17 fevereiro 2008

Como nos anos 90

Começou, palestrinos!!!

A viagem de 660 km entre São Paulo e Ribeirão – e todo o dinheiro gasto nessa brincadeira – foi coroada com o privilégio de acompanhar uma jornada magistral, digna dos bons momentos da década de 90.

De todos os campos visitados nesta turnê pelo interior, o estádio Santa Cruz foi o melhor palco para a apresentação que pode ser o início de um grande time.

Agora, em casa, tudo fica mais fácil...

***

Nos poucos momentos em que não foi massacrado pelo Palmeiras, o Juventus até que levou perigo à meta alviverde na tarde deste sábado. Quando o fez, deu de cara com o São Marcos que todos conhecemos: seguro, arrojado, quase intransponível.

A defesa teve lá seus vacilos, compreensíveis pela falta de entrosamento e compensados com as boas atuações de Élder Granja, cada vez mais confiável, e Leandro. Merece aplausos o camisa 6, até porque eu já me cansei de xingá-lo.

No meio, Léo Lima já não é surpresa. Pelo muito que vi nesta turnê interiorana, já garantiu a sua posição no time. Com justiça, diga-se.

E então chegamos aos grandes destaques da tarde quente de Ribeirão: Diego Souza e Valdívia. O camisa 7, dono de um primeiro tempo primoroso, bem poderia ter saído do Santa Cruz com pelo menos dois outros gols. Assim como El Mago, que encantou com jogadas individuais, tabelas rápidas e até gol de cabeça.

A dupla de armadores começa a acontecer. E o time vai junto.

***

*Além dos amigos de sempre, Luigi e Luiz, deixo aqui o agradecimento especial ao André (TUP Batatais), pela recepção na rodoviária, pelo traslado e pela enorme boa vontade.

*Ainda que tenha problemas de manutenção, o Santa Cruz deixa uma impressão muito boa. Agradável, transmite uma honestidade incomum: foi a primeira vez que cheguei a um estádio do interior uma hora antes do jogo e consegui comprar ingresso de estudante na bilheteria. Fica a lição para os pilantras do Moisés Lucarelli.

*A renda, R$ 536 mil, vai encher os cofres do time do Galuppo. E pensar que a arrecadação em Rio Preto ficou na casa dos R$ 200 mil...


*Quarta é a vez de Rio Claro. Quem vai?

14 comentários:

Signorini disse...

2008 é VERDE ! sai da frente que lá vem o GIGANTE !!!!!!!!1 abrax !!!!!!!

DOBER disse...

EU VÔ!


Só que vou na terça para resolver uns probleminhas em Campinas!!!

luigi sep 1914 disse...

CHUPA juventus!
Time de MERDA!

MOOCA é PALMEIRAS!

Daniel disse...

Muito bom seu blog. Eu sou colorado e escrevo na www.final.com.br

Uma cobertura bastante interessante do dia-a-dia do Palmeiras. Muito legal.

Saudações coloradas e nos encontramos nas quartas da Copa do Brasil, hehehe.

vitor disse...

to qrendo ir pra rio claro.

Rio Preto 2 x 1 lambaris.
Escaparemos!!!

André Batatais disse...

Bela apresentação do Palestra!

Valeu Rodrigo, Luiz e Luigi pela vinda até Ribeirão Preto. Sempre que precisarem podem contar com o amigo aqui!

Agora uma pergunta que não quer calar: Será que a verdadeira identidade de CRAÚDIO descoberta neste sábado será revelada?

Com a palavra LUIGI!

Abraços

André Batatais

Craudio disse...

Ihhhhh, o jogo foi tão bom que eu viro pauta na torcida é?

Eu hein?

Anônimo disse...

Jogão hein !!
O Mago estava endiabrado !!

Quantos KM são para Rio Claro ??
E que horas vcs vão sair ??

To querendo colar, se tiver lugar dá um toque !!

Abraços

Zoinho centro/sul

Escrevi como anonimo pq naum consegui colocar apelido !!

Forza Palestra disse...

Fala, Zoinho!

São 190 km. Quase 2 horas e meia, considerando um movimento normal na saída de SP.

A idéia é sair às 19h mesmo.

Abraços

darkness disse...

Não vai falar sobre o erro contra o SP, barney???

Anônimo disse...

MORRE BAMBI DE MERDA

Anônimo disse...

nao vai falar do roubo q fizeram com os lambaris, bambi de merda????

danilo]

marcelo_geral disse...

Aproveitando o gancho que deram, num vai falar do Ronaldo Fenômeno? Acho a história dele meio parecida com a do Marcão. Pelas contusões e porque um foi o melhor jogador que vi jogar e outro porque foi o melhor goleiro. E juntos provaram isso na Copa.
abraço.

Forza Palestra disse...

Daniel (Colorado):
Valeu, cara! Obrigado pela 'audiência'.

Marcelo:
Cara, nem sei o que escrever direito sobre o Ronaldo. Lamento demais as contusões dele, que foi o segundo melhor jogador que eu vi jogar, mas não sei muito bem o que acrescentar além de tudo o que já foi dito. E é bom ressaltar que as contusões dele foram ainda mais sérias que as dos Marcão. Abraços