04 março 2009

Faltou Felipão...

... e eu não me refiro especificamente ao grande Luiz Felipe Scolari, mas sim ao espírito que ele tão bem soube compreender – e que faltou hoje mais uma vez. Libertadores é uma batalha diferente de qualquer outra. Em jogos como o desta noite, já diz a música que cantamos na arquibancada, “tem que jogar com a alma e o coração”.

Ao lado de Carlos Bianchi, Felipão é o técnico recente que melhor compreendeu a essência de uma Copa Libertadores da América. Mas observem que não é preciso ser Felipão para conseguir isso, pois mesmo alguém como Celso Roth, em 2001, também soube fazer um time limitado jogar com o espírito de Libertadores. Isso é o bastante (ou o essencial) para avançar na competição sul-americana.
O Madureira, é forçoso reconhecer, jamais entenderá o espírito de uma Libertadores. Seus ternos bem cortados, seu discurso profissional e sua incapacidade de praticar o anti-jogo não combinam com um Defensores del Chaco, com um Atanasio Girardot, com um Centenario. Simplesmente não combinam, e isso não é crítica, mas constatação.

Luxemburgo não entende (ou não aceita), mas Libertadores é menos esquema tático e mais coração. É menos planejamento e mais entrega. É menos técnica e mais garra. Libertadores é catimba, é cera, é anti-jogo mesmo. É bicão pra fora, é porradaria, é juiz mandando o jogo seguir mesmo depois de uma agressão.

Libertadores é não ter vergonha de perder de pouco fora para resolver em casa. Mas -
e aqui reside o detalhe importante - é preciso resolver tudo em casa, algo que não fizemos hoje.

É pena, mas nos iludimos por muito pouco. E percebemos agora, tarde demais, que Madureira e Libertadores definitivamente não combinam.
Libertadores é guerra. É sangue escorrendo pela testa, é pedra sendo atirada da arquibancada, é a alma que fica no gramado. Libertadores, meus caros, é Felipão atirando a bola no gramado para retardar o jogo.


***
BREVES NOTAS
1. Está de parabéns o Colo-Colo, que jogou com esse espírito de Libertadores. Catimbou, fez cera, bateu na hora certa, foi guerreiro ao extremo. E ainda encontrou tempo para jogar futebol, algo que nem era assim tão importante. Uma atuação notável e uma vitória justíssima do time chileno.


2. Não é bem a praia deste blog, mas eu juro que queria entender o que se passou pela cabeça do Madureira para colocar em campo no intervalo logo o Jumar...

3. Pobre Pierre...

4. Vocês vão me desculpar, mas nego que recebe R$ 500 mil por mês deve ser cobrado por não conseguir acertar a defesa depois de tanto tempo.

5. Sim, o protesto foi correto. Cantamos o jogo inteiro, mesmo depois dos 3 a 1, e era nosso direito xingar o treinador. É uma postura bem diferente da cornetagem inconseqüente e mesmo da passividade daqueles idiotas de boné branco que infestam o Setor Visa. Aquilo, seja lá o que for, é uma vergonha.
***

E faltou Kléber, o Gladiador...

28 comentários:

Carlos Eduardo disse...

só por contratar o Roque JR e depois o Edmílson, o Luxerley Vandemburgo já deveria ser crucificado

rafael, da silva disse...

grande canaglia

madureira fez algo que nem Márcio Araújo, nem Murtosa, nem Paulo Bonamigo fariam

Queimar 2 substituições com lateral-esquerdo e volante....e o time tava perdendo...

na minha opinião jeci é mais zagueiro pra libertadore que edmilson e danilo....ele nao tem medo de fazer falta, dar carrinho ou dar bicão pra fora...ja os dois ilustres zagueiros querem jogar bonito
CARALHO...bola pro mato que é jogo de campeonato....

eu aposto que somaremos no maximo 6 pontos...

Anônimo disse...

A derrota de hoje para o Colo-colo me fez matutar algumas coisas sobre o Luxemburgo.

Ele começou o ano desacreditado, bastante questionado mesmo. Se ele começasse o Paulista vacilando, a pressão poderia se tornar insuportável e a demissão inevitável.

Eu pergunto: será que ele não forçou demais o time no começo do Campeonato Paulista, quando a maioria dos times está ainda engatinhando fisicamente? Não foi uma estratégica do Luxemburgo forçar o time além do recomendável no começo do ano para acabar logo com as críticas? Como se sabe, a evolução física de um time deve ser gradual, para que os jogadores não se arrebentem no meio da temporada. Na minha opinião, Luxa, malandramente, acelerou o processo para dar a impressão de que o time está voando. Mas, como se viu na partida de hoje, o Palmeiras tem muitas deficiências, sobretudo defensivas.

Paulo D. Prado

cruzdesavoia disse...

Na mosca, velho. É exatamente isso que conversávamos depois do jogo, com Ademir e meus irmãos: o cara se recusa a mudar sua maneira de enxergar uma competição, como se a Libertadores pudesse se adequar ao seu esquema de jogo. Mas não sei não se estamos assim tão fora...

Rafael disse...

O Luxa deve ser cobrado constantemente pelo setor defensivo, visto que deixou o Gustavo ir embora.

Forza Palestra disse...

Bem lembrado, Rafael. Falava sobre isso com o meu irmão hoje. Quem agora vai cobrar dele a dispensa do Gustavo? E a insistência em não colocar o Wendel?

Vitor MV disse...

PUTA QUE PARIU!!Essa é a única frase que vinha na minha mente ontem.


Barneschi, você disse tudo velho!
Tomar 6 gols em 2 jogos pela libertadores é simplismente inadmissivel, é o que eu sempre digo, o Madureira é um bom treinador? Sim, mas com o time e com as "condições" que ele tem em mãos, até meu priminho de 7 anos faria melhor.
Podem falar o que for de treinadores como Celso Roth, Jair Picerni, e tantos outros que passaram no comando do Palmeiras, mas eu queria ver um-apenas UM - deles com o time que o Madureira tem em mãos hoje, e não tendo que se contentar com Tuta,Alexandre,Indio,etc.

*Até no futebol dente de leite de crianças de 10 anos, os zagueiros sabem que quando tem uma situação como aquela do 3ºgol, a única e sábia saída é dar no MEIO do atacante e jogar ele longe, pena é que nossos zagueiros de hoje, mesmo tendo 50 anos de experiência nas costas não aprenderam absolutamente nada!!

Abraços,

Daniel disse...

"Libertadores, meus caros, é Felipão atirando a bola no gramado para retardar o jogo."

E FALOU TUDO!!!!!!!!

Suardi disse...

Ontem, igual a todos aqui, estava visivelmente transtornado, a ponto de não entender o que aconteceu. Moro a uma distância considerável da capital e frequento quando posso os jogos do Palestra in loco. Concordo com quem diz que se for para o estádio, vá para apoiar! Não vá para xingar ou vaiar! Esse tipo de atitude só atrapalha! Ontem era visivel o nervosismo dos nossos jogadores, é nestas horas que eles precisam da torcida do seu lado, não quando as coisas vão bem! Se for para ter este tipo de atitude, fique em casa, em frente a TV, desta forma você não atrapalha. Todos nós sabemos que o time não é ruim, falta experiência é verdade, ontem além da experiência faltou atitude, isso é fato, mas nada está perdido. Basta nossa torcida apoiar em vez de vaiar e xingar. Os jagadores vão entender o recado e jogarão com mais atitude. Ontem ao final do jogo achava que tudo estava perdido, já havia jogao a toalha, hoje mais calmo e centrado acredito que dá para classificar! Não tranquilamente como pretendíamos, mas vamos classificar. Vai ter que ser na base do sufoco e da raça.

Quanto ao Madureira, não vou entrar nesta discussão. Não é segredo para ninguém que ele não sabe ou não quer jogar o estilo libertadores

Acreditar e apoiar sempre!

Suardi disse...

Quando falo da torcida apoiar, falo daqueles idiotas do setor visa, bando de FDP.

Ademir Castellari disse...

Caro Barneschi, redução da capacidade do Palestra já. Assim, somente os 15 mil que apoiam vão até lá. abraço.

marcel mv zl disse...

Assino embaixo Barneschi.

Da uma olhada no que o mercenário falou:

"É a mesma torcida que no Carnaval não consegue sair da décima posição. Não consegue vencer um campeonato. Não são todos, mas uma parcela da torcida do Palmeiras."

É um safado mesmo, além de ajudar financeiramente o Carnaval da torcida do santos, ainda faz provocações? Ele tem que começar a trabalhar e é bom sairmos com a vitória no domingo...

Abraço... ah, ve o dia que vc vier por aqui a gente marca o almoço...

Forza Palestra disse...

Sim, Marcel, tem toda a razão. Eu ouvi a declaração também, e é de uma infelicidade extrema. Ele veio com provocações baratas e isso só vai contribuir para acirrar os ânimos.

Seria mais digno reconhecer as falhas que ele tem e se propor a corrigi-las. Afinal, não é verdade que ele só ganha o Paulista? Por que diabos ele não se propõe a provar o contrário?

Repito: nego que ganha R$ 500 mil por mês tem de ser cobrado de maneira bastante severa. Chega de condescendência! Aqui é PALMEIRAS!

don vitotti disse...

qdo eu exponho minhas opiniões sobre o time, torcida, determinados jogadores, técnicos, dirigentes e vai contra o pensamento dos q ouvem minhas opiniões, eu sou o corneteiro.

engraçado que eu falo há uns 2 anos q o luxemburgo não é técnico pra libertadores e q o celso roth era mais técnico que ele (pra libertadores), mas eu era o corneteiro...

ainda bem q não ligo pro q pensam ou falem, eu sigo uma linha de racíocinio sempre.

e pra continuarem me chamando de corneta, deixou aqui mais uma opinião:

"não é só o luxemburgo q não tem cara de libertadores, o PALMEIRAS não tem cara de libertadores!"

o PALMEIRAS é academia, é futebol bonito, exceto com Felipão, eu nunca vi o PALMEIRAS fazer cera, catimbar, bater, gandula jogar bola pra dentro do campo...exceto com felipão, eu nunca vi o PALMEIRAS campeão com jogadores limitados, jogadores com raça...não, o PALMEIRAS só é campeão qdo monta timaços, cheio de estrelas ou no mínimo de bons pra ótimos jogadores (pro nível do brasil).

Don Vitotti - o corneteiro que acerta em 90% do que fala.

Hiran disse...

É, falou tudo. Tá explicado, e é por isso que o Madureira nunca vai ser um Felipão, eu nunca vai dirigir o Brasil numa Copa.

marcelo_geral disse...

Esse jogo me irritou tanto quanto o do Grêmio no ano passado no Palestra. Puta falta de vontade, apatia total. O time marcando a distância quando o mínimo que se exige numa decisão é chegar junto, com vontade.

E essa zaga de donzelas? Minha visão não era a melhor,mas me pareceu que nos 3 gols o atacante tava contra dois zagueiros, que sequer incomodaram o filho da puta.

Se for pra continuar jogando assim eu prefiro ser eliminado nessa primeira fase, o que é provável que aconteça.

Forza Palestra disse...

Vitor,

A questão é: você só sabe cornetar. Você é muito meu amigo, e é por isso que eu me sinto bastante à vontade para dizer que você às vezes se comporta como essa enorme massa que vai ao estádio não com o objetivo de ajudar o time, mas com o objetivo de descarregar sua fúria nos jogadores, no técnico ou em quem quer que seja. Veja: não estou dizendo que você é desse tipo, mas sim que você tem atitudes que não condizem com a postura de um torcedor.

Não vou entrar no mérito das suas críticas ao técnico, aos jogadores ou a quem quer que seja. Está no seu direito. Mas não entendo como um palmeirense pode fazer como você, que vira e mexe contesta a própria história do clube.
Apenas a título de informação:

O Palmeiras não apenas é o clube brasileiro com mais participações em Libertadores (ao lado dos bambis) como é também o que tem maior número de jogos. E chegou a quatro finais de Libertadores (1961, 1968, 2000 e 2001), além de três finais de Mercosul (1998, 1999 e 2000). Portanto, não coloque a culpa no Palmeiras.

Muricy (ou Fernando) disse...

Desculpe, mas não pude deixar de observar. Visitei vários blogs palestrinos e a crítica é constante: a torcida do time está infestada de modinhas e gente que não respeita a história do clube.

Pois então vamos concordar agora que não é só a torcida do SPFC que é uma merda.

No fundo tanto o palmeiras quanto o sao paulo tem lá pouco milhares de de "torcedores verdadeiros de estádio"

abs

luiz disse...

Pior ainda é ver o Gladiador jogar hj com o uniforme dos marias...
puta q pariu!!!!!!!!!!!!!!!!!!

luiz disse...

Pior ainda é ver o Gladiador jogar hj com o uniforme dos marias...
puta q pariu!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Ademir Castellari disse...

Muricy (ou Fernando) você pode ter razão os fatos estao aí para mostrar isso. A diferença? É que aqui nós combatemos essa gente, por lá as incentivam, loja em rua da moda, uniformezinhos da moda, toredores da moda. Aqui não, aqui é Palmeiras, e nós - eu pelo menos vou combater isso até o último dos meus dias.

Nicola disse...

Luxemburgo não entende (ou não aceita), mas Libertadores é menos esquema tático e mais coração. É menos planejamento e mais entrega. É menos técnica e mais garra. Libertadores é catimba, é cera, é anti-jogo mesmo. É bicão pra fora, é porradaria, é juiz mandando o jogo seguir mesmo depois de uma agressão.

Falou tudo cara, e a partir disso, dá pra dizer que a Libertadores é, antes de tudo, inteligência. Inteligência pra entender e tirar proveito disso. O Colo Colo ontem foi perfeito, deu uma aula do que é jogar uma Libertadores.

Nossa defesa falhou sim, mas e a porra do ataque? Fosse eficiente, a zaga não ficaria tão exposta. Acharam que ia ser o mesmo que marcar gol no Potosí, e deu nisso... E o Diego Souza é um merda, um lixo, um CÂNCER nesse time. Só tá aí por causa da Traffic. O Keirrison teve que correr por ele. Que nem Kléber e Alex Mineiro ano passado, depois do Valdivia sair. Vergonhoso.

Agora temos que vencer o Sport lá na Ilha do Retiro. Senão adeus mesmo.

E ainda tem bambi que insiste em comparar a merda da "torcida" delas com a nossa. Querem o que? Ingresso a 40 paus, e tudo que foi relatado a respeito da dificuldade na compra de ingressos. Oportunista tem em qualquer torcida, o que bambi não entende é que a delas é caracterizada por isso.

Zoinho centro/sul disse...

MAno na minha opinião os muleques pipocaram !!
Tremeram mesmo, o WL falando que era o jogo do ano e tal.
Sobre a MV achei certo as criticas, porém antes mesmo do jogo estava gritando "é dia 08", como se o classico fosse mais importante. O Palmeiras ganhar dos gambás é sempre obrigação, assim como é obrigação ganhar em casa um jogo de libertadores.
Sou muito confiante, mas dessa vez não sei se agente passa da 1º fase.
Sobre o Vitor tenho uma opinião, ele é muito chato, mas é um personagem que ele incorpora em dias de jogo, a do corneteiro, ele acha legal ser o do contra da galera, não o julgo, e até torço para ser isso mesmo, pq se ele for chato do jeito que é com tudo na vida vai continuar virgem por mais um bom tempo.

Abraços

Zoinho

Anderson Ugiette disse...

o don vitotti é um novo luigi??
por falar nisso KD O LUIGI??
enfim...
abraços!!

se você tem culhões vá ao estadio, se não, FIQUE EM CASA.

FORZA PALESTRA e PELO SPORT TUDO!

Fábio Niterói disse...

Este texto do Barneschi é um dos mais precisos que eu já li. Reflete EXATAMENTE o que está acontecendo. E mais: colocou em palavras perfeitas o que eu mesmo sentia, sem saber expressar exatamente.

Valeu!!

Em tempo: mata-mata REALMENTE não combina com Luxemburgo. Mas como ele não é nenhum burro, se tiver humildade é capaz de aprender a jogar mata-mata -- pois é suficientemente malandro.

Catedraldeluz disse...

"O Verdadeiro Palmeiras" não jogou na 3.ª feira, contra o Colo-Colo.

Eu acredito no "Verdadeiro Palmeiras".

"O Verdadeiro Palmeiras jogará domingo, em Presidente Prudente".

Quem viver, verá!

"Construir para poder conquistar! Acreditar sempre!"

Claudio Yida Jr disse...

O Zoinho é o mestre Yoda deste espaço!!!!

Anônimo disse...

A nota 4 é a única que de fato me é familiar. Sempre penso nisso. Aho que no futebol, hoje em dia, ganha-se muito dinheiro para não exercer a profissão de maneira eficiente, criativa e esforçada. Só que eles não têm exatamente um 'chefe' personificado... Então sobra para a torcida fazer a cobrança - da forma como conseguir. Beijo