19 outubro 2009

O Sálvio vem aí...

O SPFW é derrotado em casa pelo Atlético/MG e o desespero se instala entre os leonores - ainda mais do que no nosso caso. É hora então de apelar para o mais comprometido de todos os espaços da mídia bambi: o Painel Leonor da Folha de S.Paulo, assinado pelo esforçado Eduardo Arruda. O trabalho sujo aparece já no domingo, dia seguinte ao fracasso caseiro das moças.

Começamos com outra agressão barata do mais nocivo de todos os dirigentes bambis, aquele que está entranhado no governo estadual, lugar ao qual a escória está tão bem habituada há décadas:

Dividida
"Nossos dois maiores desafetos, o mister Valcke e o mister Sanchez, têm algo em comum: nenhum dos dois sabe falar português"
Do diretor de futebol são-paulino, JOÃO PAULO DE JESUS LOPES, sobre o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, e o corintiano Andres Sanchez

Sutil, muito sutil...

Seguimos com as notinhas encomendadas pela diretoria bambi:

Só da ele. Causou estranheza no São Paulo a escalação de Salvio Spínola para trabalhar em Santo André x Palmeiras, na quarta. Reclamam de que ele é figurinha fácil nos jogos do líder do Brasileiro.

Exemplo. Gente do clube, aliás, defende que o presidente Juvenal Juvencio faça como o colega palmeirense Luiz Gonzaga Belluzzo e vá à CBF para falar sobre arbitragem. A alegação é a de que o clube alviverde não foi mais prejudicado depois que fez isso.

Sim, de novo ele, meus caros. Vem aí Sálvio Spínola Fagundes Filho, o capacho bambi, o caçador do Diego Souza, o homem que apita a favor das moças e ainda se dispõe a levar a fama contrária.

Já no dia 4 deste mês, quando o Palmeiras foi à Vila pegar o Santos, houve outra dessas notinhas pilantras no Painel Leonor:

Suspeita. Causou revolta no São Paulo a escalação de Sálvio Spinola hoje. Cartolas dizem que sempre que há um clássico regional importante do Palmeiras ele é quem apita.

Se fosse um profissional sério (ou se não estivesse comprometido com esta gentalha espúria), Arruda se preocuparia ao menos em fazer um levantamento como este aqui, que comprova o quanto Sálvio é prejudicial ao Palmeiras.

Com estes números em mãos, vê-se que Sálvio é presença constante em jogos do alviverde. Mas o curioso é que o Palmeiras não havia até então vencido nenhum clássico com a presença do caçador de Diego Souza como árbitro. Venceu o da Vila, mas Sálvio não escondeu a vontade de marcar pênalti em uma falta fora da área. Apontou a marca da cal, e foi salvo pelo seu assistente.

As notas do Painel Leonor evidenciam o comprometimento entre o jornalista Eduardo Arruda e suas fontes no SPFW, a disposição de Sálvio Spínola em ser capacho dos bambis e, mais do que isso, o fato de os leonores não se conformarem com o fato de não terem neste ano uma arbitragem tão benevolente como a dos últimos dois campeonatos.

De toda forma, o que importa no momento é que Sálvio Spínola vem aí de novo. E Diego Souza está pendurado. Vamos ficar de olho.


***

Este post tinha sido escrito ontem mesmo. Eis que hoje, segunda, temos uma atualização:

DIVIDIDA
"Como brasileiros, torcemos para o Rubinho, mas, com a camisa do Corinthians, sabíamos da incompatibilidade com título internacional"
Do diretor de marketing, do São Paulo, Adalberto Baptista, ironizando o clube do Parque São Jorge


Não é por nada, mas o Perrone pelo menos era mais discreto...

14 comentários:

Marco Túlio disse...

Como são nojento esses bambis. Eles fazem o joguinho deles e agora estão apelando: esses insinuam que o Salvio nos ajuda. Isso que é nojento. Dá tanta raiva, dá vontade de falar tanta coisa... aff

Camila R disse...

"Gente do clube, aliás, defende que o presidente Juvenal Juvencio faça como o colega palmeirense Luiz Gonzaga Belluzzo e vá à CBF para falar sobre arbitragem. A alegação é a de que o clube alviverde não foi mais prejudicado depois que fez isso."

Francamente, Belluzzo! Foi pedir honestidade à CBF? O Juju está anos luz na sua frente! Tenho certeza que ao fazer uma visitinha ele irá munido de vários recibos... "Comprei e paguei. Prejudique-se!"

Forza Palestra disse...

Fato relevante: este tal Adalberto é o diretor que foi representar os bichas na festa de aniversário do SCCP e se sentiu ofendido com o vídeo com o bambizinho.

E agora ele vem com essa...

Nicola disse...

Perfeito mano... E essas bichas PQP, bando de canalhas, caras de pau do caralho! Daquele 2x2 no Palestra ano passado, ninguém lembra que era o Spinola que estava apitando... Na Libertadores contra elas também, porra, é bem isso mesmo: "Sim, de novo ele, meus caros. Vem aí Sálvio Spínola Fagundes Filho, o capacho bambi, o caçador do Diego Souza, o homem que apita a favor das moças e ainda se dispõe a levar a fama contrária." - É impressionante... Essa bosta de folha de fato trabalha pros leonores.

Tomara que morra esse tal de Adalberto então, deram um puta chilique por causa do vídeo, agora age da mesma forma. Deve ter pago pra ter sua frase colocada aí...

E pode anotar: Estão esperando o momento propício pra julgarem o Diego Souza pelo lance que gerou cartão amarelo pra ele ontem.

JoãoP disse...

Li hoje cedo o Painel, como hábito. E te digo uma coisa: mais assutado do que com essa história do Sálvio eu fiquei é com a história da articulação do Mustafá. Não sei se tem como esse estorvo ressucitar, mas a idéia me apavora.

Até.

mtvdias disse...

O que é essa articulação do Sapão Mustapha ??

Henrique disse...

Olá.....sempre leio seu blog e os tantos outros ótimos blog da mídia palestrina, mas sempre passivamente e nunca escrevi uma sílaba sequer em nenhum site. Concorodo plenamente com seus comentários a cerca de vários assuntos, por isso me identicom com blog, principalmente na questão da modernização do futebol e a perda flagrante da emoção das arquibancadas. Mas uma coisa me incomoda não só neste como em alguns outros sites Palestrinos....que é a defesa incondicional da raça maldita que são os vagabundos compradores de campeonatos (gambás). Não consigo entender por que essa defesa desse lixo é só atacar os viados (que ainda acho pouco o que se fala aqui delas). Pare ce que ninguém se lembra do mal que esse lixo já fez ao Palestra tirando inclusive campeonatos que estavam em nossas mãos. Apenas um desabafo....obrigado

Forza Palestra disse...

Fala, Henrique, beleza?

Aí é que tá, cara: não se trata de defender o SCCP, mas sim de mostrar de que maneira os bambis manipulam a mídia. E se isso inclui também os ataques gratuitos ao nosso rival, é justo acrescentar tal informação ao post.

Abraços

Craudio disse...

Barneschi, eu ia falar exatamente sobre o ponto que você levantou. Essas bichas falarem o que quiserem na imprensa tudo bem. A gente colocar um vídeo com a verdade é merecedor de "crise".

À merda, painelzinho de filho da puta.

vitor disse...

vou responder a sua pergunta feita a mim no comentário do post anterior.

não estou cornetando o love (apesar dele não estar jogando nd), só tinha respondido a alguns o pq do ingresso a 40 conto (pelo menos foi isso q ouvi dizer qdo questionaram a diretoria pelos 40 conto).

Nicola disse...

Você tá louco Vitor, o Love é um dos poucos que tá jogando. E jogando em tudo quanto é posição, porque os vagabundos do Cleiton Xavier e do Diego Souza tão se achando craques e fazendo corpo mole. Domingo, tirando o pênalti perdido, ele criou várias chances... Abs

Palestra1914 disse...

Barneschi , vc matou a pau com a última frase : "Não é por nada , mas o Perrone pelo menos era mais discreto...".

Mas desencana , meu amigo. Isso é sinal de desespero do outro lado do muro.

Abraços ,

Bruno D'Angelo.

Zhu Sha Zang disse...

---- "Como brasileiros, torcemos para o Rubinho, mas, com a camisa do Corinthians, sabíamos da incompatibilidade com título internacional"
Do diretor de marketing, do São Paulo, Adalberto Baptista, ironizando o clube do Parque São Jorge ---

O pior é ninguém falar nada. Zoam o grande SCCP e fica por isso mesmo.

Aos que criticam uma suposta defesa ao SCCP, lembre-mos de que sem um grande rival não existe uma grande batalha.

A desproporcionalidade da imprensa neste caso se dá pelo ibope que se dá em falar bem dos gambá. Isto quando interessa.

Acho que diferentemente, aqui podemos ser imparciais.

Sinceramente acho corinthiano um bando de coitados. E o SCCP um freguês nosso nato.


MAS, ÓDIO ETERNO AO SPFW. Bando de FDP!!!!

Filipe disse...

Palestrino, não escrevi linha sobre nada disso por me faltar tempo. E só hoje vejo essa análise.

Mas o que continua intrigando é que a abutraiada consegue desviar a intenção dela. O sãocarlense Zhu Shazam disse bem.
Mas se o amigo tivesse a noção da história toda, veria que se não fossem os coitados desdentados, a putaiada seria a "dona" do Parque Antárctica, hoje em dia.

Honra não se compra, Shazam.
E mais; contra a SEP temos vantagem em número de vitórias. E contra o Palestra não poderemos mais tirar a diferença, mesmo que à época houvesse esforço em impedir o puteiro do poder público corrompido de tomar o patrimônio do Palestra.