18 junho 2008

There can only be one


Sei que este é um blog que só fala de futebol - ou de Palmeiras, como queiram. Mas é também o único espaço que eu tenho e é impossível ficar indiferente à conquista do Boston Celtics, 22 anos depois.

Do primeiro, ainda contra os Hawks, ao último jogo dos playoffs, ficou claro que não tinha para ninguém. E tudo ficou mais especial por ser contra o LA Lakers, um revival da maior rivalidade da NBA. Só o que não dava para imaginar era uma vitória tão contundente como a de ontem (131 a 92!).

O Celtics faz história, com o 17º título da NBA. E eu realmente não poderia deixar passar em branco por aqui.

Notícias, números, fotos, vídeos e toda a história aqui.


24 comentários:

luigi sep 1914 disse...

Gostei da vitória dos Celtics, apesar de torcer para os Bulls...
Só uma coisa, a maior rivalidade da NBA é BULLS x knicks...
Sexta é nóis na Dengue City!

Vai PALMEIRAS!

E a imprensa já tá inventando merda!

http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas/2008/06/18/ult59u161197.jhtm

Forza Palestra disse...

Bulls x Knicks?

Luigi, por favor, não perca o pouco que resta da sua credibilidade!

Abraços

luigi sep 1914 disse...

Cada um acha o que quer...
Respeito os Celtics, o duelo com os Lakers pode ser legal mas não é próprio rivalidade...
Rivalidade são Bulls x knicks, Bulls x pistons, lakers x knicks...
Jogos que geram sempre pancadaria...

Forza Palestra disse...

Luigi,
Não confunda as coisas. Celtics e Lakers são os maiores campeões da história da NBA e brigam pelos títulos desde a década de 60. O auge veio nos anos 80 e então se construiu toda essa rivalidade que não dá espaço para nenhuma outra. Concordo que as outras são importantes, mas não se pode contestar o que é um Celtics x Lakers.

luigi sep 1914 disse...

Sim, concordo...
Mas rivalidade não existe só na disputa por títulos...
Bulls, Pistons, Knicks sempre fizeram grandes clássicos e a rivalidade (no verdadeiro significado) era sempre evidente durante esses jogos.
Mas blz, concordo com o Sr., canalha!

Forza Palestra disse...

Grande Luigi!

Fernando disse...

Só de ter mais um alviverde campeão, vale o registro sem dúvida. Go Celts!

filipe disse...

Além do que o lakers é um time que mudou de cidade...

periquito verde e branco disse...

viva o Palmeiras e viva o Lakers também......um jogaço de basquete entre L.A e Celtics.....phil jackson....pede pra sair... valeu bryant,o melhor da nba,valeu gasol

Rodollfo 'SppyX' disse...

Lakers são os bambis do basquete...

Só firula mesmo.. Mas enfim...

Pelo menos no basquete o árbitro é respeitado, e é justamente sobre isso que eu escrevi no meu blog.

Veja se quiser: www.blogdoro.net

Abraços!

Ulisses disse...

Lakers, o melhor time sempre!!

FODA-SE esse campeões de merda!

ano que vem é lakers de novo!!

Aliás, chupa Luigi e Luiz, Bulls nem existe mais...é como um Santos, só existe por causa de um jogador!! DEPRIMENTE!!

Barba verde disse...

Ola, só pra não deixar passar em branco e deixar essa história de basquete de lado.
Vendo uma progrma esportivo numa emissora do interiror, qual foi minha surpresa quando vi uma entrevista do Sr. Magrão goleiro do Spór.
E pior, ao ser perguntado ao cidadão quem ele considerava o melhor goleiro do Brasil. Ele com aquela cara de "sou famoso", disse com todas as letras que se tratava do ilustríssimo Sr. Bambi Ceni e pra provar que ele não sabia que estava falando, teve a moral de dizer que o segundo melhor era "ele" próprio.
Parece que a galeria de "super famosos e valorizados por si próprio" está aumentando, o sr. Felipe gámba já está fazendo escola.
Cresçam e apareçam , aprendam, joguem, aposentem e tenham ainda assim a certeza de que nenhum chegará aos pés de São Marcos, por mais que tentem.... abraço a todos.

Uma pergunta: Quais times da Europa podemos considerar co-irmão do nosso alvi verde??

Luiz disse...

Eu nem falei nada e já citam meu nome!

Rumo a Dengue City!

Abraço

Luiz disse...

Rodrigo,

Você como grande fã das organizações globo, o que teria para nos falar sobre a transmissão de mundiça e brangantino ao invés de fluminense e ldu?

Abraço

ClaudioYidaJr disse...

Viva o papai JK!

Só uma coisa: dizem ser a NBA uma das coisas esportivas mais organizadas do mundo. E o campeonato tem finais...

Por fim, me antecipo e respondo ao Luiz: essa é mais uma prova de que libertadores é uma invenção marketeira e que só passou a valer alguma coisa qdo o time da purpurina ganhou. Como diz o grande pensador FH Borgonovi, o que importa mesmo é o Paulistão.

vitor disse...

parabéns ao celtics, esse é o ano dos alviverdes saírem da fila.

se o luydy fala q rivalidade é bulls x knicks eu me dou o direito de falar q a maior rivalidade é magic x heat, kkkkkkkk.

mas, dos esportes americanos, ainda prefiro beisebol. grande Red Sox.

ps: a vagabundagem continua, comentários as 14 e 15hrs...por isso q o brazil não cresce.

luiz - uberlândia disse...

barba verde, eu arriscaria dizer:

na itália: Juventus, de turim; (Lazio, de roma, talvez, tbm)

na inglaterra: West Ham e Newcastle;

na espanha: barcelona e/ou espanyol;

na alemanha: Schalke 04;

na frança: ninguém.

assinado: palpiteiro Luiz, de Uberlândia.

abraços verdes!,

Luiz - Uberlândia, capital do estado do triângulo.

Ulisses disse...

Até entendo sua posição, mas na Itália é NAPOLI!!

Luiz disse...

Na Itália: Verona, Atalanta e Avellino.

Forza Palestra disse...

Luiz e Barba,

Não creio que exista qualquer identificação com os times da Europa. Não há nada nesse sentido.

No entanto, se fôssemos buscar alguma relação desse tipo, teríamos que citar o Torino (e nunca a Juventus) por fatores históricos. E a Lazio passa longe, até pela ideologia política de sua torcida.

De resto, não vejo qualquer relação com os times da Inglaterra, da Espanha, da Alemanha, de Portugal ou do que quer que seja.

Abraços

luiz - uberlãndia disse...

Rodrigo!,

Apenas para aprender (e não para polemizar), pergunto:

o Juninho Botelho não foi negociado pelo Palmeiras com a Juventus (e se tratou, à época, do primeiro jogador brasileiro a ser transferido - como 'venda' - para o exterior)? Por isso imaginei uma certa ligação entre os clubes, que vem do passado... confere?

abraços verdes,

luiz - uberlândia


p.s.: o mesmo com relação ao newcastle.. Mirandinha foi o primeiro jogador brasileiro a ser transferido para a Inglaterra, negociado pelo Palmeiras junto ao referido clube.. confere?

Forza Palestra disse...

Fala, Luiz!

O que aconteceu foi o seguinte:

Julinho Botelho, maior ponta a vestir a camisa alviverde, foi revelado pelo Juventus aqui da Mooca (pode vir daí a sua confusão). A seguir, ele foi para a Portuguesa e, quatro anos depois, seguiu para a Fiorentina.

Jogou quase cinco anos na Itália e é um dos maiores ídolos da história do time de Firenze.

A sua ligação com o Palmeiras começa pouco depois. Em 1959, ele veio da Fiorentina para o Palmeiras, onde jogou até 1967.

Aliás, eu desconheço a existência de qualquer jogador brasileiro que tenha vestido a camisa da Juventus.

Em relação ao Torino, eis o que eu retiro do site do meu amigo Fernando Galuppo, historiador da S.E. Palmeiras:

A fundação do Palestra em 1914, pode-se dizer, deu-se quando ainda estavam no Brasil as equipes do Torino e do Pro-Vercelli.

Realmente, este dois quadros nos visitaram ao mesmo tempo, em agosto de 1914. Logo no mesmo mês, fundava-se o Palestra. Foi, portanto, o entusiasmo e a influência da visita dos dois quadros que fizeram surgir o clube que mais tarde seria o colosso do Parque Antártica.

Aquela dupla temporada trouxe um interesse extraordinário ao nosso futebol. Toda São Paulo se interessou pela exibição do Torino e do Pro-Vercelli. A Colônia Italiana ficou sacudida e num dos seus encontros é que deve ter nascido a idéia da fundação de um clube em "homenagem" ao Torino e a Pro-Vercelli.


De resto, devo dizer que não vejo relação direta entre a venda de uma atleta e uma eventual identificação entre dois clubes de países diferentes.

Abraços

luiz - uberlândia disse...

beleza pura!
esclarecido, my brother!!!

(só uma coisa: tivemos um beque - júlio césar, salvo engano, era o nome dele, que jogou na década de 90 pela juventus-it - um negão que jogou também no futebol alemão e na seleção brasileira)

quanto à questão da identificação em razão de negociação de atletas, você, mais uma vez, coberto de razão.

abraços verdes!,

luiz - uberlândia, capital do Estado do Triângulo

Anônimo disse...

intiresno muito, obrigado