23 novembro 2009

A nossa recompensa


"Humilhados, jogadores do Wigan vão reembolsar torcedores". A notícia, distribuída pela AFP, saiu hoje em tudo quanto é site e foi parar, como os senhores podem conferir acima, até na página oficial do clube inglês, uma espécie de Juventude local, que levou ontem um 9 a 1 do Tottenham, algo como a nossa Portuguesa.

Partindo disso, é inevitável perguntar: qual seria o reembolso que o torcedor palestrino deveria recebe
r de cada um dos vagabundos que fizeram o Palmeiras perder o título mais ganho entre todos os títulos ganhos que foram perdidos nesta década perdida?

Qual seria o reembolso por tamanho vexame? O que paga todo este sofrimento, todo o inconformismo, toda a sequência que nos conduziu à desolação atual? O que compensa a decepção de nos tirarem um título certo e entregarem logo para as bichas alienadas?

Fato é que por aqui jamais se pensaria em algo parecido; por aqui,
Fabio Raiola, o diretor financeiro do Palmeiras, o homem da arquibancada a R$ 40, presenteia o torcedor palmeirense com uma declaração deste nível:

"Isso (a arquibancada cai de R$ 40 para R$ 20 no último jogo do ano) não é medo de ficar com o estádio vazio, é uma recompensa ao torcedor que se esforçou. Se tivéssemos chance de ser campeões, nossa ideia era fazer o jogo em um estádio maior para cobrarmos o ingresso o mais barato possível para agradecer aos torcedores."


Bom, eu cansei!

26 comentários:

João disse...

Cara, sobre este campeonato e sobre assuntos relacionados à atualidade do clube - dirigentes, jogadores, média de públicos... -, eu prefiro nem sequer falar. Prometi a mim mesmo só voltar a acompanhar notícias sobre futebol em 2010.

A pergunta que me faço, de qualquer maneira, é a seguinte: será que vale a pena continuar sendo fanático? Na boa, palmeirense sempre serei, mas o que me pergunto é se vale a penar continuar acompanhando sempre, torcendo sempre, gastando energia, tempo, dinheiro e tudo o mais nisto. Não falo só por conta desta campanha, mas também por conta da merda em que está se transformando o futebol moderno. Colocamos o coração em algo que já foi consumido, sem volta, pela lama dos lucros, dos interesses financeiros, das análises de carreira e tudo o mais.

Isto foi, sim, um baita de um desabafo, mas confesso que não sei a resposta para a pergunta...

Forza Palestra disse...

João,

Sua pergunta é pertinente, acredite. Mas eu sinceramente não sei o que responder. Talvez mais adiante, mas a decepção é tão grande agora que eu vou ficar devendo essa.

Abraços

Raphael Leonessa disse...

Eu vou tentar responder, se formos ficar decepcionados a cada frustracao, nos tornaremos o que mais odiamos: torcedor-modinha.

A perda desse titulo (a ser confirmada) foi um enorme baque em nossa coletividade...mas nao teria sido a primeira vez (impossivel imaginar que dentro de quase 100 anos de historia algo assim ja nao tenha acontecido).


O fracasso nos da também bons ensinamentos, os quais precisam ser absorvidos para alem de nao repeti-los, nos tornarmos mais fortes para as conquistas. Aprendemos, nesses ultimos 2 anos, que jogadores descompromissados NAO PODEM ATUAR NO PALMEIRAS.

Em 2007 perdemos o titulo para o STJD, em 2008 e 2009 para nossa incompetencia em gerir problemas internos no elenco...mas sempre estamos, ao final, a apenas um passo da gloria. Devemos nao ter medo de percorrer essa ultima milha.

Desistir agora é retroceder em nossa caminhada. Absorvamos o negativismo visto em 2009 para iniciar 2010 com ao menos a esperanca renovada.

Um abraço,

João Medeiros disse...

Entendo o comentário do xará. Claro que a decepção com o Palmeiras maximiza o desgosto legítimo com esse tal "futebol moderno". Já me surpreendi me fazendo essa mesma pergunta. No auge da tristeza, a tendência é sucumbir ao desencanto com o time e com toda essa merda preceituada por essa gente escrota que mercantilizou o futebol. Mas depois que a nuvez passa, me dou conta que meu compromisso é com a instituição. Não é a um jogador, um dirigente, um técnico que eu dedico meu amor incondicional. É ao clube, à instituição. Esse povo todo passa, o clube é eterno. Se você é um torcedor de verdade, e eu acredito que seja, negar seu amor ao PALMEIRAS, ou negar sua presença ao lado do clube nessa hora, vai te fazer mal. Já já aparece um bom motivo pra voltar aos estádios, acredite. O amor verdadeiro é assim, feito de extremos, mas eterno. Abraços.

Fernando Kamers disse...

Fantátisco Barneschi. Estava escrevendo algo sobre o assunto ontem, mas depois de ler seu post resolvi republicá-lo ao invés de escrever outro texto.

Abraço Nação Palmeiras,
www.meupalmeiras.com

André Fix disse...

Bom dia,

me incomoda muito a distância moral da torcida com o time, e a disvirtuose crônica do universo Palmeirense. Um cidadão como esse Raiola não pode falar um abobrinha como esta (que mundo esse infeliz esta?), ou mesmo depois deste melancólico fim de feira, os dirigentes palmeirenses (ou mesmo os líderes do elenco)deveriam fazer a mea culpa, assumir a vergonha, e prometer que esse comportamento não será tolerado novamente. Mesmo um Marcos ou Pierre são coorporativistas e reprimidos, apesar de terem carta branca pra impor a lei lá dentro, e exigir de cada moleque que chega ao elenco luta, suor e comportamento de homem.

O comandante Palestrino, Prof. Belluzo, sumiu. Entrou em depressão (não sei vcs, mas eu também). Deixou sua energia ser consumida pelos pela-saco. Eu entendo isso com o ser humano Belluzzo, mas sinto falta do líder Palmeirense. Dê as caras Presidente, o Sr. tem o apoio de 99% dos Palmeirenses (além de muitos torcedores de outros times, que acreditam no Belluzzão).

Era (ainda é) a oportunidade de jogar tudo no ventilador, quebrar geral, limpar o ambiente no Palmeiras. Esse é o processo de renascimento que iniciou após a era do sapo-boi. O organismo palmeirense ainda tá enfraquecido, com a enegia fraca do perdedor...todo cuidado é pouco. Achavamos que podíamos cair na farra, comemorar, mas ainda precisamos de cautela para limpar o corpo e ficarmos novamente fortes, e sem pressa,, encontrar novamente nossa identidade, e que esta seja positiva e única, entre torcida e equipe.

Desculpem o longo texto. Espero ter sido coerente, e que faça sentido o que escrevi.

reny disse...

Aconteça o que acontecer, sou Palmeiras. Entendo o cansaço, o desânimo, mas também não acho que quebrar tudo é a solução, mas sim apoiar a equipe sempre e cobrar de forma racional. Mais que tudo, o Verdão tem se perdido nos finais de campeonato pelo lado psicológico e, aí sim, a torcida pode ajudar, estando com o time na tristeza e na alegria. Ser torcedor quando o time tá na frente é fácil. Complicado é apoiar quando estamos na pior. E essa é a hora em que os verdadeiros torcedores aparecem, aqueles que têm a instituição Palmeiras no coração.

Alex Buzeli disse...

últimas postagens
24-11 Conselho Vitalício: instrumento do conservadorismo
24-11 Papai Noel tem que ser duplamente verde
24-11 STJD: o show tem que continuar
23-11 Reformulação do elenco
23-11 Opinião sobre o movimento para a mudança da diretoria de futebol
23-11 O "democrata" Luxemburdo critica o "ditador" Belluzzo
22-11A esperança é verde, mas São Paulo e Inter tem mais chances
20-11 Resposta a Juca Kfouri
19-11 Diego Souza, o câncer que precisa ser eliminado do Palmeiras
18/19-11 Parabéns jogadores !


Post no Blog Socialismo e Palmeiras

http://socialismoepalmeiras.blogspot.com

Daniel disse...

nao ha o que paguye esse vexame do BR09

Forza Palestra disse...

Raphael,

Entendo e respeito o seu comentário, mas eis aqui uma outra versão dos fatos:

1. Esta foi a derrota mais vexatória da história do Palmeiras, e não há qualquer precedente digno de comparação. Foi assim porque não se resumiu a um único jogo, sempre sujeito a situações adversas e imprevistas, mas sim a toda uma trajetória que comprovou a fraqueza do grupo que aí está e a incapacidade de prevalecer o espírito do Palmeiras na hora da decisão - e isso já está acontecendo há tempo demais. Tiraram do palmeirense um título que já era dele, e isso não por uma arrogância injustificada, mas por algo que foi construído ao longo do ano. E ver o time desabar dessa forma, mais uma vez, é por demais sofrido, o que justifica o sentimento de perda que toma conta da torcida.

2. O palmeirense está cansado do papinho de que "devemos aprender algo com a derrota". Porra, o palmeirense já cansou de aprender. Faz anos e anos que chegamos perto e aí, por incompetência ou safadeza de uns e outros, sofremos todos. Não dá pra falar em lição dessa vez, até porque não fica claro qual foi o erro. Não dá. Eu não tiro lição nenhuma dessa derrota. Espero que alguns consigam fazer isso.

3. O distanciamento entre torcida e diretoria (e eu absolvo aqui apenas o presidente Belluzzo) contribui ainda mais para isso, porque ninguém ali parece efetivamente preocupado com o torcedor. Vide as declarações imbecis do sr. Fabio Raiola e especialmente o engodo que foi este plano de sócio-consumidor do clube.

E eu poderia aqui discorrer por horas e horas sobre isso, mas esta é uma visão que eu consigo absorver de grande parte da coletividade palestrina.

Não é necessariamente a minha, pois eu sou insano o bastante para continuar indo a todos os jogos e tendo a mesma dedicação de antes, mas é a visão de muita gente por aí. E eu sinceramente já não condeno os que pensam assim.

Mas só estou jogando as ideias na mesa.

Obrigado pelo comentário e abraços

vitor disse...

porra, vc diminuiu o tamanho da letra??? po, eu sou cego.

tottenham é a portuguesa de lá?? kkkkkkkkk. se for pegar só os resultados dos últimos anos, pode até ser...assim como atlético de madri, rasin, torino e...PALMEIRAS.

essa de diminuir o preço dos ingressos é o fim, acham q somos palhaços, kkkkk.

Forza Palestra disse...

Vitor,

A comparação Tottenham/Portuguesa foi discutida ontem com o Junior. Mas o importante é que chegamos à conclusão sobre quem é o culpado pela eterna má fase do Palmeiras.

Abraços

Fabiano 1914 - Jundiaí disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fabiano 1914 - Jundiaí disse...

bom amigos só tenho uma coisa a dizer..... Sim vale a pena sofrer de novo, mesmo porque meu filho vai crescer e por culpa ou mérito meu ele será palmeirense, ele sofrerá decepções, ele será como nós, mas poderá um dia entrar num blog e dizer que é uma honra ser palmeirense mesmo pagando um preço alto pra isso. Ser palmeirense é isso, inexplicavelmente questão de honra... Somos o que somos.... modas passam, fases ruins e boas tb, e qdo chegar nossa vez de sermos recompensados pela dedicação eu poderei dizer.... Sim estive lá contra o ixpó decadente e sim sofri e fui humilhado em 2009, mas estava lá... e estou aqui agora e estarei aqui sempre...

vitor disse...

kkkkkkkkk.
qdo perdemos pra inter d limeira eu nem falava ainda, kkkkkkkkkk.

Isis disse...

A nossa recompensa seria poder dar uns tapas na cara do DS...

Paty disse...

A decepção é total.Explicar as causas, cada um tem sua teoria, elegeu os seus culpados.Prá mim o grupo todo tem sua parcela de culpa.Não sei quem são os cabeças do tal racha, quem formou as panela, mas que elas existiram é fato.
Seria bom, se aprendessemos com os erros, mas tá difícil.Entra ano, saí ano, continuamos expondo nossas divergencias para a imprensa.Diretores, gerentes de futebol preocupam-se apenas com seu ego,não querem aprender com os erros, acham que sabem tudo.
E nós pobres torcedores, continuamos atonitos.Prá encerrar vem o golpe do ingresso barato.Foi o golpe derradeiro.
Eu jamais deixarei de ser fanática, porque isso tá em mim, impossível, mas que dói ver tão pouco caso por parte de todos , isso dói.

Nicola disse...

A culpa maior é dessa diretoria de futebol amadora, que não tem comando nenhum sobre os jogadores, não sabe agir nos bastidores, aceita qualquer merda que a Traffic ofereça, enfim, um bando de incompetentes... De que adianta trazer um puta jogador (Vagner Love) se o time para de jogar porque ele recebe mais salário?

Pior que eu ainda acredito no título, existem chances até razoáveis, mas pelo jeito esse bando de vagabundo vai continuar fazendo corpo mole... Já recebe mais de 100mil por mês, quer mais o que? Joga bola e pronto, que tem que ficar causando com o resto do elenco?


VÃO TODOS TOMAR NO CU! Profissionalismo ZERO, em todas as áreas no que diz respeito a futebol. Só o presidente e o técnico se salvam. O resto, é jogador chinelinho (generalizando), diretores incompetentes, ninguém sabe lidar com a impren$a e bastidores em geral... Aí não da.

Só falta o Belluzzo sair e entrar o Mustafá e os que valorizam mais a bocha que o futebol, outra vez... Dentro do Palmeiras é tudo quase impossível, tem que ter uma revolução naquela merda de política de lá... E nós é que pagamos por isso.

Por que deu certo com a Parmalat? Era uma co-gestão, o Mustafá não fazia PORRA NENHUMA e tinha nego PROFISSIONAL cuidando do futebol. Mas não precisa ter uma parceria pra isso, veja os bambis por exemplo.

FALTA ISSO, CARALHO! E vão todos tomar no cu outra vez, seus filhos da puta! O Palmeiras merece muito mais!

Anônimo disse...

Aragonez escreveu:

O pior é que depois, aparece um desses "dezembros" da vida na TV e fica comparando torcedor com cliente e todo aquele blá blá blá idiota. Agora eu pergunto: Qual é o cliente que passa tudo o que passamos e continua lá firme e forte, sem nunca mudar de marca/empresa??? Esses caras não tem a mínima noção do que é o futebol e quem são os torcedores.

Raiola vai pra PQP!!! Vc. não passa de um cachorro que caiu da mudança. Procure aprender um pouco mais de futebol e seu torcedor e depois você pede desculpa e tenta voltar. Por enquanto você não tem condição de ser sequer bilheteiro do Palmeiras.

Ao Rogério Dezembro: seu programa de sócio-torcedor é um lixo. Não vai emplacar nunca, porque você é burro além da conta, fez um programa sem ouvir os torcedores. Dezembro dizem que você dá aulas ?? Aulas do quê ?? Como um cara tão imbecil quanto vc. pode ser professor de alguma coisa ??

Infelizmente o Belluzzo está cercado por esses caras...desânimo total...

DaniloK disse...

Seu Raiola, minha recompensa pode ser em títulos, se não for possivel, não ligo de ver o time perder, desde que jogue com raça e busque a vitória...

A partir do momento que existe corpo mole por parte dos jogadores, o preço que pagamos no ingresso, pagamos pra ver o time jogar (e quem sabe vencer), se existe igrejinha, se existe uma combinação pra entregar o jogo, então esse valor cobrado pelo ingresso é uma fraude. É lesar o torcedor. É extelionato!!!

Não sou daqueles que só sai satisfeito do estádio se o time vence, mas exijo no mínimo que o time jogue pra vencer.

Forza Palestra disse...

Meu caro Família Alvivere,

Você vai me desculpar, mas não há time mais arrasado que este Palmeiras atual. A decepção da torcida é a maior prova disso.

De resto, o Antero Greco é um grande palmeirense.

Abraços

rafael disse...

Porra, não bastasse tudo o que já passamos esse ano, ainda surge um dos brilhantes dirigentes do Palmeiras para fazer chacota com a própria torcida.

Porque eu não vi abaixarem o preço do ingresso na final do Paulista de 2008.

E seguindo a asquerosa lógica elitista e o insaciável desejo por maiores receitas de bilheteria dessa diretoria desmoralizada, o mais provável seria uma majoração nos valores dos ingressos para esta última partida em casa contra o Galo.

rafael disse...

off

Acabei de ouvir do Mário Sérgio, técnico do Inter, um argumento bem interessante e muito forte contra a tal "justiça" dos pontos corridos.

Disse ele que, se fosse em um mata-mata, a hoje tão comentada mala-branca nunca seria capaz de decidir o campeonato. Ela é inerente ao sistema de pontos corridos.

Como o tema é muito comum por aqui, achei pertinente postar.

Mais um para o arsenal dos que são a favor da emoção, e se junta aos tantos que o Barneschi e os amigos já trouxeram por aqui.

Irineu Curtulo disse...

Bom dia!

Mesmo decepcionados, inconformados e sem saber quem e o que aconteceu, ainda assim vejo pessoas como o Bernaschi, que aponta erros, que busca soluções e que acima de tudo nos representa com dignidade e amor. Parabéns, novamente, não só pelos seus textos, mas pela maneira como conduz os seus ideais.
O problema não está na impren$a, que sempre nos tratou como "italianinhos", mas na maneira como respondemos a essas perseguições. Direito de rsposta é a maneira mais imbecíl de colaborar com a polêmica, e todos sabemos que, "bater em bêbado é covardia, ou no mínimo falta de bom senso", pois é. Se nos qialificam como bêbados, e sabemos que o são, mostremos a eles que somos, realmente esse "bêbado". Tratemos, internamente, os nossos problemas, e excluamos de vez a impren$a do nosso mapa. Deixemos que publiquem as nossas "crises". O desprezo ainda é uma das maneiras mais fulminantes de atingir o alvo. Repito, responder só colabora com a polêmica, e não acrescenta em nada. Nossos blogs deveriam tratar apenas de assuntos conhecidos pelos autores; comentar notícias montadas, incitar ódio eterno aos bambis, reclamar de arbitragens, STJD, isso não resolve o nosso problema. Lutemos, pois, por ingressos mais baratos; cobremos, pois, contratações mais bem pensadas; colaboremos, pois, com sugestões simplistas à nossa diretoria; enfim, que se danem os tais jornalistas vendidos, pois eles sempre serão vendidos, independente de nossos argumentos, então que vão à merda todos esses veados e viados... entendeu?

rafael disse...

Recomendo a todos um post do 3VV sobre o Avanti. Vai na veia.

E sobre ingressos, estava reparando nos pontos de venda adicionais e é revoltante:
-
Além do estádio Palestra Itália, seguem abaixo os 4 postos de venda para a torcida do Palmeiras. Nesses 4 postos, NÃO serão vendidos ingressos de numeradas cobertas e descobertas, mas somente ingressos do setor de Arquibancada.

- MCS Shopping Tatuapé- Rua Dr.Domingos Agostim, 91 - Lojas M25 e M26 - piso metrô
Horários: segunda e terça-feira, das 10h às 22h

- MCS West Plaza – Av.Antártica, 380 - Loja 4120, Bloco A, Piso 3
Horários: segunda e terça-feira, das 10h às 22h

- MCS West Plaza – Av.Antártica, 380 - Loja 1.102, Bloco A PZ T
Horários: segunda e terça-feira, das 10h às 22h

- MCS Paulista 1 - Av.Paulista, 2300
Horários: segunda e terça-feira, das 9h às 20h
*

É muita sacanagem com o torcedor. Pra começar, 2 pontos de venda estão dentro do West Plaza, que é ao lado do Palestra. Os outros dois são bem localizados, mas também só em área de bacana. Não há como não notar o viés elitista dessa diretoria.

Irineu Curtulo disse...

Leiam esse texto.

http://blogdaclorofila.sopalmeiras.com/2009/11/ei-imprena-vai-t-n-c/#respond

Sugestão para as torcidas organizadas, façam um mosaico mandando a imprensa tomar no c