08 fevereiro 2009

Tá dando gosto...


Alguém aí acha que esta criatura tentou pegar a bola?

Falar do time - e de jogadores - não é muito a praia deste blog, mas hoje não dá para fugir do assunto. Já são sete vitórias em sete jogos, 21 gols a favor e apenas quatro contra, com a liderança do campeonato nas nossas mãos mesmo com um jogo a menos. Com isso tudo, a goleada de hoje ficou até de bom tamanho para o Santos, que não triunfa contra o Palestra já há sete jogos.

E vejam que eu nem gosto muito daquilo que chamam de futebol bonito, mas dá gosto acompanhar esse time rápido e envolvente, especialmente porque a qualidade técnica se presta não a firulas idiotas, mas sim para chegar ao gol o quanto antes.

E tudo fica melhor com um cenário como o de hoje: casa cheia, festa e a chuva que caiu na medida exata. "Deixa chover, deixa molhar..."

***

Ah, os leonores arrancaram uma vitória bem típica lá em Ribeirão: o juiz anula um gol em posição legal do Botafogo/SP e o dos bichas sai na seqüência da jogada. Continua tudo como antes, né?

Podem falar o que for dessa tal briga entre SPFW e FPF, mas eu não levo nada disso a sério. O post sobre isso vem amanhã à noite.

***
*Crédito da foto: Tom Dib, do jornaleco esportivo

13 comentários:

Rafael, o da Silva disse...

Grande Canaglia

Agora vc não pode reclamar que eu não venho mais aqui!

Hoje não pude ir ao Palestra mas vi o jogo!

Deu dó....era pra tar uns 6x0 no primeiro tempo

e o Edmilson lembrou seu jogo Brazil x Costa Rica!

hahaha

abs

Vitor MV disse...

Sim cara tá dando gosto.Os primeiros minutos do Palmeiras foi digno da ACADEMIA.Muita coisa precisa melhorar, mas o time tá foda.
E alguém poderia aí me explicar de que diabos o time do santos ficou reclamando da arbitragem!?! Era pra o "doente mental" ser expulso no pênalti, e a cara de bunda dele no ultimo gol do Lenny?? Chupa fabio costa..

E de "erro" em "erro" elas vão chegando!!

Abraços,

MANCHA IPIRANGA disse...

O MELHOR FOI O FABIO BOSTA SENTADO NO CHAO DEPOIS DO GOL DO LENNY..... ELE NAUM QUERIA MAIS LEVARANTAR... HUAHUAHUAHUA.... SANTOS O CARALHO!!!!

Claudio Yida Jr disse...

E a falta de coerência da imprensa? Ou eles decidem que esse daí foi pênalti, ou aquele lance semelhante em 2005 não foi nada e aí acaba o choro eterno dos colorados gaúchos.

Sinuca de bico desses merdas.

Sobre a briga, de fato é jogo de cena. Mas o que importa é que nós sempre pagamos o pato.

Forza Palestra disse...

Informação adicional:

O Mesa Redonda de ontem começou com mais uma daquelas supostas matérias bombásticas sobre violência de torcidas. Nosso amigo Flavio Prado, aquele que comenta futebol sem ir ao estádio, voltou a aprontar das suas.

A reportagem teve início com imagens nada conclusivas de algo que eles chamam de briga entre as torcidas de Palmeiras e Santos antes do jogo. Mas tudo o que se vê são os ônibus que vêm da Baixada (provavelmente da TJS e da Sangue) se aproximando pela Matarazzo e, com a intervenção da CET, entrando na Padre Thomaz para chegar ao setor dos visitantes. Tudo muito normal.

Ao fundo, alguns torcedores palmeirenses lançam palavras de ordem contra os ônibus da torcida adversária. Tudo muito normal também.

Eis então que o tal repórter diz que integrantes de uma organizada palmeirense começaram a atirar pedras nos veículos que transportavam os santistas. O curioso é que não há imagens dos tais organizados, tampouco dos ônibus atingidos (se foi verdade, deveria haver vidros quebrados).

As imagens mostram apenas os ônibus fazendo a conversão pela Matarazzo e os santistas para o lado de fora (algo que não é permitido quando chegamos à Vila). E só.

Nada de briga, nada de confusão, nada de torcidas organizadas.

Mas aí a matéria volta para o tal repórter e, claro, ele mostra uma pedra recolhida na rua (ou em qualquer lugar, vai saber). E aí adota um tom quase comparável àquele do Gurian em 2002, lembram? “Vejam esse pau... e a marca de sangue no asfalto...”. Meu Deus!

Mas o melhor mesmo é o desfecho. Depois de uma oportunista declaração do nosso amigo Paulo Castilho, o procurador desocupado, eis que o repórter dá as caras de novo. Em tom indignado, o texto diz algo do tipo: “Esperamos que cenas como essa não voltem a se repetir...”. Corta para o repórter e ele tira a camisa para mostrar um curativo feito na altura do abdômen. Bizarro!

Aí Flavio Prado volta a dizer as besteiras habituais: “Não vá ao estádio”, “Fique na sua casa e veja tudo pela TV e depois aqui no Mesa Redonda”, “Não arrisque sua vida”...

Sei lá, às vezes eu acho que ele perdeu as faculdades mentais mesmo.

Vitor MV disse...

É Barneschi, lamentável, e como eu disse no outro post, ja estou até vendo a matéria lastimável do dia 08 de março que está por vir. Algo do tipo "VIOLÊNCIA DOS VANDALOS NO INTERIOR", ou " O CAMINHO DAS TORCIDAS ATÉ PRESIDENTE PRUDENTE:CLIMA DE TERROR"

Meu Deus, e olha que ontem até minha mãe que não se liga em futebol falou quando viu o flávio prado na tv:
-Esse homem tá velho e esclerosado já!

Vai a merda esse programinha!!

Abraços,

Forza Palestra disse...

O curioso, Vitor, é que os programas de TV adoram inventar brigas de torcida nos jogos envolvendo Palmeiras e Santos no Palestra. As matérias são bastante parecidas, sempre. Eu já até fiz uma análise (acho que em 2007) de uma reportagem bombástica que transformou em confronto de torcidas um desentendimento que mais parecia uma recreativa briga de colégio. Vale procurar aí. Foi naquele 3 a 3, se eu não me engano.

Rafael disse...

engraçado de falar em erro de arbitragem a favor ou contra. a foto que vc colocou no post é bem a do penalti que não aconteceu.
fácil falar dos outros.

Forza Palestra disse...

Eu marcaria pênalti. E marcaria porque este Fábio Costa é um desequilibrado mental que entra nos adversários sempre desse jeito, com um carrinho criminoso.

Observe na foto que ele mal olha para a bola. Ele vem só para pegar o adversário. Se conseguisse atingir o Keirrison, poderia acontecer coisa muito pior do que só o pênalti. O que o Keirisson fez foi evitar o choque mais duro, porque ele felizmente não é um doente mental como o goleiro dos caras.

Digo mais: o juiz errou nesse lance ao não aplicar o cartão vermelho no doente mental.

Houve no segundo tempo um lance bem parecido, em que a bola estava na linha de fundo, quase na lateral, e ele entrou desse jeito, com os pés lá no alto, para pegar o nosso atacante.

Enquanto não vier uma punição bem considerável, ele vai continuar fazendo isso...

Vitor MV disse...

Sim Barneschi, me lembro de uma reportagem destas, se eu tbm não me engano, foi o dia em que um carro de reportagem da RECORD, levo umas pancadinhas e os caras fizeram um terrorismo em cima disso.

E sobre o pênalti, tbm estou até agora sem entender o porque este animal não foi expulso, lá do outro lado da arquibancada deu pra ver o carrinho criminoso que ele deu, sem contar que ele deu xilique, e continuou em campo normalmente, mas no ultimo gol(Lenny)ele teve seu castigo, ficou ajoelhado e humilhado sem ter forças nem para levantar.

Abraços,

Anônimo disse...

inclusive ele deu uma entrada criminosa no leo lima no segundo turno do brasileirao, ano passado. foi com os pes levantados tambem.
verdadeiro c****, mesmo.

marcelo c lopes

danilo disse...

Tadei, eu vi tudo o que aconteceu na matarazzo. vamos aos fatos:

Estava saindo do west plaza e a TUP (+ou- uns 150) estavam vindo cantando pelo boulevard no sentido matarazzo. Até ai tudo normal.

Quando eles entraram na matarazzo houve uma baita coincidência da torcida do santos chegar. Vieram ali por trás dos predios da price e a rocam fechou pra eles passarem.

A TUP, por sua vez, começou a fazer graça, mas só com cantos e xingamentos. Em nenhum momento houve pedra ou qualquer outra coisa.

A dona PM começou a atirar balas de borracha pra todo lado. Estava com minha noiva e ela ficou muito assustada, assim como todas as familias que ali passavam.

Começou uma pequena correria, mas nada demais. Aí a dona TUP deu a volta no quarteirão e foi querer aprontar com a TJ. Ai sim rolou uma confusão, pois atiraram pedras e a PM ja partiu pro mais pesado, com morteiros e pancadas...

Nessa hora o camera da gambazeta estava do outro lado e não filmou nada, inclusive ele e o reporter ficaram escondidinhos atrás da pm.

O fo.da é q primeiro classico q levei a dona patroa e ficou extremamente assustada. Nem sequer queria entrar no estadio, mas quando o clima acalmou entramos e que venha a chuva!!! ahaha.. mas valeu... show de bola!!!!

abs,

Danilo

Forza Palestra disse...

Danilo,
O depoimento foi bastante útil. Logo imaginei que fosse algo do tipo. Eu qualifico como "atividade recreativa entre rivais". Muito natural, a não ser para os imbecis que não vão ao estádio e comentam tudo do estúdio.
Abraços