08 fevereiro 2007

A paciência acabou!

Certas desculpas são difíceis de aceitar. Esta do cansaço é uma, talvez a principal. Já encheu o saco. Como encheu o saco ter paciência. Os posts anteriores podem comprovar a minha disposição em aceitar que a equipe vai evoluir, que estamos no caminho certo etc. e tal.

Até ontem. Minha paciência acabou. Cansei de esperar. Não que eu vá virar corneteiro agora - isso nunca! -, mas é fato que não tenho mais a boa vontade com algumas figuras aí. Como pode vagabundo com bafo de calango vir reclamar de cansaço em uma temporada que mal começou? Como podem tomar gol de um atacante que já era veterano quando vestiu a nossa camisa, lá pelos idos de 93/94?

Eu é que já estou cansado.

Cansado de ver que nenhum sujeito de verde tem a capacidade de enfiar a porra da bola pra dentro do gol. Cansado de ver a bola se chocar contra a trave. Cansado de ver as falhas da defesa. Cansado de ver aquele pedreiro da camisa 4 insistir nas cobranças de falta de longe. Cansado por ver que não conseguimos trazer nem mesmo um Aloisio da vida ou um chutador-de-bunda-de-vaca qualquer que saiba simplesmente empurrar a bola pra dentro do gol.


Cansado de sofrer por este time.

Cansaço, meus caros, é o que se sente no dia seguinte a uma viagem frustrante como a de ontem. Cansaço por trabalhar o dia inteiro e depois enfrentar chuva e trânsito para pegar a estrada rumo ao interior. Cansaço por enfrentar uma chuva torrencial, que não permite enxergar 10 metros à frente. Cansaço por assistir a um jogo pavoroso como o de ontem - tomando água na cabeça.

Cansaço é tudo o que resta de uma noite passada à base de bolinho-de-carne-com-ovo-verde e Guaraná Schin. É o que se pode extrair de uma viagem em que nosso carro foi parar dentro de um quase rio. É o que se leva de uma noite em que tivemos de entrar no maldito córrego e enfrentar a correnteza para desatolar o pobre Celta - debaixo de mais chuva, é bom que se diga.

Isto é cansaço.

Minha paciência acabou.

***

O 23Do nada, aparece uma cara no time. Camisa 23. Lá do alambrado em que ficamos no primeiro tempo, a pergunta é quase unânime: "Quem é o 23?". Não demora muito e ela tem de ser reformulada: "Quem era o 23?". Sim, o 23 entrou, fez duas faltas, foi expulso e enterrou o time. E logo descobrimos que o 23 era um cretino que já deveria estar enterrado, parte de um passado nada feliz. Mas ele voltou. E enterrou de vez o time. Pergunto, já sabendo quem era o 23: "Por que foram trazer de volta este sujeito?"
Os 3.877

Ao post "O amor de cada torcida", cabe acrescentar que os leonores foram representados ontem por 3.877 testemunhas.

12 comentários:

Craudio disse...

Itú é uma cidade engraçada. Os caipiras lá acho que são meio complexados por causa daquele lance das coisas grandes. Isso pra mim é nego que tem pau pequeno... É que nem o lance do carro potente. Ainda bem que eu tenho um Kazinho mil cilindradas hahahahahaha.

Dito isso, queria me manifestar sobre o fato desse comodismo. Sem cornetar, como vc disse, é inaceitável as maiores organizadas tanto do palmeiras quanto do Corinthians ficarem calada com a situação atual dos clubes.

Aí vem os sofás com o discurso de que "os caras só pensam em carnaval". E pra não achar isso, tá difícil...

MANCHA IPIRANGA disse...

CARA QYUANDO ENTROU O LEONARDO SILVA EU TB NAUM QUERIA ACREDITAR!!!!!!!!! PRA MIM O CARA JA TAVA EM QQ TIME CAIPIRA POR AI OU NA LUSA AINDA MAS NUNCA NO PALMEIRAS....... O Q ELE FEZ ONTEM MANO????? QUE PALHACADA!!!!!! E OUTRA; O TECNICO TB VIAJOU MANO.... ZOOU TODO O ESQUEMA DO TIME, MEXEU ERRADO, ESCALOU ERRADO.... PORRA, QUANTOS ERROS MAIS A GENTE VAI AGUENTAR??????????

vitor disse...

qm é o cara q comia calango com agua barrenta até outro dia e q agora reclama de cansaço??

Zoinho centro/sul disse...

Ai Vitor como fui eu que falei a frase te digo !!
Da onde vc acha que vem esses jogadores tipo Edimilson, Wendel entre outros pelo futebol brasileiro !!

Tudo do norte e nordeste, a expressão não é que eles realmente comiam calango o que é bem possivel, é que esses filhos da puta ( naum mencionando os dois a cima, e sim os que fazem corpo mole) sempre se orgulham de ter vindo de familias muito pobres, mas na hora de suar e dar o sangue fala que esta cançado, quando trabalhava de segunda a sexta carregando tijolo em obra saia pro forro no sabado enchia a cara no dumingo e segunda estava pontualmente as 06h00 carregando tijolos novamente !!
O que penso é que a maioria não faz por merecer os salarios que recebem, foi o que estavamos conversando no estadio , deveriam pagar os salarios por rendimento, ai vc ia ver se eles naum corriam que nem cavalo !!!

Abraços

morre mustafá disse...

faltou falar da culpa do técnico, Barneschi!

Barneschi disse...

Melhor ficar nas entrelinhas. O cara já errou demais em tão pouco tempo.

MANCHA IPIRANGA disse...

AMANHA EH NOIS NO PACAEMBU! TEM Q GANHAR DE QQ JEITO MANO!!!

vitor disse...

ah sim, a frase eu sei q é uma metáfora (é isso né?? ou algo do tipo).
achei q tinha um jogador em especial reclamando do cansaço...o único q ouvi falando sobre isso era o paulo baier antes do jogo da ponte.

Barneschi disse...

A minha interpretação desta frase é um pouco mais ampla. Não acredito que o Paulo Baier tenha comido calangos no sertão, mas muitos desses jogadores o fizeram. E o que irrita é que vagabundo passou fome até outro dia e agora vem querer falar em direitos, em profissionalismo, em receber salário em dia, o caralho. Filho da puta se preocupa em ter o dinheiro no bolso, mas não faz por merecer o que ganha - e bem!

mancha z/s disse...

mano e vc nem comentou do jgoo no pacaembu que vc tinha falado q ia fazer?????

Barneschi disse...

Até pensei em escrever um post sobre o assunto, mas vamos comentar por aqui mesmo:

1. É inadmissível que o time profissional seja desalojado de sua casa por conta de uma eleição de conselheiros. O certo era remarcar a eleição para qualquer outra data;

2. Vou levar pelo lado positivo, que é o de voltar a jogar no Pacaembu depois de muito tempo.

Filipe disse...

Palestrino, você e o japonês curtem um Pet Shop Boys...
Olha só a notinha da Monica Bergamo hoje, segunda feira:
"Exigência da dupla Pet Shop Boys para fazer show no Brasil: o camarim só pode ter as cores preta e branca. E ai de quem colocar outra cor na parede."
Comédia, né não?