18 setembro 2008

Vitória exagerada

Espero estar enganado, mas temo que a vitória de ontem possa prejudicar a caminhada alviverde no campeonato que realmente importa, o Brasileiro. Tanto a Sul-Americana não vale nada que fomos ontem apenas 2.747 pagantes – em mais de dois anos, é a primeira vez que o público fica abaixo dos 5 mil. Sim, há que se pesar o frio, o horário das 22h, o ingresso a R$ 30 e tudo mais, mas o principal é que ninguém dá a mínima para esta competição. Era melhor ter ficado ontem no 1 a 0 para seguir com a cabeça focada apenas no pentacampeonato nacional. Pena que o time do Vasco é tão fraco...

E Edmundo é sempre ídolo!

15 comentários:

Rafael [Palmeiras Let's Gol!] disse...

Acredito que não. Na próxima fase, é só jogar com um misto aqui no Palestra, e lá em Lima mandar somente os reservas. Não tem como atrapalhar.

Apesar de nosso elenco não ser como aquele de 99, que disputava e mandava bem em três campeonatos simultâneos, acho que dá pra seguir nas duas competições.

Fora que, a Sulamericana é uma boa para já ir se adaptando ao estilo dos hermanos sulamericanos. Lembram do Inter? Chegou em duas semi-finais de Sulamericana, e no ano seguinte venceu a Libertadores. Acredito que a experiência que adquiriram nos anos anteriores nesse torneio menor ajudou muito nessa conquista.

Anônimo disse...

Creio que os jogadores não são meninos e não cairão nessa.
Além disso, o time do Vasco é esforçado, mas ruim de dar pena.

Pergunta: Edmundo teve alguma homenagem por parte das testemunhas que foram ao Palestra ontem? Não consegui ouvir isso na transmissão.
Ao menos, pelos serviços prestados, deveria ter seu nome lembrado pela torcida (postitivamente, é claro).

Parabéns pelo blog. Suas histórias são muito legais.
Sandro - Salvador-BA

Fernando Cesarotti disse...

Pô, eu curti. E nem que não quisessem, não tinha como não fazer 3 a 0. Horroroso é pouco para o time do Vasco.

Dani disse...

Ei! Não seja tão descrente. Pense que esse campeonato nos renderá uma graninha e será um pequeno aquecimento para a Libertadores 2009.

Edmundo sempre ídolo! Foi sem dúvida a melhor frase do post!!!

Beijos

vitor mv disse...

Concordo com o Rafael, acho que a Sulamericana será um bom "treinamento" para aqueles jogadores que não tem experiência em torneios sulamericanos, já serve pra eles se adaptarem a libertadores.
Mas realmente o time do Vasco é medonho hein..

E sobre o Edmundo-sim- será sempre ídolo!

Abraços rapaziada,

[SEP] Valmir disse...

Gostei da vitória ontem e da boa estréia do Thiago Cunha.

Oportunista, batalhador e com um golaço o 1º e senso de colocação no 2º.

Vou discordar do grande Major e acreditar em uma adequação às 2 competições por parte dos jogadores.

Tá, a taça da Sulamericana pode até não valer grande coisa.
Seria legal se desse ao vencedor uma vaga na Libertadores.
Mas me parce que o prêmio é de US$ 2 milhões.
Seria isso?

se for, além do título ajuda o caixa do Verdão!


AQUI É PALESTRA,
AQUI É PALMEIRAS
ONTEM, HOJE E SEMPRE SERÁ!

PS: Favor não copiarem esta frase, deu trabalho o Tico e o Téco criarem ela como uma assinatura.
KKKKKKKK

No mais, abs meus caros amigos!

FUI,

marcel mv zl disse...

Edmundo é foda!!!

Curioso foi ver a expressão de dor e mágoa do dono do blog a cada gol tomado pelo Vasco.

Forza Palestra disse...

Sandro,

Obrigado pela visita. Sim, Edmundo teve o nome cantado, como de costume. A música de sempre. E fez questão de se dirigir à torcida para agradecer. Pena que tinha tão pouca gente. Domingo será diferente.

Abraços

Rafael [Palmeiras Let's Gol!] disse...

A tese do Barneschi vale muito para o Vasco. Esse sim necessitava desta eliminição. Mal tem um time titular que represente, quanto mais elenco para levar duas competições.

Agora pode se concentrar em não ser rebaixado. O que seria um atraso não só a este clube, como ao futebol brasileiro como um todo. Porque, não sei como está a política de lá, mas acredito que o ex-ditador Eurico Miranda ganhará muita força para voltar se, de fato, o Vasco descer.

Lucas Faléco [Lucão] disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lucas Faléco [Lucão] disse...

Quando começou o prélio ontem, tive um misto de esperança na conquista da vaga, e vontade de ver o Parmera entregando logo a rapadura para a rapaziada do Rio, com o fim de se concentrar no Brasileirão.

A Copa Sul Americana é deveras complicada, pois os times de outros países entram com tudo para levar o caneco. Não à toa, o Brasil nunca conquistou uma [há 7 anos o torneio é disputado], pois o nosso Brasileirão é de alto nível.

Sinceramente, acho que o Verdão deve priorizar, sim, o Campeonato Brasileiro. Chegará um momento de afunilação [já tivemos um confronto direto contra os Smurfs-MG], sendo que, fatalmente, haverá a necessidade de se escolher entre uma competição e outra.

Apesar do nosso elenco ser muito competitivo, nossas mazelas [exemplo: fragilidade defensiva] acabarão às escancaras com o ritmo frenético e complicado da Sul Americana e do Brasileirão.

De qualquer forma, foi uma bela vitória, e Edmundo é ídolo, ponto.

Lucas Faléco [Lucão] disse...

Rafael

Meu tio aventou uma tese interessante: como tudo conspira contra o Vasco [vide os pilantras que sobem as colinas para meter a mão], há a possibilidade de existir um dedo do Tôrrico nessa história toda [prejudicando a situação que ora comanda São Januário]...

Nicola disse...

Eu discordo.

A Sul-Americana, pra mim, tem que ser levada a sério. Pode ser muito benéfica, tanto servindo de laboratório para a Libertadores ano que vem, e também pela visibilidade que ela pode dar, haja vista que o campeão joga contra a LDU, campeã da Libertadores…

E o Palmeiras já foi campeão pelo menos uma vez de todas as competições que disputou. Não podemos quebrar essa escrita de jeito nenhum! Seremos o 1º time brasileiro a conquistar essa competição, e jogar na cara de todos que ela é importante, afinal seriamos o único time brasileiro com moral pra dizer isso. E rola uma graninha também…

Acredito que temos elenco pra disputar as duas competições. Maicosuel, Denílson, Lenny, Thiago, Preá, Gladstone e Jefferson são alguns dos jogadores que não serão titulares no Brasileiro, quando muito entrarão quando alguém estiver suspenso ou no decorrer do jogo mesmo. Vamos até onde der com time misto, aí se chegarmos as semi-finais, nos focamos no título mesmo. Nada improvável...

Fato é que nosso calendário tem que ser melhor adequado, tanto em relação à janela de transferências para a Europa quanto as competições nacionais e internacionais. Um Campeonato Brasileiro com 16 times seria o ideal.

Anônimo disse...

nos vamos vencer os dois campeonatos.e tenho certeza que o vasco vai se recuperar... a partir de segunda.

Anônimo disse...

quanto ao edmundo...ele jamais sera esquecido, alias, como esquecer de seus dribles??o animal simplesmente passava por cima de tudo e todos.
seu unico problema e o genio e a arrogancia, mas sempre o esperei na entrada do estadio.