6 meses, e desse ponto em frente, não jogaremos em Barueri nunca mais.

Abraço.

Washington Santos Cruz disse...

Parabéns diretoria do Palmeiras! Conseguiram afastar a torcida do estádio depois de um titulo...Volta Pacaembu! http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-a/ultimas-noticias/2012/07/25/apos-adotar-barueri-palmeiras-ve-sua-pior-media-de-publico-em-inicio-do-brasileiro-desde-2008.htm

Luiz Fernando Sanchez disse...

Victor,

Entendo a sua supersticão eu axo ela bem cabível,mas assim como o outro rapaz vc está chamando de egoísta quem não vai a Barueri,pelo amor de Deus,para com essa conversa

PACAEMBU NÃO É CASA DE GAMBÁ PORRA!

Barneschi disse...

Victor,

Só não entende qual é o problema com Barueri quem não vai a estádios. É o seu caso, dito por você mesmo, alguém que prefere ver o jogo na TV a ir ao estádio. A coisa aqui é visceral, e então eu digo que pessoas que não vão a estádios não têm o direito de querer palpitar sobre onde o time deve jogar ou não. Repito e deixo as coisas um tanto mais claras: você não tem direito de opinar sobre o assunto, simplesmente porque não vai a estádios e, portanto, não é afetado por jogos em Barueri, no Pacaembu ou em Prudente. A rigor, é tudo igual, uma vez que você ficará lá na sua casa vendo tudo pela TV. Seu comentário já é natimorto.

Mas aí, de maneira um tanto mórbida, dou sequência à argumentação apenas para refutar alguns pontos da sua moribunda explanação:

O egoísmo, caro, é todo seu. Porque é você que está preocupado apenas com você e não com o palmeirense que está sendo impedido de ir aos jogos por uma decisão do Palmeiras. Caso você não tenha ainda assimilado, eu estou preocupado com quem quer ir ao jogo e não pode. Estou preocupado com o palmeirense do povão, com o cara que mora na periferia e depende de transporte público, com o sujeito que gostaria de levar o filho ao estádio e não pode. Porque eu posso pagar esses R$ 40 (e até mais) em todos os jogos, mas não há quem não possa. De qualquer forma, esses R$ 40 seriam mais bem gastos com o Palmeiras – mas eles não deixam.

Em médio e longo prazo, os efeitos de afastar o “povão” podem ser terríveis, simplesmente porque é no estádio que o sujeito se forma torcedor. Isso pode parecer estranho para alguém que, como você, enxerga o público no estádio apenas sob o prisma de arrecadação. Lamento por você.

De resto, o falatório sobre superstição, “estádio gambá” e campanha em Barueri transita entre a fronteira do risível e do deplorável. E se você dedica ao Pacaembu esse tratamento, eu realmente lamento por você.

Victor disse...

Barneschi,

Se o Palmeiras é Campeão jogando na Arena Barueri, e está invicto jogando lá em 2012, como a minha vontade que o time continue jogando lá, porque "em time que está ganhando, não se mexe", MAS COMO você pode vir me falar que EU estou sendo egoista? Egoismo vem de quem fica bravo com o time estar ganhando, mas ele não pode estar lá pra ver.

Você vem e me fala que eu sou inválido como argumentador pois não vou ao estádio.... Cara, eu estava lá ano passado na semi final contra os gambás, presenciei o assalto do PCO, lá naquele Pacaembu que você defende, e eu conversava com as pessoas da minha idade (25 a 30 anos) e 100% eram unanimes em dizer que não curtiam a "atmosfera gambá" que paira naquele lugar.

Eu estava lá no Couto Pereira a 2 semanas e comemorei o titulo do Palmeiras na casa dos coxinhas, e duvido que quem não pode estar lá, tenha comemorado menos que eu... Vencer sim é algo importante, e não ONDE vencemos.

Minha argumentação vem de alguem que frequenta estádios, e adora poder ir com sua noiva aos jogos, algo que fiz questão de ensiná-la a gostar... Mas tambem de alguem que quer ver o Palmeiras campeão tantas e quantas vezes for possível.

Cornetar em cima de algo provisório como mandar os jogos em Barueri, e que tem data pré determinada a findar, é desnecessário, porque a "Arena Palestra" vai ficar pronta e vai ser espetacular ver os jogos lá. Enquanto isso, se o Palmeiras for jogar NO INFERNO, eu realmente não estarei na arquibancada, mas certamente se tiver transmissão pela televisão eu estarei assistindo e torcendo pra que o Palmeiras ganhe, independente de quem vai estar lá na arquibancada assistindo.

Vou deixar de lado as ofensas pessoais, até porque você não me conhece, e "risivel" é a pessoa querer fazer afirmações sobre algo que desconhece... Se você se preocupa tanto com quem mora na periferia, pode procurar ONGS que realmente ajudam pessoas necessitadas, e não se preocupar com eles não poderem pagar R$40 a mais ou a menos em ingressos de futebol.

Abraço.

Rninguem disse...

Uma das grandes decepções de minha vida sempre será pensar que o Palestra foi fechado justamente na época em que eu passei a poder ir aos jogos lá. Antes era muito jovem, estudante, ainda não conhecia palmeirenses e não tinha dinheiro. Poderia economizar, ou pedir aos meus pais, mas além das condições financeiras não ajudarem eles não estariam dispostos a pagar para uma adolescente que mal conhecia a capital ir ver os jogos sozinha. Agora que trabalho, não posso... Fui a poucos jogos no Palestra e um no campo da Portuguesa. E eu anseio tanto poder ir a outros jogos... Cansei de ver o Palmeiras uma ou duas vezes por ano.

Sou de Piracicaba, que não é longe da capital, mas o salário e os horários de trabalho de professora não me permitem certas coisas. O acesso ao Palestra é fácil, seria ótimo. O acesso ao Pacaembu não é tão fácil, mas rola. O estádio de melhor acesso é o da Portuguesa, mas aí só não digo que prefiro Barueri pq não conheço. Em Barueri eu nunca fui, embora tenha tentado muitas vezes. Aqui na minha cidade há um grupo de torcedores que vão de van, mas eu sou uma das últimas da lista. Quem foi mais vezes tem justa prioridade. E ninguém desistiu ainda, ou seja, minha vez nunca chega. Foi por isso que perdi a final em Barueri. E é por isso que estou com saudade de ver meu time jogar.

Não acho que não ir ao estádio atesta que o torcedor é menos torcedor, pois muitos são como eu e não vão simplesmente pq não podem. Torcedores que veem o jogo da tv, ou ouvem no rádio, imaginando o quanto seria bom estar na arquibancada. Mas não podem estar lá. E a questão não é nem dinheiro, que tenho pouco mas não ligaria de poupar certas coisas ou me endividar as vezes. O problema é ter que escolher entre perder o jogo ou o emprego.

Barneschi disse...

Victor,

Eu não preciso ajudar ONG nenhuma, porque minha preocupação neste contexto aqui tem relação com o torcedor de futebol. Este blog, caso você não tenha percebido, tem uma temática única, e então a preocupação mais do que se justifica.

Reitero tudo o que foi dito anteriormente e se você realmente credita a Barueri a conquista desse título eu devo insistir que seu argumento é risível.

Sobre a “atmosfera gambá”, reitero que é de uma infelicidade extrema e atroz, que, além de tudo, violenta a história do Palmeiras – história que você provavelmente desconhece.

Boa sorte com os jogos pela TV. Eu vou pro estádio e sigo defendendo o torcedor que quer ver o seu time em campo e não pode. Se você não entende a gravidade disso, seu lugar é ao lado de Tirone, Frizzo e demais cúmplices.

PALESTRA Imprensa disse...

Tem uma frase

"O Palmeiras é dos Palmeirenses"

Isso basta ! Os torcedores estão com dificuldades para ir a Barueri.É um publico inaceitável para a dimensão da torcida. Se não querem o Pacaembu que arrumem um estádio na capital então.

Raul Martins Dias disse...

Tentei ler todos os comentários. Mas ver palmeirenses aqui defendendo que o Palmeiras jogue em Barueri porque "o Pacaembu dá azar", "o Pacaembu é dos gambás" começou a me revirar o estômago.

Palmeirenses que defendem Barueri pelos motivos que citei, façam um favor? Escolham outro time para torcer. É o melhor que vocês fazem pelo Palmeiras. Obrigado.

Raul Martins Dias disse...

E só para complementar: mais triste ainda é ver cidadãos que um dia, há muitos anos, considerei como ídolos, como os senhores Luiz Felipe Scolari e César Sampaio, defendendo que o Palmeiras jogue em Barueri. Infelizmente, esses dois senhores perderam o status de ídolo que tinham comigo - e a conquista da Copa do Brasil não mudou nada nessa perda da condição de ídolo.

E mais não digo. Acho que já falei tudo que penso sobre o assunto em comentários anteriores.

André / Americana disse...

Eu tenho 28 anos e discordo do Victor quando ele diz que o Pacaembu tem uma "atmosfera gambá". Só se for pra quem desconhece a história e a tradição.

Eu curto muito o Pacaembu...é ótimo pra assistir jogo, o clima e a atmosfera do lado de fora são demais, sem falar que fica muito mais perto e barato pra mim.

Só entende o buraco que é Barueri quem já foi pra lá.

Leandro Roque disse...

Jogo em Barueri é ridículo. Eu não tenho condições de ir e é horrível assistir a uma diretoria que não valoriza a opinião da torcida do clube que a emprega. É como haver um cliente querendo comprar um produto e o vendedor (principal interessado) dificultar a venda. SEM NEXO!

Raoni Machado de Souza disse...

"Atmosfera gambá" é o caralho!

Se o time tiver bem ganha em qualquer lugar!

Barueri é uma merda, mas fazer o que, hoje é dia de chegar em casa as 02 da madruga e sem poder comer uma pizza no alviverde depois do jogo!

[SEP] Valmir disse...

Bom, conheço o Rodrigo e seus posts de longa data, um palmeirense apaixonado, cara com JANELA em termos de ACOMPANHAR O CLUBE e estar lá na "bancada", JOGUE ONDE FOR, ele está lá.

Se ele é mais palmeirense que outros eu não sei dizer, nem me cabe, mas "MELHOR" que muitos, ele é!

CONCORDO com cada vírgula do que ele escreveu, para esses caras que RARÍSSIMAMENTE vão a um Estádio, mesmo na Cidade onde moram, e ficam questionando QUEM VAI.

Que ALIENADOS e TORCEDORES DA NET E DE SOFÁ, sequer sabem as dificuldades que encontra quem vai FAZER O QUE ELES NÃO TEM VERGONHA NA CARA PRA FAZER, TORCER PELO SEU TIME, UMA VEZ QUE SEJA DENTRO DE UM ESTÁDIO.

Ignorância é um cara que não frequenta Estádios, justificar essa PORRA de BARUERI, onde a SEP, tem a PIOR MÉDIA DE PÚBLICO de todo o Brasileiro.

UMA VERGONHA DESNECESSÁRIA, já que haveria na pior das hipóteses o Canindé, ou o PACAEMBU, que é "A casa do Corinthians" A PUTA QUE O PARIU!

Essa coisa de que "Os jogadores se sentem bem lá" é conversa fiada.
Jogador tem que JOGAR FUTEBOL, seja em que Estádio for, e de quebra, AO LADO DA TORCIDA DO TIME, ou estou errado?

Caras como o Rodrigo, escrevem com o fígado mesmo, são TORCEDORES DE FUTEBOL, não FILÓSOFOS e caras POLITICAMENTE CORRETOS.

Nós temos nos últimos anos, criado justamente essa PRAGA, essa "NOVA GERAÇÃO" de torcedores perfumados, com seus cabelinhos com gel e roupas de griffe, SEM SANGUE NAS VEIAS, e que após o time perder, vão para a BALADA azarar as "PIRIGUETES", de segunda a segunda.

Então, fiquem na sua mas não venham contestar O QUE RESTOU DE VERDADEIROS TORCEDORES AINDA, que eu reconheço, está em EXTINÇÃO!

Caras como o Rodrigo, fazem parte daqueles que ainda RESPIRAM E SENTEM FUTEBOL, que reconheço, nem nas T.O. existe em grande quantidade.

Muita gente gosta de ler o que lhes trás "CÓCEGAS NOS OUVIDOS", os que criam "Vídeos Motivacionais" e acham que com isso são a expressão máxima do que é torcer.

Então, ANTES de fazer uma crítica, FAÇAM MELHOR, porque a "GERAÇÃO CABELINHO COM GEL", além de ALIENADA em vários outros assuntos, de futebol e de TORCIDA, não entendem porra alguma!

E se querem ler algo sobre "TORCER" leiam este post, não foi o Rodrigo que escreveu, foi o João Malaia

http://arquibancadapalestrina.wordpress.com/2012/07/20/torcer/

Dexter disse...

Primeiramente gostaria de dizer que respeito muito a sua opinião, apesar de não concordar com ela.

Torcida não ganha jogo e o Palmeiras tem dado MUITO azar no Pacaembu ultimamente, eu já passei a odiar aquele estádio, quando o Verdão vai jogar lá parece que já entra derrotado em campo. Em contrapartida a Arena Barueri tem se mostrado um lugar acolhedor e aconchegante para o time e os resultados estão sendo muito melhores.
Depois que o Palestra foi interditado e passamos a mandar os jogos no Pacaembu, o desempenho do Alviverde como mandante foi simplesmente ridículo: em 42 jogos (126 pontos disputados), o Palmeiras conquistou apenas 60 pontos, tendo um aproveitamento pífio de 47,62% dos pontos disputados. Foram 15 vitórias, 15 empates e 12 derrotas.
Passamos a ter de aceitar zoações corintianas: antes do do Palestra Itália ser interditado ostentávamos um tabu de 4 anos sem perder para eles, desde então já foram 4 derrotas em pouco mais de 2 anos, sem contar a eliminação no Paulistão 2010 e ter de entregar o Título do BR-10 para os mesmos no final do ano, tudo isso no estádio Paulo Machado de Carvalho, vulgo Pacaembu.
Além disso, sofremos uma vergonhosa eliminação para o Goiás (time que dias antes fora rebaixado no Brasileirão) na Semi-Final da Sul-Americana 2010. Mesmo tendo conseguido a vitória em Goiânia conseguimos a proeza de sermos eliminados "em casa": patético!
Sem falar nas derrotas, no mínimo, humilhantes para Atlético-GO (0x3), Cruzeiro (2x3) - depois de estar vencendo por 2x0 -, Internacional (0x3)e, mais recentemente, Mirassol (0x1). Tudo isso em menos de 3 anos!

Percebendo toda essa situação, a diretoria, acertadamente decidiu fazer com que o Verdão mandasse seus jogos em outro estádio. Uma das alternativas foi o Canindé, lá foram 15 jogos, o Alviverde venceu 10, empatou 3 e perdeu somente 2 vezes, obtendo um aproveitamento de 73,33% dos pontos disputados. Porém as duas derrotas seguidas somada a uma briga com a torcida organizada da Lusa fez com que o Palmeiras se afastasse do estádio, outra alternativa foi a Arena Barueri que é um belo estádio, tem um belo gramado e acolheu muito bem o time de Palestra Itália e sua torcida. Lá, até o momento, foram disputados 23 jogos, o Verdão venceu 13, empatou 7 e perdeu 3. obtendo um aproveitamento de 63,33% dos pontos disputados.

Portanto, apesar do fato de Barueri ser longe e dificultar o acesso do torcedor, eu acredito que o Palmeiras deve continuar jogando lá, porque torcida não ganha jogo. Mais importante é o desempenho do time em campo e não a quantidade de torcedores que ele leva ao estádio (os torcedores adversários nos zoam pela derrota do time enão pela quantidade de torcida que foi ver o jogo: o que você prefere ganhar de 3 a 0 do Corinthians com 5 mil pessoas no estádio ou perder de 1 a 0 diante de 30 mil palmeirenses?). Para torcer pelo time não é necessário ir ao estádio em todos os jogos, assistir os jogos pela TV não me faz menos palmeirense que alguém que vai no estádio em todos os jogos. Ir à Arena Barueri uma vez por mês já é mais do que suficiente, pelo menos enquanto a Arena ainda não estiver pronta.

Dexter disse...

Vejam só a campanha ridícula do Palmeiras no Pacaembu nestes ultimos 2 anos:

31/01/2010 Corinthians 1 x 0 Palmeiras (quebra de tabu de 4 anos sem perder pros gambás)
02/06/2010 Palmeiras 0 x 1 Flamengo
15/07/2010 Palmeiras 2 x 1 Santos
22/07/2010 Palmeiras 2 x 2 Botafogo
01/08/2010 Palmeiras 1 x 1 Corinthians
14/08/2010 Palmeiras 2 x 0 Atlético-PR
19/08/2010 Palmeiras 3 x 0 Vitória (classificação emocionante na Sul-Americana)
26/08/2010 Palmeiras 0 x 3 Atlético-GO (vexame)
05/09/2010 Palmeiras 2 x 3 Cruzeiro
12/09/2010 Palmeiras 0 x 0 Vasco
19/09/2010 Palmeiras 0 x 2 São Paulo (derrota apática em clássico)
24/10/2010 Corinthians 1 x 0 Palmeiras
10/11/2010 Palmeiras 2 x 0 Atlético-MG
24/11/2010 Palmeiras 1 x 2 Goiás (eliminação vergonhosa na Sul-Americana)
15/01/2011 Palmeiras 0 x 0 Botafogo-SP
27/01/2011 Palmeiras 3 x 1 Paulista
06/02/2011 Palmeiras 0 x 1 Corinthians (outro revés diante da gambazada)
12/02/2011 Palmeiras 1 x 0 Americana
02/03/2011 Palmeiras 5 x 1 Comercial-PI
05/03/2011 Palmeiras 0 x 0 Santo André
01/05/2011 Palmeiras (5) 1 x 1 (6) Corinthians (eliminação no Paulistão diante do maior rival)
10/07/2011 Palmeiras 3 x 0 Santos
20/07/2011 Palmeiras 0 x 0 Flamengo
25/08/2011 Palmeiras 3 x 1 Vasco
04/09/2011 Palmeiras 1 x 1 Cruzeiro
11/09/2011 Palmeiras 0 x 3 Internacional (outro vexame)
16/11/2011 Palmeiras 1 x 1 Vasco
27/11/2011 Palmeiras 1 x 0 São Paulo
04/12/2011 Corinthians 0 x 0 Palmeiras (Título Brasileiro conquistado pelos gambás em cima da gente)
14/01/2012 Palmeiras 1 x 0 Ajax (HOL)
25/01/2012 Palmeiras 1 x 1 Portuguesa
01/02/2012 Palmeiras 2 x 0 Mogi Mirim
08/02/2012 Palmeiras 3 x 2 XV de Piracicaba
11/02/2012 Palmeiras 3 x 0 Ituano
23/02/2012 Palmeiras 1 x 1 Oeste
04/03/2012 Palmeiras 0 x 0 São Caetano
17/03/2012 Palmeiras 2 x 1 Ponte Preta
31/03/2012 Palmeiras 0 x 1 Mirassol
15/04/2012 Palmeiras 2 x 2 Comercial
19/05/2012 Palmeiras 1 x 1 Portuguesa
09/06/2012 Palmeiras 0 x 1 Atlético-MG
24/06/2012 Corinthians 2 x 1 Palmeiras

Dexter disse...

Campanha do Verdão no Canindé:

30/01/2011 Portuguesa 0 x 2 Palmeiras
12/03/2011 Palmeiras 2 x 0 São Bernardo
26/03/2011 Palmeiras 3 x 0 Bragantino
09/04/2011 Palmeiras 2 x 0 Grêmio Prudente
04/06/2011 Palmeiras 1 x 0 Atlético-PR
19/06/2011 Palmeiras 5 x 0 Avaí
30/06/2011 Palmeiras 2 x 0 Atlético-GO
30/07/2011 Palmeiras 3 x 2 Atlético-MG
06/08/2011 Palmeiras 0 x 0 Grêmio
18/08/2011 Palmeiras 1 x 1 Bahia
22/09/2011 Palmeiras 1 x 0 Ceará
01/10/2011 Palmeiras 1 x 1 América-MG
16/10/2011 Palmeiras 1 x 2 Fluminense
22/10/2011 Palmeiras 1 x 2 Figueirense

10V 3E 2D Aproveitamento: 73,33%

Campanha do Alviverde na Arena Barueri:

17/01/2008 Palmeiras 3 x 1 Sertãozinho
26/01/2008 Palmeiras 2 x 2 Mirassol
06/04/2008 Grêmio Barueri 0 x 3 Palmeiras
31/05/2009 Grêmio Barueri 2 x 2 Palmeiras
08/03/2010 Palmeiras 3 x 2 Sertãozinho
29/05/2010 Palmeiras 0 x 0 Prudente
29/09/2010 Palmeiras 2 x 0 Internacional
17/10/2010 Palmeiras 1 x 1 Ceará
20/10/2010 Palmeiras 3 x 1 Universitário de Sucre-BOL
30/10/2010 Palmeiras 3 x 2 Goiás
07/11/2010 Palmeiras 1 x 0 Guarani
28/11/2010 Palmeiras 1 x 2 Fluminense
23/03/2011 Palmeiras 3 x 0 Linense
06/11/2011 Palmeiras 0 x 2 Coritiba
09/05/2012 Palmeiras 4 x 0 Paraná
23/05/2012 Palmeiras 2 x 0 Atlético-PR
17/06/2012 Palmeiras 1 x 1 Vasco
21/06/2012 Palmeiras 1 x 1 Grêmio
01/07/2012 Palmeiras 3 x 1 Figueirense
05/07/2012 Palmeiras 2 x 0 Coritiba
15/07/2012 Palmeiras 1 x 1 São Paulo
22/07/2012 Palmeiras 3 x 0 Náutico
26/07/2012 Palmeiras 0 x 2 Bahia

13V 7E 3D Aproveitamento: 66,67%