02 outubro 2013

O inimigo está dentro de casa

Uma análise pormenorizada está por vir - tudo a seu tempo, bem ao contrário da verborragia acéfala, canalha e indigente da corja que vem atentando contra tudo o que representa o Palmeiras. Por ora, deixo-os com a palavra do grande amigo Jefferson "Aragonez" Camacho. É um texto que já está pronto faz tempos (mais de mês), mas vem a calhar hoje. Aí vai:

“Mais um ano perdido. Em que pesem as mudanças pontuais, ouso dizer que a única coisa que mudou para valer – e MUITO – foi a nossa união. Nesse quesito, a gestão atual foi cirúrgica, e obteve gigantesco sucesso. Como diria Maquiavel, “dividir para governar”. 

Lembro do tempo que estávamos unidos num só pensamento contra a "corja", contra a maldita "velharada". Uma só voz pelas diretas e contra os mesmos nomes, as mesmas forças, as mesmas famílias, enfim, uma época que parecia ser possível realmente mudar alguma coisa na carcomida estrutura viciada do Palmeiras.

Hoje a luta mudou, está focada no “time dos pró” versus o “time dos contra”. A luta principal da torcida, que era mudar as estruturas medievais (e respectivos sobrenomes), foi abandonada. Não existe mais união entre os torcedores. Muito pelo contrário: divididos, eles se digladiam de todas as formas e em todos os canais, causando fissuras que só favorecem aqueles que sempre estiveram no poder, e que não querem que nada mude. 

A verdade é que tenho saudades dos tempos em que pelo menos nós, torcedores, estávamos unidos (megafone, passeata etc.). Bater de frente e quebrar o pau com as velhas forças era, por vezes, até instigante. No entanto, ter o tempo todo que bater de frente com outros torcedores como você, gente com quem inclusive dividimos a arquibancada (para dizer o mínimo), é triste, chato e termina por trazer o inevitável sentimento de cansaço. 

Parabéns à gestão atual e ao seu núcleo central de estrategistas: é forçoso reconhecer que, no quesito divisão, eles obtiveram enorme sucesso. Estamos cansados e divididos. As velhas forças estão mais vivas do que nunca.”

Jefferson “Aragonez” Camacho

14 comentários:

cristiano disse...

Bem tipico seu esse texto hahaha

César SEP disse...

É realmente um puta texto, e essa realidade está acontecendo. Mas aí vamos chegar naquela tradicional briga Torcedores de arquibancada x Torcedores alienados de sofá. A torcida está muito acomodada hoje; o Palmeiras se encontra em uma péssima condição, e parte dessa culpa é da torcida, que se omitiu muito nesses últimos anos e se apequenaram na forma de pensar. É fácil colocar a culpa nos políticos brasileiros para justificar o retrocesso e os problemas que o país vive, mas ninguém se mexe para tentar mudar alguma coisa. No Palmeiras idem, já vimos tanta falcatrua e coisa errada lá dentro e a impunidade reina. Podem falar o que quiserem da Mancha, mas ela é a única parte da torcida que protestou, cobrou e se mostrou insatisfeita nesses últimos anos desastrosos para o clube. Até onde eu lembro, a MV estava presente em frente ao CT no final de 2008, quando houve aquele desmanche, no início de 2009, quando o Madureira começou a trazer jogadores lixos (frutos de negociatas e empresários sujos), no final de 2009, após aquela vergonha que passamos, a MV fez um protesto com direito a camarote pro Love e trio elétrico na Turiassu, em 2011 eu também acho que teve, e pra finalizar, os 3 últimos protestos em 2012, na véspera da eleição para a aprovação das " Diretas Já", quando o time estava caindo, e no pós queda.

Júnior disse...

O camarada Araga, sempre mandando muitíssimo bem... texto cirúrgico e objetivo.

Eu sou um desses saudosos pelos tempos de luta contra esse sistema escroto que existe e continuará existindo no Palmeiras. Participei de todos os protestos... enfim...

Triste ver que os outrora "amigos" que lutavam (lutávamos) juntos contra o sistema, agora fazem parte desse sistema.

E depois, quando falamos "Agoniza Palmeiras", tem gente que acha ruim...

gregory disse...

A briga não é mais entre torcedores de arquibancada x torcedores de sofá.

A briga ocorre na própria arquibancada. Gente que cresceu nela e hoje que extingui-la.

O que ocorre hoje é grave. Perdemos muita gente que estava lutando do nosso lado, muita gente que se dizia de arquibancada que no fundo não passava de um elitista filho da puta!

A torcida do Palmeiras está mais enfraquecida do que nunca.

Ralf disse...

Achei o texto saudosista demais..
Acho que discussões sempre vão existir e devem existir!

Pois se todos estão acomodados não há mudança não há evolução..

Agora o fato de discutirmos de ouvirmos uns aos outros não precisa nos tornar inimigos..

Acho que todos tem direito de apoiar ou ser oposição da atual gestão, é um direito e faz parte da democracia, que ainda está sendo implantada no Palmeiras!

Não sinta saudades do passado, pois acredito que o futuro vai ser bem melhor!

Abçs

José Augusto Lemos Neto disse...

A briga na arquibancada é clara... Torcedores do Palmeiras x Torcedores da Torcida.

cristiano disse...

Ow Cesar, aprenda que nao ha um complo contra a MV, e sim contra suas atitudes que prejudicam a SEP. quando a MV aprender que nao eh com violencia que se resolve tudo, ela se tornara o que sempre foi "UM ORGULHO" Bater em jogador que ta mal ou eh ruim mesmo nao existe, brigar em estadio muito menos, qualquer idiita ve que o STJD nao gosta do Palmeiras e a MV dah a SEP na bandeja pra eles, agora se isso eh idiotice que eh o "X" da questao, eu acho nao, que a MV ta sendo operada por alguem que tem o intuito de prejudicar o Verdao, senao nao fazia as atrapalhadas que fazem. Entao no dia que a MV voltar a ser o que era, garanto que a torcida vai junto...quer bater em alguem, bata no Tirone, Frizzo, eles colocaram o Palmeiras nesta situaçao, e ano que vem se continuarmos brigando para nao cair, pega o Nobre tbm, mais jogador e torcida brigando em estadio so FODE o Palmeiras meu irmao.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Barneschi disse...

Anônimo,
-1. Reformule seu comentário.
-2. Assine.
Passar bem.

Barneschi disse...

José Augusto Lemos Neto
Não, cara, não tem nada de torcida organizada na história. O problema é muito maior e ou você entende isso ou então vai ser conivente com essa gente que aí está.

Davi Roldan disse...

Quanto ânimo, quero ver brigar assim pela nas ruas pelo país e não só pelo Futebol.


O problema do futebol é só um, DINHEIRO.

Todo mundo quer e toma de quem deixa, vide Palmeiras.

Sou descendente de Italianos e nós sabemos como que funciona a políticagem e temos na história a máfia.

O cara que vê jogo no sofá, também torce pro time e o time precisa de ambos os cara, pois um time com uma torcida de 13milhões de pessoas, não podem ir ao estádio todas juntas.

O que cabe a nós é não abandonar e não criticar nossos parceiros e irmãos de time.

Temos que mudar o time com planejamento, estratégia e tempo.

Não é quebrando tudo, não dando renda e cartazes + passeata que o negócio vai mudar.

Sejamos inteligentes E coerentes.

Anônimo disse...

boa davi roldan

onde assino???

pelo jeito o responsável do blog não vai com a minha cara, ou melhor com os meus comentários

talvez por que eu fale a verdade toda hora

ou por que desmascaro ele e suas teses a cada post

relaxa dono do blog

saiba conviver com opiniões opostas

ate parece filho do Geisel!!!!!!

ou do Gastarrazu Médici

Felipe Teodoro da Silva disse...

Na verdade, a briga ocorre entre palmeirenses x Nobristas e palmeirense x chilenas.