14 março 2008

Boicote ao torcedor

Em mais um dos meus incansáveis protestos contra a elitização do futebol, em 22 de fevereiro, pedi aos palmeirenses que guardassem o nome do senhor Francisco Busico, um dos responsáveis por pagarmos R$ 30 pela arquibancada.

Só não imaginava que o nome deste cidadão pudesse voltar à tona assim tão cedo, desta vez ligado à incompetência da diretoria alviverde na venda de ingressos para o clássico do próximo domingo.

A situação é ainda pior do que a apresentada no post anterior (logo abaixo). Além de relatar o caos no estádio Santa Cruz, a FSP de hoje traz informações que chegam a ser inacreditáveis.

Vejamos:

O Palmeiras, mandante do confronto, ajudou a ampliar a confusão, mas na capital. Inicialmente, o clube disse que só seriam vendidos ingressos no estádio do jogo. E que a diretoria tentaria, junto à Prefeitura de Ribeirão Preto, disponibilizar outros postos de venda. Ontem, porém, a Folha ouviu do diretor-tesoureiro do clube, Francisco Busico, que, pela manhã, o ginásio do Ibirapuera comercializou entradas para o clássico. "Desde hoje [ontem] cedo estava vendendo no Ibirapuera. Como não houve procura, a BWA nos solicitou o envio de cerca de 2.000 ingressos de arquibancada para Ribeirão Preto", revelou Busico. Ao ser informado de que o clube não havia avisado sobre a venda no Ibirapuera, o diretor disse que não sabia o porquê. Questionado por que o clube alviverde não pediu à BWA que comercializasse ingressos em outros pontos da capital, como no Parque Antarctica, casa do Palmeiras, Busico afirmou que quem decide os pontos-de-venda é a própria empresa.

Repararam no nome da figura?

Sim, é o mesmo Busico da arquibancada a R$ 30.

Além da ganância que já conhecíamos, ele apresenta agora mais duas de suas características: incompetência e cara-de-pau.

Porra, como é que podem ter colocado ingressos à venda apenas no Ibirapuera - e não no Parque - sem avisar ninguém? Eu mesmo passei duas vezes pela porta do ginásio ontem, mas nem parei porque foi dito e repetido que os bilhetes estariam à venda apenas em Ribeirão!

Por sinal, foi esta a resposta (mau educada) que receberam todos os teimosos torcedores que ligaram para o Palmeiras ou foram pessoalmente ao Palestra.

E como ele pode falar em falta de procura?

Gente atrás de ingresso aqui em SP é o que não falta e, devido à inaptidão do sr. Busico, iremos todos ao interior sem ingresso. Confusão à vista, com o patrocínio do senhor Marco Polo Del Nero.

O que de pior pode ser extraído do nosso diretor é o fato de que a BWA, empresa com largo histórico de incompetência, tem autonomia para determinar onde e quando serão vendidos os bilhetes.

Como é que é? A BWA manda no Palmeiras?

Está demonstrado, uma vez mais, que esta diretoria atual da S.E. Palmeiras promove um boicote sem precedentes contra o seu torcedor.

Para azar deles, nossa teimosia será mais forte!

9 comentários:

Forza Palestra disse...

E os ingressos estão à venda no Ibirapuera. Vamos com um problema a menos para Ribeirão.

Leonel disse...

mano e alem disso o q vc acha dos ingressos 50 x 50 com os bichas? pq naum 90 x 10???

Luiz disse...

Ae Rodrigo, ingressos na mão!

Vamos correr atrás da Van!

Abraço!!!

Forza Palestra disse...

Está certo. Tem de ser 50% a 50% mesmo. Não devemos dar aos caras o direito de jogarem a gente na geral amarela daqui a um ano.

Luiz disse...

Viva a pomba do Ibirapuera! Mira sensacional!!!!

Chupa Luydy!!!

Forza Palestra disse...

CHUPA, LUYDY!

mancha z/s disse...

boa sorta lah mano..... nem vou pooider ir.... tragam a vitoria!!!!!

VAI PALESTRA!

Daniel disse...

boa viagem. vai na boa!

luigi sep 1914 disse...

CHUPA bicharada!
Raça maldita!
Bando de homossexuais!
Pederastas filhos da puta!

HAHAHAHAHAHA...

4 x 1 !