06 novembro 2009

Do Maraca para o título

O Fluminense ficou na zona de rebaixamento o campeonato inteiro e aí resolve agora encher logo o nosso saco... Vai ser uma guerra, fica a sensação de "porra, tinha que ser contra a gente?", mas aqui é Palmeiras e precisamos buscar essa vitória no Maraca. Que vai estar lotado, é verdade, mas por uma torcida que não tem lá muita força e que não impõe respeito. E há ainda outros fatores nos beneficiam: o desespero que pesa contra eles, o cansaço depois de terem jogado ontem no Chile, Cuca e sua imagem derrotada à beira do campo.

De quebra, temos ainda um time bastante superior e um retrospecto amplamente favorável, com mais vitórias que o Fluminense mesmo na condição de visitante (eu teria vergonha de perder o confronto direto como mandante). E nada, nem os 40ºC da Cidade Maravilhosa, vai nos tirar essa vitória. Porque aqui é Palmeiras, porque o Maraca lotado traz o clima de final que tanto queremos e porque o mal não pode prevalecer de novo.

À vitória, guerreiros!

***

O fim de semana no Rio terá ainda o retorno do grande Vasco da Gama à Série A. Amanhã, 16h10. Vai ser bom poder reencontrar os irmãos vascaínos, ver o Maraca em festa e ainda presenciar o retorno de um gigante ao lugar de onde ele nunca deveria ter saído.

20 comentários:

Conrado disse...

nao entendo esse seu amor pelo vasco. é um inimigo como qualquer outro...

abs

André disse...

Ele tem amor pelo Vasco porque a Mancha Verde e a Força Jovem são parceiros. Vai cuidar da sua vida porra. Foda-se o Vasco tomara que suba pra cair denovo e para de incentivar a violência. Dando bola pra esses bandidos

Forza Palestra disse...

Porra, André, você tá falando com quem?

Conrado
Cara, eu sou Vasco no Rio. Torço pro Vasco desde moleque e é claro que isso tem a ver com a união das torcidas. Além disso, sou sempre a favor da permanência dos times grandes na Série A. E isso é ainda mais forte no caso do Vasco.

Jorge disse...

Também não entendo essa pagação de pau de parte de nossa torcida para com o Vasco, são uns malditos, como todo e qualquer time carioca.
Agora me responda, se como vc bem disse, é Vasco desde moleque, não deve ter ficado muito chateado com aquela maldita final dos 3x4 né????
Que raio de palmeirense é esse que torce para outro time além do Palestra??????

Forza Palestra disse...

Jorge,
Obrigado por despertar o debate.
Vamos lá:
Tô cansado de neguinho babaca que nem pro estádio vai e fica enchendo o saco com o discurso "Eu tenho só um time aqui e em qualquer lugar do mundo e quero que se fodam todos os outros". Repito: neguinho fala isso e não vai pro estádio. Fica em casa com a bunda na cadeira e pagando a porra do PPV, mas se sente no direito de questionar os outros. "Ah, eu torço pra um time só..."
Pois é, eu também. Eu sou Palmeiras sempre e faço tudo por esse time.
Mas gosto tanto de futebol e me interesso tanto que sou Vasco no Rio e vou a todos os jogos que forem possíveis.
Aí você questiona que "tipo de palmeirense" eu sou, né?
Bom, este blog já responde à sua pergunta. Mas, se preciso for, vamos lá:
Eu sou o tipo de torcedor que já acumula 628 jogos no estádio e que vai a simplesmente todos os jogos do Palmeiras aqui em SP e na Grande SP, a quase todos no interior e a uma boa parte delas pelo Brasil. Se preciso for, como neste ano, até faço um bate-e-volta para ir a Montevideo e voltar logo depois.
Eu sou o tipo de palmeirense que perdeu um único jogo do Palmeiras no Palestra nos últimos nove anos - porque eu estava fora do país.
Eu sou o tipo de palmeirense que viaja para todos os cantos atrás do Palmeiras e que, por conta disso, coloca em risco muita coisa em termos profissionais e pessoais.
Eu sou o tipo de palmeirense que perde horas da sua vida para escrever este blog e para ficar respondendo a idiotas como você.
Resolvido?

Bruno disse...

Blah, piso na merda em "reencontrar os irmãos vascaínos" ... que porra de irmão oque, ta maluco? Parceiros vascainos ok, mas aqui não é igreja porra! Concordo que será legal eles de volta, mas nao precisa endeusar os caras, afinal o blog e seu mas o publico é palmeirense, certo?

Claudio Yida Jr disse...

Ô Barneschi, tu não era gremista também?

Mande um abraço ao bacalhau João e diga que irei em breve à Cidade Maravilhosa conhecê-lo pessoalmente, obviamente que bebendo Brahmas em quantidades surreais.

E parabéns ao Vasco que, como todo time grande, não pode cair.

André Fix disse...

Não torço pro Vasco no Rio. Na verdade, ja tentei me identificar com outros times pra antagonizar grande inimigos (por exemplo, o Inter contra o Grêmio, ou o Fortaleza contra o Ceará), ou o Vasco e Atlético pelas alianças das torcidas. Na hora do vamuvê, não consigo torcer para outro grande time (torci pro Azulão naquela final dantesca contra o Vasco).

Respeito a aliança com a torcida do Vasco (e de outras equipes), por considerar estrategicamente vital as parcerias para a movimentação interestadual da grande massa palmeirense. COm certeza, os motivos para essas alianças existirem são muito mais relevantes do que qualquer preconceito imbecil que eu possa ter.

Passei por essa experiencia num Palmeiras x Vasco na gaiola da loucas. O Verdão ganhou (era a final de alguma coisa), e na saída cruzei alguns buzões da Jovem. Os caras tavam putos, mas rolou uma inteiração respeitosa.

No 3x4 no Palestra, assisti o jogo na numerada com amigos. sentamos juntos de uma galera vascaína. Zoação pra lá, zoação pra cá, 3x0 no primeiro tempo, eu tentando me dar bem com um gatinha carioca. Até ai, só diversão. Só que nesse dia, o destino me ensinou uma grande lição no futebol: "o jogo acaba quando o juiz apita, parceiro". Tomamos a virada, e cariocada foi a loucura. E tome zoação. A coisa ficou tensa na numerada, e o box era eminente. Eu e meus amigos formamos um cordão de isolamento da torcida vascaína, e conseguimos anuviar a tensão. Tomei um pileque nesse dia, mais um pelo Palmeiras (na alegria e na tristeza, certo?), e de cabeça inchada fiquei por alguns dias.

Até hoje escuto o mantra:

"o jogo acaba quando o juiz apita, parceiro"
"o jogo acaba quando o juiz apita, parceiro"
"o jogo acaba quando o juiz apita, parceiro"

Gabriel Manetta disse...

a aliança sempre existiu entre as torcidas, mas isso não se estende aos clubes...

claro que com a aliança entre as torcidas o que eh algo muito bonito de se ver, um acaba pegando simpatia pelo time do outro...

eu ja peguei uma caravana com a MV pra BH e vi como é legal essa amizade...mas sinceramente se eu sentia um minimo de simpatia pelo atletico e sua torcida antes da caravana, depois eu passei a desgostar...nunca imaginei que a torcida do galo fosse tão diferente da nossa, sinceramente, não quero causar conflitos aqui, mas PARA MIM, NA MINHA OPINIÃO...a torcida do galo se parece muito mais com a de outro clube aqui de SP, um com as mesmas cores....mas isso não muda nada, continuo respeitando a alinaça que existe...nunca fui no RJ para ver se realmente existe uma identidade entre vascaínos e palmeirenses, eu acredito a identificação seja maior, pois são dois times de imigrantes, e os dois fazem o classico contra o time do povão....nunca fui a POA mas de todas as alianças palmeirenses, a minha maior simpatia, é pelo Gremio, também é rival do time do povão, também é time de imigrantes, e o espirito do time é o mesmo, tanto que quando joga Palmeiras x Gremio, sempre é jogo bom, sempre é pegado, sempre é futebol a moda antiga, onde a marcação era forte e pegada...mas não chego a torcer pelo Gremio, alias torço somente quando joga contra o Inter....~e mesmo assim s enão for um concorrente direto com o Palmeiras...


eu acho que o que vale seria o Barneschi que eh MV explicar direito a historia das alianças...pelo que ja escutei, a com os vascainos nasceu no tempo do Cleo, decada de 80 onde o sentimento anti-flamengo era fortissimo...tanto que Palmeiras x Flamengo é o maior clássico interestadual...a aliança com a galoucura pelo que sei nasceu após 88 aquele jogo contra o cruzeiro no PI...

André Fix disse...

CORRIGINDO: DESANUVIAR.

JUDIEI DO PORTUGUES.

Filipe disse...

Palestrino, perca seu tempo contando também a história daquele pernambucano vascaíno que ajudou o Palestra, assim como Vicente Matheus, a continuar existindo em sua Sede.
Só para complementar sua resposta irretocável.

No mais, além de bacalhau e gremista, o Palestrino é torcedor do San Lorenzo, do Celtic e, se não me engano, da Internazionale, é isso?

Boa viagem, e que o bacalhau... enfim. Mande lembranças ao João, que não vai dormir nem hoje, nem amanhã.

Abraço

Gabriel Manetta disse...

Barneshi

você viu que o jogo contra o Gremio foi adiantado para o dia 18?

isso é uma vergonha, ridiculo

como pode um jogo decisivo não ser jogado simultaneamente com os outros???

e os torcedores que compraram passagens aereas???? vsf, o pio eh que o Palmeiras e os clubes aceitam isso....no caso o Palmeiras não poderia não aceitar pois não é o mandante...mas sabemos que nada faria...

Federico Erdocia disse...

Quanto ao Flu, é o que digo: a imprensa martelando que estamos preocupados, o calor, a mãe joana, etc, mas porra, nosso time é melhor, somos líderes, os caras tão na merda, com bem disse o blogueiro, eles não tem tradição, camisa, time, história, etc, e AQUI é PALMEIRAS.

Quanto ao Vasco, sou do tempo do ínicio dessa amizade, naquela salinha atrás do Palestra, tempos de Cleo, dois ônibus e um caminhão.

Nunca concordei, mas reconheço que todas as vezes que fui ao Rio fui muitíssimo bem tratado, com churrasco e tudo mais.

Sem falar da importância do reforço na hora de enfrentar os urubus, na bola e na mão. Se bem que na mão, já vi vários vascaínos indo embora antes do fim do jogo.

Enfim, diversidade de opinião e respeito a elas é sinal de civilidade e como não torcemos pros marginais da marginal, mantenhamos o nível.
abs

Fred Argentino

Nicola disse...

Eu simpatizo com o Vasco também, pela história semelhante com a nossa que eles tem... Se pudesse ir ver o Palmeiras domingo, com certeza iria pro Maracanã no sábado acompanhar o jogo dos caras.

Gabriel Manetta disse...

AEEEE

FINALMENTE, AGORA VAI

MARCOS-grava comercial do Programa Socio-Torcedor
Expulso contra o Corinthians, o goleiro Marcos está fora do jogo contra o Fluminense, neste domingo, no Maracanã. Mas a diretoria do Palmeiras arrumou um serviço ao ídolo nesta semana: a gravação de um comercial.
Marcos foi a estrela do anúncio do programa de sócio-torcedor do Palmeiras, em gravações feitas no Palestra Itália. A campanha já ganhou o título de "Avanti".
Em nota oficial, o Palmeiras promete "o maior e mais completo programa de sócios-torcedores do Brasil". O lançamento do projeto está previsto para a próxima terça-feira.
A direção do clube espera proporcionar principalmente maior comodidade ao seu torcedor. No Palestra Itália, os palmeirenses viveram alguns problemas para adquirir ingressos nos últimos anos.
.
FONTE: http://esportes.terra.com.br/futebol/brasileiro/2009/interna/0,,OI4087924-EI13759,00-De+folga+Marcos+grava+comercial+para+ajudar+o+Palmeiras.html

Rafael disse...

Não deveria escrever agora, mas creio que me ajudará a suportar melhor essa amargura.

Que respeito é esse que o Palmeiras demonstrou contra o Flu? Tá na zona de rebaixamento, chega e mostra porque é líder e se impõe.

O Palmeiras é o clube mais bonzinho que existe. É só chegar alguém com risco de cair para que entreguemos os pontos para o adversário. Foi assim contra o Inter quando este estava para descer uns anos atrás, foi assim contra o Flamengo em algumas oportunidades, e este ano por três vezes contra Náutico, Santo André e agora o Fluminense.

Pra foder com tudo, ainda vem a cambada de juízes para dar mais um título na mão grande para o SPFW. Porém, o mais triste é que nesse ano poderíamos ter evitado essa pouca vergonha.

Continuo acreditando em algum milagre por que sou Palmeiras e não consigo parar com essa merda de futebol. Mas já não nutro qualquer confiança nesse grupo que está aí representando nossas cores.

Rafael disse...

Se tivessem feito isso aqui no começo talvez não precisasse fazer num momento em que pode ser tarde demais:

http://www.palmeiras.com.br/noticias/2009/11/08as18h35-id1235-simon+faz+o+resultado+e+palmeiras+perde+para+o+fluminense.shtml

SIM, VEM DO SITE OFICIAL DA SEP.

Ana Paula disse...

Sempre leio seus textos e os considero muito bem escritos..
Quanto ao ocorrido hoje, é motivo de indignação... Simon por sua omissão no gol de Obina e no penalti em cima do Danilo, o bandeira por permitir uma cabeçada diante de seu nariz, e o Muricy por esperar um milagre, susbtituir muito tarde e por manter o Love e tirar um dos poucos que estavam a fim.. Love mais parece jogador do Jd. Leonor, preocupado com as trancinhas no cabelo e NÃO MERECE vestir a camisa da S.E.P. nem tampouco usar o Palmeiras como ponte pra escalação de Dunga e devido ao insucesso, afundar o time como vem fazendo.
Os torcedores tem que agradecer a suspensão dele na próxima partida.. e a diretoria deve se impor como time grande que é e deixar de permitir os escandalos que vem acontecendo jogo a jogo.

João Medeiros disse...

O Palmeiras foi vítima de latrocínio hoje no Maracanã. Uma vergonha a arbitragem do Simon.

Quanto ao autor do blog, conheço poucos que são tão palmeirenses quanto ele. Mais que ele, nenhum.

Só pra registro: SOU VASCAÍNO PRA CARALHO !!!

Meu respeito e admiração pelo Verdão vem do distante ano de 1979, quando estive no Maraca e vi o PALMEIRAS destroçar os vermes por 4x1.

Se o resultado do Palmeiras não atrapalha as pretensões do VASCO, lógico que torço pelo PALMEIRAS, como nesse campeonato, aliás.

Para os desinformados, esclareço que esse laço de amizade e as semelhanças vem de longe...CAPITÃO ADALBERTO MENDES, sabem quem foi? Era diretor do VASCO antes de "adotar" e defender o Palestra. Isso em 1942...

As afinidades e coincidências que unem VASCO e PALMEIRAS são muitas. As torcidas organizadas só reverberaram uma amizade que a história já havia começado a construir desde muito antes.

Ontem, no Maraca, me orgulhei em ver as bandeiras PALMEIRENSES tremulando no meio da torcida do VASCO. Camisas do PALMEIRAS havia em profusão, por toda parte. Todos foram muito bem tratados e bem vindos. Comportamento que aliás é o que se espera quando recebemos amigos a quem queremos bem.

Sei que há palmeirenses que não gostam do VASCO, assim como há vascaínos que não gostam do PALMEIRAS. Mas são minoria. Não tem voz forte suficiente para abalar a amizade que une esses dois Gigantes.

SAUDAÇÕES VASCAÍNAS !!!
SAUDAÇÕES ALVIVERDES !!!

Forza Palestra disse...

Gabriel, Filipe, João,

Vou tratar em breve do assunto Vasco, união entre torcidas, a volta à Série A e, especialmente, toda essa história em comum entre os dois clubes.

Só preciso deixar passar o calor desse episódio Simon e depois o jogo contra o Ixpót para retomar o assunto. É bastante pertinente.

Abraços